Oi, o que você está procurando?

semi-aberto

Mirandópolis teve detentos feridos e evasão durante a rebelião

Familiares de presos continuam em frente a Penitenciária de Mirandópolis em busca de informações

A Secretaria da Administração Penitenciária informou nesta terça-feira (17) que a situação foi controlada nos Centros de Progressão Penitenciária de Mongaguá, Tremembé e Porto Feliz, além da ala de semiaberto da Penitenciária II de Mirandópolis, onde houve evasão de presos e ato de insubordinação devido à suspensão da saída temporária, que ocorreria nesta terça-feira (17).

Em Mirandópolis o clima ainda era de tensão entre familiares de detentos que ficaram em frente à unidade a procura de informações. O prefeito, Everton Sodário, usou as redes para informar que a situação estava sob controle, apesar dos estragos que restaram da rebelião.

A reportagem do Regional Press apurou que 11 detentos ficaram feridos durante o motim e foram levados para o Hospital Geral de Mirandópolis, onde quatro presos, que tiveram ferimentos mais graves, continuam internados.

Todas as unidades abrigam apenas presos em regime semiaberto, que é o preso que tem a possibilidade de sair para trabalhar ou estudar durante o dia e retornar, e que por lei tem direito a cinco saídas temporárias por ano.

O Grupo de Intervenção Rápida controlou a situação nos presídios de forma imediata. Até às 8h15 desta terça-feira (17), 444 presos foram recapturados pela Polícia Militar com apoio de agentes de segurança penitenciária. A SAP realiza a contagem para determinar o número exato de fugitivos.

Saída temporária suspensa

A medida foi necessária, pois o benefício contemplaria mais de 34 mil sentenciados do regime semiaberto que, retornando ao cárcere, teriam elevado potencial para instalar e propagar o coronavírus em uma população vulnerável, gerando riscos à saúde de servidores e de custodiados.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
27