CONECTE CONOSCO

MARANHÃO

Vídeo: menino é humilhado por vender geladinho e comove policiais

Publicado em



O vídeo revoltante do menino que é humilhado por colegas e chora enquanto vendia geladinho – cremosinho, ou dim-dim – provocou comoção e uma reviravolta na vida da família do garoto Adão, de 14 anos, de Grajaú, no Maranhão.

Depois que a história se espalhou, ele recebeu apoio de policiais do Esquadrão Águia do 37ºBPM e de diversas pessoas da região, que compraram os geladinhos, doaram alimentos, roupas e dinheiro para simples família de Adão, que tem 6 irmãos.

“Não precisa ter vergonha de trabalhar não. Você é um exemplo para todo mundo. Todo mundo vai comer agora o ‘cremosinho’ e vamos pagar”, disse um policial que foi até a casa do rapaz junto com outros colegas de profissão e juntaram dinheiro para ajudar a família.

Desculpas

O pai de um dos garotos que humilharam Adão levou o filho pessoalmente para pedir desculpas ao jovem vendedor de geladinho.

“Senhores venho pedir desculpas e pedir perdão, pelo erro cometido por meu filho []… Não foi essa a educação que ensinei ao meu filho []… é inadmissível esse tipo de atitude, humilhar quem está ganhando o seu pão. Como pai eu dei a correção ao meu filho e mais uma vez quero me desculpar com todos pelo acontecido”, disse o pai do jovem em nota.

História

O vídeo, postado nesta quinta, 5, no perfil MoralPolicial no Instagram, Adão aparece ao lado de uma bicicleta segurando um isopor com os geladinhos.

Um dos garotos que aparecem nas imagens zomba de Adão com uma nota de dois reais na mão. O menino começa a chorar e as lágrimas provocam mais humilhação.

A seguir os policiais vão até a casa da família de Adão e gravam novo vídeo, incentivando o menino a seguir a vida na honestidade, longe do “dinheiro fácil”.

Mais adiante outro vídeo mostra o pai de um dos garotos que zombaram de Adão fazendo o filho pedir perdão ao vendedor de geladinho.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Fonte:
Anunciante

Goiânia (GO)

Vídeo: Mulher é espancada por namorado com chutes e socos na cabeça e policial intervem

Segundo relatos de um escrivão da polícia, o agressor não aceitava o fim do namoro. Ele foi preso por tentativa de feminicídio

Publicado em

Um personal trainer espancou a namorada em 29 de agosto na porta de um condomínio em Goiânia (GO). Murilo Morais, 33 anos, seguia para a igreja com a médica veterinária, cujo nome tem sido mantido sob sigilo, quando teria se irritado. As informações são do G1.

Câmera de segurança do condomínio flagrou o episódio. O vídeo mostra quando a mulher desce do carro para, em instantes, o agressor ir atrás dela. Após ser abordada, ela dá meia volta e ambos caminham juntos ao automóvel. No meio do trajeto, contudo, a mulher leva uma série de socos e chutes.

A agressão somente é interrompida quando um escrivão da polícia civil aparece na cena e rende Murilo. O policial aparece nas imagens com a arma em punho pedindo para que o agressor se afaste da mulher. Segundo relatos do agente à polícia, o personal não aceitava o fim do namoro.

O policial ainda afirmou que quase atirou no agressor no momento da ação. O agente contou que o personal trainer confessou, no momento, a intenção de matar a mulher.

“O rapaz era grande e muito forte. Desci com a arma na mão e apontei para ele. Dei ordens para deitar no chão, se ajoelhar com as mãos na cabeça, porém, não obedeceu. Passei a afastá-lo da moça para não a agredir mais. Quase atirei nele. Ele ainda gritava que podia atirar porque ele ia matar a moça”, detalha o policial.

De acordo com o escrivão, a moça estava no chão, chorando, com o rosto e o corpo machucado. A vítima foi levada ao hospital. Exames revelaram uma fratura no braço esquerdo e escoriações pelo corpo.

MOMENTOS DE HORROR

“Ele batia só na minha cabeça. Foi chute, murro. Tive uma fratura completa no rádio e ulna [ossos do antebraço]. Iniciei minha fisioterapia, estou sem movimento do meu braço esquerdo. Tive um corte no supercílio, teve de dar ponto”, detalhou a médica, que teve a identidade preservada.

“Graças a Deus, não tive nenhuma lesão na cabeça mais grave, mas foi muito violento”, completou. A vítima foi socorrida por policiais militares e levada ao hospital.

O homem foi preso por tentativa de feminicídio. O flagrante foi convertido em prisão preventiva pelo juiz Jesseir Coelho de Alcântara. A mulher foi socorrida por pessoas no local e por policiais militares que atenderam a ocorrência. Exames revelaram uma fratura no braço esquerdo.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

Inocência (MS)

Mulher é arremessada para o alto após chifrada de touro em ‘Dança da Amargura’; vídeo

A jovem foi atingida pelo animal no rodeio de Inocência (MS). Ela estava com um homem que fugiu antes do ataque do touro.

Publicado em

Mulher leva chifrada de touro em 'Dança da Amargura' em MS — Foto: JeanJunior/Arquivo pesssoal

Uma mulher foi arremessada para o alto, deu piruetas e caiu inconsciente após ser atingida por um touro no rodeio da cidade de Inocência, a 330 km de Campo Grande. A cena foi gravada por vários expectadores.

Em um dos vídeos, o touro percorre a arena e vai em direção a jovem que está de costas e é atingida pelo animal com bastante força.

A jovem participava de uma prova chamada “Dança da Amargura”. Nela casais ficam na arena com um animal solto, geralmente um touro. Vence o “desafio” quem permanecer por mais tempo sem sair do local. Na imagem gravada no domingo (15) é possível observar que o homem que estava com mulher foge antes da chegada do animal.

A mulher foi atendida no local e levada para o hospital do município, sendo liberada horas depois com apenas pequenas escoriações.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

teatro

Em Araçatuba: ‘Morrendo e Aprendendo. Uma comédia do outro mundo!’

Publicado em

O espetáculo aborda, com muito bom humor, temas relevantes da Doutrina Espírita: lei de causa e efeito, reencarnação e evolução do indivíduo, tendo como pano de fundo a vida e a morte de dona Lourdes Thereza.

Esse Espírito, que reencarna como uma mulher muito rica, mas sem qualquer preocupação com a caridade ou com seu próprio aperfeiçoamento, ao desencarnar depara-se com as dificuldades por ela cultivadas em uma vida farta materialmente. Porém, sem riqueza espiritual.

Indignada com o tratamento recebido após sua morte, onde julgava nada haver senão o sono eterno, ela reencontra um desafeto de suas vidas passadas, que a persegue por muitos anos em busca de vingança.

Orientados por amigos iluminados, esses dois espíritos infelizes ligados entre si pela lei da afinidade, finalmente reconhecem seus erros e, depois de novas descobertas valorosas, preparam-se para uma nova tentativa na existência corpórea.

É um espetáculo edificante que – com uma linguagem simples e acessível a todos – traz uma mensagem de amor e responsabilidade. E tudo isso, é claro, em meio a muitas risadas.

A morte é um assunto bastante controverso e cheio de tabus. Ao entrar, o público já se depara com um clima tenso de velório, com a “pobre” perua gelada em seu caixão. Mas rapidamente tudo muda, e a morte passa a ser simplesmente o ponto de partida para uma comédia deliciosa.

Descontraída, a plateia absorve facilmente os assuntos propostos. Temas relevantes ao amadurecimento espiritual do ser humano, sempre fiéis aos conceitos básicos da Codificação Espírita.

SERVIÇO

MORRENDO E APRENDENDO. UMA COMÉDIA DO OUTRO MUNDO!
Araçatuba – Domingo (15 de setembro) – 19h e 21h
Teatro Paulo Alcides Jorge (Anexo à Biblioteca Municipal)
Rua Armando Sales de Oliveira, s/n
Classificação: livre

INGRESSOS
Livraria Espírita Rolando Perri Cefaly
Rua Luiz Pereira Barreto, 817
18 3624.2455
INFO: (18) 99709.4684

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
error: Conteúdo protegido. LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998
81