Oi, o que você está procurando?

fim da quarentena

Andradina reabre comércio com distanciamento social e fiscalização

Decreto assinado pela prefeita Tamiko Inoue (PSDB) permite que as lojas reabram a partir desta segunda-feira (6)

O Governo de Andradina anunciou, nesta sexta-feira (3),  que parte dos estabelecimentos comerciais que estava sob quarentena poderá reabrir as portas a partir desta segunda-feira (6), porém terá que seguir uma série de restrições para evitar a propagação do novo coronavírus (covid-19). As escolas municipais e creches continuarão fechadas.

Em decreto assinado pela prefeita Tamiko Inoue (PSDB) e elaborado junto com a equipe técnica da Saúde, administrativa e jurídica da Prefeitura, o município de Andradina deixa o regime de isolamento, mas indica o distanciamento social.

As lojas que não estavam elencadas como de serviços essenciais podem reabrir as portas em horário comercial a partir de segunda-feira, sob fiscalização diária dos cuidados de distanciamento social. Os restaurantes, lanchonetes e bares podem voltar a servir alimentação no local com número reduzido de clientes e distanciamento de 1,5 metro.

Os hotéis também podem retomar as atividades seguindo as medidas de higienização. Barbearias, esmalterias, cabeleireiras, clínicas estéticas e afins devem continuar atendendo com agendamento e limite máximo de um cliente. Nas feiras livres, o consumo de atendimento continua suspenso.

Anunciante

FICAM FECHADOS

Locais que proporcionam aglomeração de pessoas como casas noturnas, boates, cinemas, clubes, igrejas, academias, escolas e espaços desportivos em geral continuam com medidas restritivas sem autorização para reabertura por indicação das autoridades sanitárias.

REDOBRAR OS CUIDADOS

No entanto, o secretário municipal de Saúde, Farid Haddad, afirma que a preocupação, agora, é a população confundir a reabertura do comércio signifique com o fim do período crítico do coronavírus.

Anunciante

“Muito pelo contrário. É preciso lembrar que o Brasil vem batendo recorde de morte diária pelo covid-19 e a população precisa redobrar os cuidados, já que muitos que estavam em casa passarão a sair mais. Quanto mais ficar em casa, menos risco de contato com o vírus a pessoa tem. Ainda orientamos a sair apenas o necessário”, comentou o secretário

Conforme ele, caso a cidade registre casos positivos, as medidas restritivas de isolamento poderão ser solicitadas novamente pelas autoridades sanitárias.

“O isolamento do idoso que faz parte do grupo de risco e o das crianças serão mantidos, por isso o município vai manter as escolas e creches fechadas por mais um período. Também iremos seguir com o atendimento domiciliar na vacinação da H1N1 e na entrega dos medicamentos”, completou.

CASSAÇÃO DE ALVARÁ

Anunciante

Segundo a equipe de fiscalização, o comércio que desrespeitar as normas de controle de atendimento, de distanciamento ou não obedecer às orientações de higienização para os funcionários e clientes, com a disponibilização de álcool em gel 70% ou lavatórios com água e sabão, pode ser autuado e ter o alvará de funcionamento temporariamente suspenso.

Segundo o vice-prefeito, Pedro Bentivoglio Filho, o fechamento do comércio por um período foi extremamente necessário para que Andradina mantivesse o controle de casos da doença e para a conscientização da população.

“Durante este período, o município tomou diversas medidas para proteger a saúde da população e se preparou para emergências. Equipamentos como os respiradores, por exemplo, não estavam sendo encontrados para compra ou locação em todo o País. Neste período de quarentena conseguimos encontrar cinco respiradores para alugar e o hospital mais cinco, isso foi tudo o que encontramos disponíveis. Hoje estamos consolidando a implantação do Centro de Atendimento do Covid e por isso temos mais segurança em promover esta decisão de reabertura do comércio”, comentou Pedrinho.

AVALIAÇÃO DIÁRIA

Anunciante

O secretário de Negócios Jurídicos, Leonardo de Freitas, enaltece que o Governo de Andradina vem atuando junto com o Ministério Público, equipe da Vigilância Sanitária e médicos especialistas para tomar sempre as melhores decisões possíveis à população.

“O decreto de reabertura do comércio prevê uma avaliação diária da situação da saúde pública e caso a movimentação de pessoas sem os devidos critérios comece a ter relação com o aumento da covid-19, a volta do isolamento não é descartada pelas autoridades”, comentou.

O secretário de Administração, Antônio Sérgio da Fonseca Filho, anunciou que, junto com o comércio, a Prefeitura também vai retomar os serviços públicos. Segundo ele a prorrogação da primeira parcela e pagamento à vista do IPTU até o próximo dia 9 continua valendo sem a necessidade de substituição do boleto.

 

Anunciante
Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!

Mais lidas – 24H






Anunciante
Anunciante
Anunciante