Fique Ligado!

Oi, o que você está procurando?

NA MADRUGADA

Acusado de furto é assassinado pela vítima, em Araçatuba

Autor do homicídio ligou para a PM e indicou onde havia deixado o corpo, na madrugada deste sábado (5)

Um pedreiro de 33 anos foi preso em flagrante após confessar ter matado um homem identificado como Marco Antônio da Silva Pereira, 19 anos, que, supostamente, furtou dinheiro e um celular de sua casa, em Araçatuba.

O homicídio ocorreu, na madrugada deste sábado (5), em uma estrada de terra entre os bairros São José e Porto Real, periferia da cidade. Os dois são naturais do estado de Alagoas.

O próprio acusado chamou a Polícia Militar e indicou onde o corpo da vítima estava jogado. O assassinato foi praticado por enforcamento. O acusado, de 33 anos, foi levado para o plantão policial e seria autuado em flagrante.

O preso disse aos policiais militares que sua casa foi furtada há alguns dias. Na ocasião, o ladrão levou R$ 450,  dinheiro que seria usado para pagamento de pensão alimentícia, além de um celular.

No decorrer da semana, a vítima do furto descobriu quem seria o autor do crime.

Nesta sexta-feira, ele encontrou o suspeito e o convidou para tomar cerveja em um bar. Durante a conversa, a vítima do furto teria reconhecido o celular levado de sua casa.

No caminho de volta, a vítima do furto levou o suposto autor até a estrada e o matou enforcado com as próprias mãos. Em seguida, seguiu para sua casa na Rua Igor Dourado de Castro, bairro Porto Real 2 e, de lá, acionou a PM.

Na ligação, o acusado disse que havia acabado de matar o homem que havia furtado dinheiro e celular de sua casa dias atrás.

Anunciante

Equipes da PM, compostas pelo tenente Gabriel, sargento Izidoro, cabos Sônego, De Lima e Jimmy e soldado Everton, encontraram o autor do homicídio na residência. Ele admitiu o crime e levou os policiais até o local do assassinato.

O autor do homicídio disse aos PMs que poderia ser preso por este crime, mas não por pensão alimentícia, já que o dinheiro furtado seria usado para o pagamento da mensalidade. O acusado do assassinato não registra antecedente criminal.

Assista abaixo a entrevista concedida pelo tenente PM Gabriel Barros.

 

Momento em que o acusado deixa a carceragem da Polícia Civil para ser levado à audiência de custódia

Acusado de matar, enforcado, autor de furto em sua casa é levado para audiência de custódia. Na saída da carceragem ele falou com o Regional Press.

Anunciante

Posted by Regional Press on Saturday, October 5, 2019

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!

Mais lidas – 24H



Anunciante
Anunciante
Anunciante