Oi, o que você está procurando?

POLÍTICA

Abraham Weintraub é multado por não usar máscara em ato pró-Bolsonaro

O Governo do Distrito Federal (GDF) multou o ministro da Educação, Abraham Weintraub, em R$ 2 mil por não usar máscara. Um decreto distrital proíbe circulação em locais públicos sem o adereço de proteção.

Apesar da fiscalização sobre a obrigatoriedade do uso de máscara na capital do país ter começado em 18 de maio, essa é a primeira penalidade aplicada contra pessoa que desobedece a norma.

O auto de infração expedido nesse domingo (14/06) foi obtido pela coluna Grande Angular. Segundo o documento, Weintraub “foi flagrado em espaço, via ou logradouro público (Esplanada dos Ministérios) sem máscara de proteção (EPI) facial de uso obrigatório”.

O documento ressalta que a ação estava “em desacordo com o estabelecido no decreto nº 40.648/2020 do Distrito Federal”.

Confira o auto de infração:

Weintraub se encontrou, na manhã desse domingo (14/06), com apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em frente ao Ministério da Agricultura, na Esplanada dos Ministérios.

O grupo se reuniu onde estava, até sábado (13/06), o chamado “acampamento do agro”, desmontado pelo GDF, por violar as regras de isolamento social.

O objetivo do ministro era “prestar solidariedade” ao manifestantes. Durante a visita, Weintraub gravou vídeo com um dos manifestantes, Emerson Teixeira, que mantém um canal no YouTube.

“Ministro veio aqui dar uma força pra gente”, explica Teixeira. “Aqui estão os bravos patriotas, a polícia fechou o cerco aqui, ninguém consegue mais entrar na Esplanada”, diz ele, demonstrando indignação com o decreto do governador do Distrito Federal Ibaneis Rocha (MDB), que proibiu manifestações na Esplanada por 24 horas neste domingo.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!