Oi, o que você está procurando?

NÚMEROS

Dólar abre em forte alta e bate R$ 4,98 após novo corte de juros nos EUA

O dólar opera em forte alta nesta segunda-feira (16), voltando a se aproximar de R$ 5, em mais um dia de nervosismo e abalo nos mercados globais, após um novo corte surpresa na taxa de juros dos EUA e com mais países fechando fronteiras para tentar frear a pandemia de coronavírus. Internamente, crescem as apostas de um corte na taxa Selic nesta semana.

Às 9h21, a moeda norte-americana subia 2,22%, negociado a R$ 4,9197. Na máxima até o momento, chegou a R$ 4,9882, com alta de mais de 3%.

Na sexta-feira, o dólar encerrou o dia com alta de 0,51%, R$ 4,8127, maior cotação de fechamento nominal (sem considerar a inflação), acumulando alta de 20,02% no ano

Expectativa de corte de juros no Brasil

No Brasil, as atenções da semana se voltam para a reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central, que anuncia na quarta-feira (18) a nova taxa básica de juros. Com a decisão do Fed, aumentam as apostas do mercado de um novo corte na Selic, atualmente em 4,25%.

O mercado reduziu para 1,68% a estimativa de crescimento do PIB em 2020, segundo o boletim Focus do BC, divulgado nesta segunda. Os analistas também passaram a prever um corte da taxa básica de juros nesta semana, dos atuais 4,25% para 4% ao ano.

Já a projeção do mercado para a taxa de câmbio no fim de 2020 subiu de R$ 4,20 para R$ 4,35 por dólar. Para o fechamento de 2021, ficou estável em R$ 4,20 por dólar.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
27