Oi, o que você está procurando?

investigação

Homem mata esposa por causa de dinheiro desaparecido de conta conjunta

JoEllen, que trabalhava na Universidade do Iowa, questionou o marido sobre o dinheiro que tinha desaparecido da conta de ambos

Um homem natural do estado norte-americano do Iowa matou a mulher por causa de discrepâncias na conta bancária conjunta, de acordo com documentos judiciais, citados pelo jornal Iowa City Press-Citizen.

Roy Carl Browning Jr., de 67 anos de idade, casado há 42 anos com a vítima, acusado formalmente, na segunda-feira, de homicídio em primeiro grau pelo crime praticado em 5 de abril deste ano.

A mulher, JoEllen Browning, de 65 anos de idade, foi encontrada já sem vida no quarto da residência do casal. Ela tinha ferimentos causados por arma branca no torso e na mão esquerda.

JoEllen, que trabalhava na Universidade do Iowa, questionou o marido sobre o dinheiro que tinha desaparecido da conta de ambos e tinha uma reunião marcada com um agente bancário no dia em que morreu.

Anunciante

Roy admitiu que sabia da reunião da mulher, marcada para o dia 5 de abril, mas nega ter matado a esposa. Porém, segundo se ouviu em tribunal, menos de uma hora depois de ter tido conhecimento da reunião Roy foi visto numa loja comprando luvas de borracha e toalhas brancas.

JoEllen tinha uma conta-poupança para a aposentadoria e tinha um seguro de saúde no valor de 2,5 milhões de dólares, afirmaram os investigadores.

O suspeito, que pode ser condenado à pena de prisão perpétua, se considerado culpado, está detido com uma fiança de 5 milhões de dólares.

Anunciante
Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!

Mais lidas – 24H






Anunciante
Anunciante
Anunciante