Oi, o que você está procurando?

fugiu

Homem agride, joga álcool no rosto e ameaça atear fogo na companheira, em Araçatuba

Um gesseiro de 42 anos está sendo acusado de agredir a esposa, uma cabeleireira de 33 anos, jogar álcool em seu rosto para atear fogo, só não conseguindo porque a vítima se trancou no banheiro. Após tomar banho para se livrar do álcool ela correu, se trancou no quarto da filha e colocou um guarda-roupas para impedir a entrada do marido, que chegou a arrombar a porta com uma marreta.

O caso aconteceu na noite desta segunda-feira (22) na residência da família, no bairro Alvorada, em Araçatuba. A vítima procurou a delegacia para registrar o boletim de ocorrência. Ela disse que é casada com o acusado há sete anos e o casal tem três filhos, sendo dois de relacionamento anterior da vítima e uma criança de três anos fruto da relação com o gesseiro.

Nesta segunda-feira ele chegou bêbado e agressivo em casa e passou a discutir com a mulher. No “calor” da discussão,  jogou álcool no rosto da vítima com a intenção de lhe atear fogo. O acusado só não cumpriu a ameaça porque ela correu para o banheiro, se trancou e entrou  no chuveiro para se livrar do álcool.

Em seguida a mulher correu até o quarto de sua e ambas se trancaram. Exaltado, o acusado pegou uma marreta e começou a desferir golpes contra a porta do quarto, que acabou cedendo, mas a vítima e sua filha tinham colocado um guarda-roupas na frente da porta.

Em seguida, o homem começou a golpear a janela, quando a mãe da vítima chegou na companhia de alguns meninos que residem na vizinhança. Durante o entrevero, a filha da vítima pediu ajuda para o irmão, que tinha ligado para a mãe.

Com a chegada das pessoas o acusado fugiu.A vítima fez o boletim de ocorrência e disse que quer fazer a representação criminal contra seu companheiro.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!