Oi, o que você está procurando?

RIO DE JANEIRO

Paraty: padrasto é preso suspeito de matar 3 crianças em incêndio

A mãe, Dara de Almeira Santos de Souza, de 25 anos, não teve queimaduras, mas inalou muita fumaça e foi internada

O padrasto das três crianças mortas em um incêndio em Paraty, no Rio de Janeiro, foi preso, nessa sexta-feira (24/01/2020), suspeito de ser o autor do crime. O homem teria colocado fogo na casa por ciúmes da companheira, de acordo com a polícia. As informações são do jornal O Globo.

No incêndio, os irmãos Marya Alice de Almeida Santos da Conceição, de 4 anos, Cauã de Almeida Santos da Conceição, 5, Marya Clara de Almeida Santos, 7, morreram. A mãe, Dara de Almeira Santos de Souza, de 25, não teve queimaduras, mas inalou muita fumaça e foi internada.

De acordo com a polícia, o padrasto acusou em depoimento uma das crianças de ter colocado fogo em colchões de um dos quartos do local. No entanto, para os investigadores, o homem tinha intenção de se livrar dos filhos e viver somente com a mulher.

Laudo da perícia descartou que o início das chamas foi acidental. O suspeito vai responder por três homicídios qualificados por usar o fogo – somado ao fato de as vítimas serem menores de 14 anos – e por tentativa de feminicídio contra a mulher.

O enterro das vítimas está marcado para este sábado, no cemitério de Paraty

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!