CONECTE CONOSCO

CLIMA

Serra catarinense registra mínima de -9°C; Araçatuba registra 14° nessa manhã (14)

Publicado em

São Joaquim teve mínima de -6°C na manhã desta quarta — Foto: Wagner Urbano/Divulgação


A cidade de Urupema, na Serra catarinense, registrou mínima de -9°C e formação de geada por volta das 8h desta quarta-feira (14), segundo o Centro de Informações de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de Santa Catarina (Epagri/Ciram).

Outras cidades também registraram temperaturas negativas: Bom Jardim da Serra e São Joaquim -6°C , Urubici, Curitibanos, Lages e Água Doce -4ºC, Monte Castelo -3°C, Rio Rufino, Itaiópolis e Caçador -2°C.

O amanhecer gelado foi causado por uma nova massa de ar frio polar que se aproximou de Santa Catarina e provocou queda nas temperaturas ainda durante a noite de terça-feira (13), informou a Central NSC de Meteorologia.

O tempo deve ficar seco e ensolarado, com poucas nuvens no decorrer do dia. As regiões Sul e Sudeste devem ter vento de fraco a moderado, com rajadas no início do dia no Litoral.

ARAÇATUBA

Em Araçatuba o tempo também mudou, confirmando a previsão dos meteorologistas. Nessa manhã, os ventos deixaram o amanhecer um pouco mais gelado e os termômetros registraram 14° as 4 horas da manhã, conforme o serviço weather.com.

Para essa quarta feira (14), a previsão é de sol com algumas nuvens, sem possibilidade de chuva. A temperatura durante a noite continuará baixa, para a média da região, até o fim de semana.

A previsão para a quinta feira (15), a máxima é de 27° e mínima pode chegar a 13°. Não há previsão de chuva para os próximos dias.

A umidade do ar ficará baixa apesar do tempo parcialmente nublado, pois as nuvens estarão altas.

Céu amanheceu nublado em Araçatuba/SP – Foto: Fabio Rocca / Regional Press

FRENTE FRIA

A frente fria que se espalha por São Paulo vem do Sul do país, como de costume. Por lá, ela está associada a um ciclone extratropical e acompanhada por uma massa de ar polar de forte intensidade.

Venta bastante em praticamente todos os estados, com rajadas de até 80 km/h.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Fonte:
Anunciante

POLÍTICA

Movimentos marcam manifestações para domingo

Publicado em

O próximo domingo (25) será marcado por manifestações em diferentes cidades em todo o Brasil. Em pauta estão, principalmente, o veto do presidente Jair Bolsonaro (PSL) ao projeto de abuso de autoridade, aprovado na semana passada pela Câmara dos Deputados e o apoio à escolha do procurador Deltan Dallagnol para o cargo de procurador-geral da República.

Entre os movimentos que estão organizando os atos estão o Avança Brasil (MAB), Direita São Paulo, Brasil nas Ruas e, principalmente, o Vem Pra Rua (VPR), que marcou protestos em pelo menos 79 cidades, entre as quais estão as principais capitais do país.

Cidades do exterior, como Boston, nos Estados Unidos, e Lisboa, na Espanha, também terão atos. Em Araçatuba será as 10h na Av. Pompeu X Av. Brasília.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

BIRIGUI (SP)

Sindicância contra professora que entregou tirinha da Magali com pornografia é arquivada

Tirinha com adulteração pornográfica foi entregue como lição de casa para alunos de 8 anos da Escola Municipal Dirce Espínola Naja, em Birigui (SP).

Publicado em

A sindicância instaurada pela Prefeitura de Birigui (SP) para apurar a entrega de uma tirinha da Magali com adulteração pornográfica como lição de casa para crianças de 8 anos, em uma sala de aula da Escola Municipal Dirce Espínola Naja, foi arquivada.

Segundo a prefeitura, o Executivo concluiu que a professora não cometeu nenhum tipo de penalidade administrativa e pode continuar ministrando aula normalmente.

Ainda de acordo com a prefeitura, a conclusão e o arquivamento do processo foram publicados no Diário Oficial Eletrônico de Birigui. Tanto a Secretaria de Administração como a Secretaria de Negócios Jurídicos concordaram com a decisão.

A abertura da comissão disciplinar foi feita no dia 18 de abril após a Secretaria Municipal de Educação receber a informação da entrega da tirinha. O prefeito do município acatou o pedido e decidiu instaurar a sindicância.

Durante o processo, a professora participou de oitivase respondeu perguntas feitas pelos membros da comissão.

Entrega

A entrega da tirinha da Magali com adulteração pornográfica causou indignação de pais e moradores, que fizeram publicações em redes sociais.

Na época, a Secretaria Municipal de Educação confirmou a entrega da tirinha na unidade de ensino e afirmou que uma reunião foi feita com os pais dos alunos da sala em que a profissional aplicou a tarefa.

A professora, que possuí anos de experiência, reconheceu o erro, assumiu que entregou a tirinha sem ler o conteúdo e pediu desculpas, frisando que não tinha o objetivo de abordar esse tipo de assunto.

Tirinha original feita por Maurício de Sousa — Foto: Reprodução/Internet

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

Segurança

Programa da PM de São Paulo prevê uso de frota de ‘superdrones invisíveis’

Publicado em

Imagem Ilustrativa

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Até o final deste ano, cinco superdrones capazes de localizar pessoas no escuro pelo calor do corpo humano e preparados para fazer registros de imagens de suspeitos a longas distâncias devem estar cruzando os céus de São Paulo.

A compra desses drones avançados pela Polícia Militar paulista está na reta final, em fase de testes. Cada um deles deve custar cerca de R$ 240 mil, ou R$ 1,2 milhão no total.

A aquisição ocorre dentro de um pacote do governo paulista para implantação de aeronaves não tripuladas. A PM deverá contar ainda com outros cem equipamentos mais simples, de valor unitário estimado em R$ 30 mil.

Os superdrones operarão a grandes alturas e de modo silencioso, o que os torna imperceptíveis.

Segundo o coronel Paulo Luiz Scachetti Junior, do Comando de Aviação da PM, o fato de que uma equipamento do tipo pode “em determinadas condições, operar sem ser visto, sem ser ouvido, sem ser percebido” o habilita para missões de inteligência e para planejamento operacional.

Um superdrone pode ser usado em situações como uma reintegração de posse ou a entrada numa favela, ilustra o coronel.

Mas há uma série de outros usos para esses equipamentos mais avançados –a corporação lista ao menos 23 possibilidades, que vão desde a aplicação em segurança até ações de socorro e salvamento.

Um superdrone pode, por exemplo, ser utilizado para transportar órgãos entre hospitais. Com o sistema infravermelho de suas câmeras acopladas, as aeronaves podem ainda atuar no resgate de pessoas perdidas em matas, algo comum em São Paulo.

Os helicópteros usados pela PM para este fim custam, cada um em torno de U$ 3,5 milhões (aproximadamente R$ 14,4 milhões).

Já na área de segurança pública, podem servir para enfrentar quadrilhas especializadas em ataques a carros-fortes e bases operacionais de guarda valores. Em ações recentes, criminosos se posicionaram próximo a bases da PM para evitar que helicópteros levantassem voo para monitorar do alto a ação dos bandos.

O emprego das aeronaves não tripuladas virtualmente invisíveis faz com que acompanhar criminosos se torne mais seguro e eficaz, sem expor os agentes, acrescenta o coronel.

As imagens captadas pelos superdrones podem ser transmitidas ao vivo para salas de gerenciamento de crise. Contudo o sistema de transmissão necessário para isso será adquirido pela PM num segundo momento, uma vez que ele requer uma licitação específica.

A cúpula da Polícia Militar ainda deve decidir a unidade que receberá os equipamentos. Entre os possíveis destinos estão o Comando de Aviação, o setor de inteligência e os batalhões de choque e ambiental.

Presidente da comissão de segurança pública da OAB de São Paulo, o advogado criminalista Marcos Soares disse ver só pontos positivos na aquisição das aeronaves pela polícia.

“O investimento em tecnologia e inteligência é o mais importante na segurança pública. É sempre bem-vindo. É muito melhor prevenir o crime e não só combatê-lo depois de acontecido.”

O advogado também não vê possibilidade de questionamento legal do uso dessas aeronaves, como eventual invasão de privacidade. “Hoje já existe tanto monitoramento, com as câmeras de rua, que respeitados os limites da Constituição, não vejo problema nenhum.”

Embora venha estudando o assunto desde 2010, é a primeira vez que a Polícia Militar de São Paulo fará uma aquisição desse tipo de equipamento. Os drones, mais simples, que a PM utiliza hoje em dia são fruto de doação ou de empréstimo temporários de empresas.

A cúpula da corporação estuda implantar aeronaves não tripuladas ainda mais sofisticadas, com maior autonomia de voo, mas ainda não há previsão de quando serão implementados.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
error: Conteúdo protegido. LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998
85