CONECTE CONOSCO

Segurança

São Paulo forma 697 sargentos no curso superior de tecnólogo

Curso iniciado em janeiro deste ano é requisito para oficiais subirem de patente

Publicado em



Aconteceu na manhã desta sexta-feira(11), a formatura de 697 sargentos no Curso Superior Tecnólogo de Polícia Ostensiva e Preservação da Ordem Pública.

O evento, que também teve a participação do Presidente Jair Bolsonaro e do Secretário da Segurança Pública, General João Camilo Pires de Campos, foi realizado no Sambódromo do Anhembi, no bairro Santana, zona norte da capital.

O curso, iniciado em janeiro deste ano, foi concluído por 625 homens e 72 mulheres que já integravam a instituição e, agora, sobem para a patente de sargento.

Em mais de 1.600 horas de aula, foram abordadas disciplinas como Inteligência Policial, Doutrina de Polícia Comunitária e Ostensiva, Direitos Humanos, Direito Penal e Legislação, Gerenciamento de Crises, entre outras.

Para ingresso, o policial precisava, entre outros requisitos, ser cabo ou soldado de 1ª classe, com pelo menos cinco anos de serviço, estar no efetivo exercício das funções policiais-militares e ter comportamento considerado, no mínimo, bom nos últimos dois anos. Além disso, era preciso ter sido considerado apto em inspeção de saúde e em teste de aptidão física.

“O sargento é o elo entre o comando e a tropa. É ele um dos grandes gestores da ação de comando no ambiente de trabalho. Hoje São Paulo está mais rico porque tem quase 700 sargentos trabalhando para ele. Por isso é importante essa formatura. O Estado está enriquecido, a Polícia Militar e a população paulista”, afirmou o Secretário.

Paraninfo e patrono

O paraninfo é o coronel João Silva Soares Castilho, que atualmente é o chefe do Centro de Inteligência da PM, mas atuou como comandante da Escola Superior de Sargentos entre 2015 e 2016.

Ele ingressou na Academia de Polícia Militar do Barro Branco em 1984 e possui cursos de Formação e Aperfeiçoamento de Oficiais, de Policiamento Ambiental e Superior de Polícia.

O patrono da turma é o soldado Erik Henrique Ardengue, que morreu no dia 13 de março de 2017, aos 28 anos de idade e seis na PM.

Na ocasião, o praça trabalhava na 2ª Companhia do 43º Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPM/I) e estava atendendo a uma ocorrência de roubo a carro-forte.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Fonte:
Agência SP Notícias
Anunciante

gestores

Secretário de Logística e Transporte do Estado de São Paulo estará em Araçatuba nesta sexta

Publicado em

Nesta sexta-feira (25) o Secretário Estadual de Logística e Transportes, João Octaviano Machado Neto, irá apresentar em Araçatuba os conceitos para a construção de uma Nova Matriz de Logística do Estado de São Paulo.

Ele falará para um público formado por gestores municipais no Paço Municipal de Araçatuba, às 19h.

Para que essa cadeia logística seja efetivada para o crescimento econômico de São Paulo e do país, é preciso oferecer novos meios para a movimentação de cargas, além de criar condições para um escoamento mais eficiente de mercadorias.

O tema é de grande relevância para as cidades da região e todos os prefeitos, secretários municipais, vereadores estão convidados. A atividade faz parte do Fórum de Governança e Capacidades Estatais da Noroeste Paulista, organizado pelo LabPol (Laboratório de Política e Governo da UNESP) em parceria com a Secretaria da Casa Civil do Governo do Estado de São Paulo e a Prefeitura Municipal de Araçatuba.

O encontro também estará aberto para participação da sociedade, podendo solicitar vaga pelo WhatsApp (18) 98818-1010.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

ABASTECIMENTO

Reservatório que passou por manutenção nesta terça foi alvo de questionamento na Câmara

Publicado em

Pichitelli perguntou ao comissário-geral do Daea, nesta segunda-feira, se reservatório estava funcionando; horas depois, Samar anunciou manutenção emergencial

O reservatório do Panorama, na Zona Leste de Araçatuba, que passou por manutenção da Samar (Soluções Ambientais de Araçatuba) nesta terça-feira (22), foi alvo de questionamento durante a sabatina ao comissário-geral da Agência Reguladora e Fiscalizadora Daea (Departamento de Água e Esgoto de Araçatuba), Márcio Saito, durante a sessão desta segunda-feira (21) da Câmara Municipal de Araçatuba.

O vereador Denilson Pichitelli (PSL) perguntou se o reservatório do Panorama estava em pleno funcionamento, a partir de informações de munícipes de que havia problemas na caixa d’água do bairro. A resposta de Saito foi que o reservatório estava funcionando normalmente.

Na manhã desta terça-feira (22), a Samar informou uma manutenção emergencial no reservatório, que abastece sete bairros e dois condomínios. Segundo a empresa, ocorreu o rompimento de uma adutora. Com os reparos, a população daquela região poderia ficar sem água até as 22h desta terça.

Conforme a Samar, no entanto, as equipes conseguiram acelerar os procedimentos, concluindo os reparos por volta das 14h e o bombeamento para o reservatório foi retomado desde então. O abastecimento para os bairros e condomínios afetados deve ser normalizado conforme a recuperação gradual do nível do reservatório.

COINCIDÊNCIA

O vereador considerou uma coincidência a necessidade de reparos no local poucas horas depois de seu questionamento na Câmara. “É estranho a gente questionar à noite e pela manhã receber a informação desta manutenção emergencial”, comentou.

Para ele, a Samar passa poucas informações para os moradores, que poderiam se organizar e armazenar água, caso recebem os avisos de manutenção da empresa.

Sobre a multa à empresa, que o Daea ainda não definiu se irá aplicar, embora o comissário-geral tenha sinalizado de que a punição não irá resolver o problema, Pichitelli disse discordar do posicionamento do representante da agência reguladora.

“Não concordo que a multa não vai resolver. A Samar pensa que se o resolve o problema, a vida volta ao normal e está tudo certo. Por esse pensamento, não é preciso mais multar motoristas de veículos que cometem infrações”, comparou.

Os bairros afetados pela manutenção desta terça-feira foram o Panorama, Alvorada, Concórdia, Pinheiros, Umuarama, Vicente Grosso, João Batista Botelho, Condomínio Royal Boulevard e Condomínio Alphaville.

 

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
error: Conteúdo protegido. LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998
84