Fique Ligado!

Oi, o que você está procurando?

INACEITÁVEL

Empresário agride repórter de afiliada da TV Globo, em Minas Gerais; vídeo

Repórter de afiliada da TV Globo foi atacado por homem que tentava impedir que ele filmasse uma escola de cadetes, em reportagem sobre militares com Covid-19

Equipe da TV Integração, afiliada da TV Globo, foi agredida enquanto fazia reportagem na cidade de Barbacena, Campo das Vertentes, no interior de Minas. Empresário e cinegrafista entraram em luta corporal após discussão verbal.

De acordo com boletim de ocorrência, o cinegrafista Robson Panzera estava realizando gravação de reportagem na rua quando o empresário do ramo de massas, Leonardo Rivelli, passou de carro filmando com celular proferindo palavras ofensivas e gritando “Globo lixo”, dando início a uma discussão verbal.

Conforme o vídeo, em dado momento, o empresário iniciou ataque ao cinegrafista e tomou parte do equipamento de filmagem. Com o tripé da câmera em mãos, o agressor atingiu a mão do cinegrafista que tentava se defender e segurar o equipamento. Ainda durante a agressão, Leonardo chutou a câmera que ficou danificada.

Logo após o ocorrido, o agressor deixou o local, mas foi preso logo depois. Ao final da tarde, o empresário pagou fiança e foi liberado. O agressor vai responder por dano qualificado e lesão corporal.

Anunciante

O cinegrafista Robson Panzera teve fratura no dedo da mão e foi encaminhado ao hospital.

De acordo com o advogado de defesa Pedro Possa, Leonardo Rivelli estaria insatisfeito com a cobertura jornalística da TV. Segundo Rivelli, a Globo espalha terror na cobertura sobre casos de COVID-19.

Leonardo Rivelli era sócio da empresa Massanobre Produtos Alimentícios Ltda e responde acusação penal de burlar o pagamento de ICMS, um imposto estadual sobre circulação de mercadorias. Segundo a empresa, Rivelli não é mais sócio.

Em 2013, o Ministério Publico de Minas Gerais passou a investigar Rivelli por sonegação. Em dezembro de 2016, o MP-MG ofereceu denúncia à Justiça.

“A administração da empresa MASSANOBRE PRODUTOS ALIMENTÍCIOS LTDA, desde 2009, vem omitindo, reiteradamente, o recolhimento de ICMS por operação própria, além de não recolher os valores do ICMS retidos por substituição tributária”, diz trecho da denúncia que gerou o processo que corre sob o número 0159853-78.2016.8.13.0056. Aqui está o processo.

O processo corre na 2ª Vara Criminal na comarca de Barbacena e ainda foi concluído. Havia uma audiência marcada para 11 de maio último, mas ela não ocorreu.

Empresário Leonardo Rivelli (foto) agrediu cinegrafista e destruiu equipamentos da TV Integração

Repúdio

Em nota, a TV Integração repudiou a agressão sofrida por seu profissional em Barbacena (leia ao fim do texto). “Sobre o ocorrido a TV Integração reitera que pauta seu trabalho na ética, na inovação, no pioneirismo e no respeito à pluralidade. E faz isso há exatos 56 anos. Tempo no qual aprendeu a abrir espaço a toda manifestação democrática e legítima. Nos solidarizamos com nossos colegas Robson (cinegrafista) e Thais (repórter) e lamentamos o ocorrido hoje em Barbacena. Reiteramos nosso compromisso com a verdade, o localismo, o respeito às liberdades e a divergência. Valores que não abandonaremos a despeito do ocorrido”.

A Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (ABERT) também se manifestou em solidariedade aos profissionais e repudiou o ato (leia a íntegra ao fim do texto). “A ABERT repudia com veemência as agressões sofridas pelo cinegrafista Robson Panzera, da TV Integração, afiliada da TV Globo em Barbacena (MG), na Região da Zona da Mata mineira”.

Nota da ABERT

A Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (ABERT) repudia com veemência as agressões sofridas pelo cinegrafista Robson Panzera, da TV Integração, afiliada da TV Globo em Barbacena (MG), na Região da Zona da Mata mineira.

Anunciante

Nesta quarta-feira (20), enquanto fazia uma reportagem sobre o número de pessoas infectadas pela COVID-19, Panzera foi violentamente agredido por um homem, com socos, pontapés e com o tripé da câmera usado pela equipe.

Panzera teve o dedo da mão fraturado pelo agressor, além de ter o equipamento totalmente destruído.

Nada justifica tamanha violência contra um cidadão, em especial, quando se trata de um profissional da imprensa, em pleno exercício da atividade jornalística.

A ABERT reafirma a defesa intransigente da liberdade de expressão e do direito do brasileiro à livre informação e pede às autoridades locais uma rigorosa apuração do caso e punição do agressor.

ABERT – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE EMISSORAS DE RÁDIO E TELEVISÃO

Nota da TV Integração

Nota de repúdio da TV Integração pelo fato ocorrido com equipe de jornalistas em Barbacena-MG

O jornalismo do Grupo Integração foi surpreendido hoje pela manhã com a notícia estarrecedora de uma agressão contra nossos colegas na cidade de Barbacena, região das Vertentes de Minas.

O fato ocorreu por volta de 11h15 da manhã quando ao concluírem uma reportagem na Escola Preparatória de Cadetes da Aeronáutica, já do lado de fora e em via pública, o repórter cinematográfico Robson Panzera foi abordado por um homem que depreciou o trabalho da equipe. Após esta agressão verbal o mesmo desceu de seu veículo e começou a filmar o trabalho de nossos jornalistas proferindo agressões sobre nossa cobertura. Não satisfeito o mesmo ameaçou quebrar nosso equipamento e acabou concretizando o fato ao avançar sobre o jornalista Robson. Ele tomou do jornalista o tripé da câmara, derrubou o profissional e o atingiu, ferindo sua mão. Após isto chutou e destruiu o equipamento de gravação.

Anunciante

Após o ocorrido o agressor deixou o local em seu veiculo, mas por ter sido identificado acabou sendo preso.

Infelizmente nosso colega Robson Panzera teve uma luxação no dedo e um corte na mão. Nossa colega Thais não ficou ferida, mas abalada emocionalmente. Ambos prestaram depoimento às autoridades de segurança.

Sobre o ocorrido a TV Integração reitera que pauta seu trabalho na ética, na inovação, no pioneirismo e no respeito à pluralidade. E faz isso há exatos 56 anos. Tempo no qual aprendeu a abrir espaço a toda manifestação democrática e legítima. Nos solidarizamos com nossos colegas Robson e Thais e lamentamos o ocorrido hoje em Barbacena.

Reiteramos nosso compromisso com a verdade, o localismo, o respeito às liberdades e a divergência. Valores que não abandonaremos a despeito do ocorrido.

Atenciosamente,

PAULO EDUARDO VIEIRA
diretor de Jornalismo TV Integração e G1

Anunciante
Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!

Mais lidas – 24H



Anunciante
Anunciante
Anunciante