CONECTE CONOSCO

investigação

Estudante de 20 anos morre depois de fazer dieta com base em vinagre

Publicado em



Uma estudante britânica morreu depois de se submeter a uma dieta restrita com base em vinagre de maçã, de acordo com informações do jornal Telegraph.

Lindsey Bone, de 20 anos de idade, foi encontrada já sem vida no quarto do dormitório da Universidade de Sussex, na Inglaterra, no dia 5 de abril. O inquérito do caso, que foi divulgado na semana passada, revelou que autópsia não conseguiu apurar a causa de morte, que permanece um “mistério”, de acordo com a mesma publicação.

A estudante de criminologia estava fazendo dieta e tomando um suplemento, tendo sido também encontrados no quatro “comprimidos para emagrecer”. Veronica Hamilton-Deeley, responsável pela autópsia, indicou que estes suplementos continham vinagre de maçã.

No quatro de Lindsey foi encontrado um diário onde se podiam ler as regras da dieta: “não comer mais de 1200 calorias por dia”, “carboidratos apenas uma vez por dia, se tanto”, “fica na biblioteca e não coma” ou “toma o raio do vinagre de maçã”. O diário continha ainda textos “muito negativo em relação a ela própria”, de acordo com as autoridades.

O namorado da jovem contou às autoridades que ela andava ansiosa por causa das férias e que estava determinada a perder peso rápido.

O Telegraph afirma ainda que a jovem tomava antidepressivos e outros medicamentos para ansiedade, condição que sofria desde a morte do pai, em maio do ano passado.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Fonte:
Notícias ao Minuto
Anunciante

tecnologia

Usuários do WhatsApp relatam instabilidades no aplicativo

Publicado em

O WhatsApp apresentou problemas mais uma vez nesta segunda-feira (11). Usuários de todo o mundo estão reclamando de dificuldades para acessar o mensageiro, com focos principalmente em Shenzhen, na China, em várias áreas da Europa, leste dos Estados Unidos e sudeste brasileiro.

De acordo com o site DownDetector, os relatos de problemas começaram por volta das 12h (de Brasília). As principais reclamações são de dificuldades no envio de mensagens (49%), acesso (30%) e falha geral (20%).

Muitos usuários também reclamam nas redes sociais que não conseguem cadastrar com um novo número de telefone. Ao tentar ingressar, recebem a mensagem “temporariamente indisponível. Tente novamente em 5 minutos”. Alguns até reclamam de mensagem informando terem sido banidos.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

AMÉRICA LATINA

Manifestantes invadem e saqueiam casa de Evo na Bolívia

Vídeo mostra cômodos revirados e paredes pichadas

Publicado em

Manifestantes saquearam uma casa do ex-presidente da Bolívia Evo Morales na noite deste domingo (10).

Imagens divulgadas pelo jornal El Deber mostram dezenas de pessoas dentro do imóvel, que teve os cômodos revirados e as paredes pichadas com xingamentos como “filho da p…”.

Imagem da casa de Evo Morales em Cochabamba, que foi invadida após sua renúncia, em 10 de novembro de 2019 — Foto: Associated Press

Em seu perfil no Twitter, Morales denunciou que “grupos violentos” assaltaram sua residência. “Os golpistas que assaltaram minha casa e a de minha irmã, incendiaram residências, ameaçaram ministros e seus filhos de morte e humilharam uma prefeita agora mentem e nos culpam pelo caos e violência que eles provocaram”, escreveu o ex-presidente.

Manifestantes encapuzados também invadiram a Embaixada da Venezuela na Bolívia. A Colômbia pediu uma reunião de emergência do Conselho Permanente da Organização dos Estados Americanos (OEA) para discutir a crise.

A OEA detectou fraudes na eleição presidencial de 20 de outubro, o que fez Morales convocar um novo pleito. Apesar disso, pressões das Forças Armadas, da Polícia, da oposição nas ruas e até de sindicatos pró-governo o forçaram a renunciar.

Todos os integrantes da linha sucessória também entregaram seus cargos, e a Bolívia está sem comando no momento. A Constituição determina que uma eleição seja convocada em até 90 dias no caso de a vacância da Presidência não ser preenchida pelo vice ou pelos mandatários do Senado ou da Câmara.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
error: Conteúdo protegido. LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998