Oi, o que você está procurando?

ensino

Prefeitura de Araçatuba prepara Educação para volta às aulas presenciais

Município lança nesta quinta-feira o programa "Apoiando quem Educa"

Imagem ilustrativa

A expectativa de retorno presencial das aulas em meio à pandemia, previsto pelo Governo do Estado de São Paulo para 8 de setembro deste ano, e as inúmeras alterações na forma de ensinar, que tiveram que ser aprendidas em tão curto espaço de tempo para que as aulas continuassem ocorrendo de forma remota, tem gerado nos profissionais da educação uma sobrecarga emocional muito grande. Para apoiar estes profissionais, a Prefeitura de Araçatuba estará lançando, na próxima quinta-feira (16), às 15h, o programa “Apoiando quem Educa”.

Segundo a secretária municipal de Educação, Silvana de Sousa e Souza, o programa é voltado a todos os profissionais que atuam na Municipal de Ensino, independentemente do cargo que ocupam, e será implementado com o redirecionamento de ações das psicólogas e técnicas de enfermagem que integram o quadro de profissionais da Secretaria de Educação.

O Programa terá 3 focos de atuação:

1- Monitoramento de todos os casos de profissionais da educação com suspeita/confirmação de Covid-19, através de contato telefônico das técnicas de enfermagem, levando além de orientações de saúde, o acolhimento pela instituição da qual faz parte;

2- Grupo psicoeducativo, com 3 encontros virtuais mediados por psicóloga, com os temas: Minhas emoções em tempos de incerteza; Conversando sobre os efeitos da quarentena em nossa saúde emocional e Vínculos e afetividade por trás das telas: mantendo minha saúde mental.

3- Escuta atenta em psicologia educacional, com acolhimento individual por meio virtual, voltado às demandas psicológicas decorrentes da pandemia e suas possíveis consequências no dia-a-dia de trabalho.

O atendimento ligado ao primeiro foco se dará sem a necessidade de inscrição, bastando que cada gestor educacional mantenha atualizado junto ao Caema, os casos com suspeita/ confirmação de Covid-19 da unidade em que é responsável.

Já para participar dos atendimentos previstos no segundo e terceiro foco, os interessados deverão se inscrever por e-mail.

Para que todos possam compreender o funcionamento do Programa e saber os procedimentos necessários para se inscrever, o lançamento se dará através de uma live na página da Secretaria de Educação no facebook, nesta quinta-feira (16), às 15h.

Se a pandemia deixar

O governo de São Paulo anunciou, em 24 de junho, que o retorno às aulas presenciais no estado está previsto para o dia 8 de setembro e terá escolas com 35% da capacidade máxima de alunos.

Para isso, estão previstos um rodízio entre os alunos e a manutenção de um sistema híbrido, reunindo o ensino presencial e o ensino remoto.

A medida será válida para escolas públicas e privadas e contemplará todas as etapas de ensino, passando pela educação infantil, ensino fundamental, ensino médio e ensino superior.

De acordo com o governo, há 13,3 milhões de alunos em todo o sistema de ensino no estado.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!