Oi, o que você está procurando?

Birigui

Homem é preso após tentar matar a mulher e agredir a sogra e cunhada com facão

Imagem Ilustrativa

Um montador de 33 anos, morador no bairro Jandaia 2, em Birigui, foi preso em flagrante no final da tarde desta terça-feira (5) acusado de tentativa de feminicídio contra a sua companheira, de 27 anos, atacada com golpes de facão. O homem também agrediu sua cunhada, de 29 anos, e a sogra, uma calçadista de 51 anos.

De acordo com o boletim de ocorrência, guardas municipais estavam parados no Pronto Socorro Municipal de Birigui, localizado na Rua Luiz Oba, por volta das 18h, quando viram a vítima chegando toda ensanguentada, sem capacete, na garupa de uma moto. O condutor da moto apenas havia socorrido a mulher, que pediu aos guardas que prendessem o marido dela.

A vítima contou que o companheiro tentou mata-la usando um facão. Em seguida chegou no pronto socorro o marido da vítima, conduzindo Corsa, de cor prata. O carro apresentava manchas avermelhadas na parte externa, possivelmente de sangue, e danos na lataria e no espelho retrovisor esquerdo.

O homem alegava que queria ver a esposa. Diante da informação de que Robson teria sido o autor das agressões, os guardas o detiveram e foi feito uso algemas. O acusado não ofereceu resistência, porém, disse que iria entrar no pronto socorro para ver sua esposa.

Antes de ser medicada, a vítima informou ainda que as agressões ocorreram na casa da mãe dela, localizada na rua Antonio Canella, e que o autor teria desferido golpe de facão contra a mãe, atingindo seu antebraço esquerdo, e ele também desferiu socos e chutes contra a irmã.

Em decorrência dos golpes de facão, a vítima sofreu ferimentos graves em dedos da mão esquerda e corte profundo na mesma mão, sendo encaminhada imediatamente para o centro cirúrgico da Santa Casa local.

As outras duas vítimas foram medicadas e apresentadas no plantão policial para prestarem declarações. Na casa onde se deram os fatos, tanto na parte interna do quintal e na parede, quanto na calçada da frente, havia manchas avermelhadas, certamente de sangue das vitimas, além do facão utilizado pelo autor. O objeto tem 50 centímetros e estava com manchas de sangue.

Diante das circunstâncias foi dada voz de prisão em flagrante ao indiciado, pelo crime de Tentativa de Feminicídio e Lesão Corporal Dolosa, em situação de violência doméstica e familiar contra a mulher. O indiciado foi encaminhado à Cadeia Pública de Penápolis, onde permanece preso à disposição da justiça.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
45