Oi, o que você está procurando?

FLAGRANTE

Homem é preso após incendiar casa e ameaçar a ex-mulher, em Araçatuba

Acusado foi preso na rodoviária, de onde pretendia fugir para o Pantanal Matogrossense

Um construtor de 40 anos foi preso em flagrante, na rodoviária de Araçatuba, quando pretendia fugir para o Matogrosso, após ter incendiado a casa onde vivia com a ex-mulher, no Jardim Etharari, zona norte de Araçatuba, na noite desta quinta-feira (11). Na noite domingo (7) outro caso semelhante aconteceu no bairro Atlântico, onde um homem ateou fogo na casa e chegou a jogar óleo para atear fogo na companheira.

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima foi casada durante quatro anos com o acusado, mas no dia anterior eles romperam o relacionamento. O homem, através do aplicativo whatsapp, ameaçou a vítima e também ameaçou atear fogo no imóvel.

Entretanto, a vítima não estava na residência na hora dos fatos, pois o irmão do indiciado mandou mensagem alertando-a para sair da casa, porque o construtor informou que iria matá-la. Quando os policiais chegaram no local encontraram a casa incendiada, mas os bombeiros conseguiram conter as chamas.

A vítima relatou ainda que havia acabado de receber outra mensagem do irmão do acusado, informando que este disse que cumpriu sua promessa e que iria para a rodoviária esperar o ônibus com destino ao Pantanal matogrossense. Os policiais militares deslocaram-se até a rodoviária, onde encontraram o indiciado.

Indagado sobre os fatos, ele confirmou a autoria do incêndio e disse que estava indo para o Pantanal. Ele foi preso em flagrante e ficou detido à disposição da Justiça.

OUTRO CASO

A Polícia Civil registrou nesta quarta-feira (10) um boletim de ocorrência e vai investigar um outro caso, em que uma dona de casa foi vítima de agressão, ameaça, violência doméstica e teve a casa parcialmente incendiada pelo companheiro, que fugiu após o ato de violência, ocorrido no último domingo (7). O acusado quase ateou fogo na mulher.

De acordo o boletim de ocorrência, quando os policiais chegaram no local encontraram a vítima sentada em uma cadeira sendo apoiada por vizinhos, apresentava algumas marcas de agressão pelo corpo de agressão e estava muito nervosa. Populares informaram que o companheiro da vítima tinha colocado fogo na residência e posterior fugiu de moto.

A vítima informou que após beber cerveja com seu marido o mesmo ficou agressivo, falou que ia matar ela queimada, jogou óleo em seu corpo, foi agredida com um capacete e gritou por socorro quando vizinhos ouviram e entraram na residência. Ela disse que não se recorda de mais nada porque desmaiou e só acordou com a chegada dos bombeiros.

No interior da casa os policiais constataram janelas danificadas, vários móveis fora do lugar, televisão e uma caixa de som queimados pelas chamas. A vítima foi socorrida ao pronto-socorro por uma unidade de resgate do Corpo de Bombeiros e levada ao pronto-socorro municipal.

Uma viatura autobomba do Corpo de Bombeiros foi mobilizada mas não precisou atuar porque as chamas foram contidas por vizinhos. A Polícia Civil vai investigar o caso.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!