Connect with us

INVESTIGAÇÃO

Idoso que morreu com traumatismo craniano pode ter sido vítima de espancamento

Publicado

em



Um aposentado de 84 anos, que residia no jardim São Lourenço de Fátima, em Mirandópolis, morreu na manhã desta segunda-feira na Santa Casa de Araçatuba, onde havia dado entrada com traumatismo craniano, possivelmente provocado por espancamento. Um filho do aposentado, que registrou o boletim de ocorrência, informou que seu pai morava com a neta e o marido dela, que é usuário de drogas.

O idoso deu entrada na Santa Casa de Araçatuba após ser encaminhado pelo Hospital de Mirandópolis. Na guia de encaminhamento e identificação de óbito para o IML (Instituto Médico Legal), foi informado que a vítima sofreu agressões físicas no crânio, com várias contusões cerebrais traumáticas.

Ainda de acordo com o boletim de ocorrência, o diagnóstico inicial foi de traumatismo crânio-encefálico tendo como causa provável, espancamento. O filho passou à polícia o endereço e os dados da neta que morava a vítima. Foi registrado um boletim de ocorrência por morte suspeita. A Polícia Civil vai instaurar um inquérito para apurar o caso.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Anunciante
Anunciante
Band FM 96.9
error: Conteúdo protegido. LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998