CONECTE CONOSCO

Pan

Brasil conquista ouro no lançamento de peso, tênis de mesa e hipismo

Publicado em

Alexandre Loureiro/COB/Divulgação


Em um dia de muitas medalhas para o Brasil nos Jogos Pan-Americanos, os maiores destaques foram os ouros de Darlan Romani, no lançamento de peso, de Hugo Calderano, no tênis de mesa e da equipe de saltos no hipismo. Além do lugar mais alto do pódio, os cavaleiros brasileiros Rodrigo Lambre, Pedro Veniss, Eduardo Menezes e Marlon Zanotelli garantiram vaga para os Jogos Olímpicos de 2020, que ocorre no Japão. Calderano também conquistou vaga para Tóquio 2020.

A equipe mexicana ficou com a medalha de prata, enquanto os norte-americanos ficaram com o bronze. Com a atuação desta quarta Rodrigo Lambre, Pedro Veniss e Marlon Zanotelli conseguiram garantir a participação na final individual de saltos.

Recorde pan-americano

Outra medalha de ouro do dia veio com Darlan Romani na prova de lançamento de peso. O brasileiro foi muito superior a seus adversários e alcançou a marca de 22,07 metros, que lhe garantiu também o recorde pan-americano.

Ver imagem no Twitter

No individual masculino do tênis de mesa, Hugo Calderano conquistou a medalha de ouro ao vencer por 4 sets a 3 Jiaji Wu, da República Dominicana. Com o ouro, Calderano se tornou bicampeão pan-americano e conquistou a vaga para os Jogos Olímpicos de 2020.

Na semifinal do individual feminino do tênis de mesa Bruna Takahashi perdeu para Adriana Díaz, de Porto Rico, por 4 sets a 0. Com isso a brasileira ficou com a medalha de bronze. Esta é a terceira medalha de Bruna, que já tinha uma prata e um bronze.

Ver imagem no Twitter

Na prova contrarrelógio do ciclismo, o brasileiro Magno Nazaret alcançou a marca de 46min17s44 e conquistou a medalha de prata. O campeão foi o colombiano Daniel Poveda, que cumpriu os 37km do percurso em 44min22s71. O outro brasileiro na prova, Rodrigo do Nascimento, terminou na 13º posição.

Medalhas no atletismo

O atletismo rendeu para a delegação brasileira mais duas importantes medalhas. Nos 100 metros rasos, a prova mais nobre da modalidade, Paulo André fez uma ótima corrida e alcançou o tempo de 10s16 para ficar com a medalha de prata. O ouro ficou com o norte-americano Michael Rodgers, com o tempo de 10s09, e o bronze foi para Cejhae Greene, de Antígua e Barbuda.

Também nos 100 metros, mas no feminino, Vitória Cristina Rosa conquistou mais um bronze para o Brasil. Ela completou o percurso em 11s30. Elaine Thompson, dos EUA, garantiu o ouro com o tempo de 11s18, e a tobaguiana Michelle-Lee Ahye ficou com a prata com 11s27.

 

Ver imagem no TwitterVer imagem no Twitter

Uma das grandes esperanças de medalha do Brasil no dia estava depositada em Nathalie Moellhausen, atual campeã mundial da prova de espada. Porém, a italiana naturalizada brasileira foi derrotada pela norte-americana Katharine Holmes por 15 a 9 na semifinal e acabou a competição com a medalha de bronze.

Vôlei feminino

Outra esperança de medalha do Brasil é o vôlei feminino. Hoje a seleção estreou com uma vitória segura sobre Porto Rico por 3 sets a 0, parciais de 25/16, 25/16 e 25/15.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Fonte: Agência Brasil
Anunciante

Campeonato

Araçatuba realiza 9ª edição da Copa de Futsal sub-11

Publicado em

Na manhã desta sexta-feira (23), aconteceu a abertura da 9ª edição da Copa de Futsal da categoria sub-11 com times masculino e feminino, que engloba alunos de escolas da Rede Municipal, no Ginásio de Esportes Plácido Rocha.

A IX Copa de Futsal conta com 24 times do sexo masculino e 23 do feminino, o que dá aproximadamente, 700 atletas participantes e liderados pela técnica Silvana Requena (Cuca).

Também participaram do evento o prefeito de Araçatuba Dilador Borges; a vice prefeita Edna Flor; a secretária municipal de Educação, Silvana Sousa e Souza; o secretário municipal de Cultura e Esporte, Lazer e Recreação, Sergio Tumelero.

A competição acontece do dia 23/8 até 6/9 e serão premiados os quatro primeiros colocados, melhor goleiro e melhor jogador artilheiro de cada categoria.

O campeonato tem como objetivo dar oportunidades aos alunos para a vivência da prática esportiva, que proporciona saúde, desenvolvimento das qualidades motoras, criatividade, integração social e contribuir para a formação de cidadãos conscientes de seus direitos.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

futebol

Corinthians e Fluminense empatam sem gols pela Sul-Americana

Publicado em

Ficou tudo igual entre Corinthians e Fluminense no jogo de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana, na noite desta quinta-feira, na Arena, em Itaquera.

Num jogo muito equilibrado, com poucas chances de gol, as equipes ficaram no 0 a 0. Agora, quem vencer o segundo jogo avança para a semifinal.

Em caso de empate com gols, o Timão passa para encarar o Independiente del Valle, do Equador.

As equipes voltam a se enfrentar na próxima quinta-feira, às 21h30, no Maracanã. Antes disso, o Corinthians entra em campo pelo Brasileiro, no domingo, fora de casa, às 19h, contra o Avaí.

O Fluminense não joga no fim de semana porque o jogo contra o Palmeiras foi adiado para o dia 10 de setembro.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

futebol

Palmeiras vence Grêmio fora e joga por empate para ir à semi da Libertadores

Publicado em

Foto (Site Oficial do Palmeiras)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O Palmeiras venceu o Grêmio nesta terça (20), em Porto Alegre, por 1 a 0, e saiu em vantagem na disputa por vaga na semifinal Libertadores. A equipe paulista, agora, poderá jogar por um empate em casa.

O segundo duelo entre as equipes será na próxima terça (27), às 21h30, no estádio do Pacaembu. Em caso de vitória gremista pelo placar mínimo, haverá disputa por pênaltis.

Com formações espelhadas, ambos no esquema 4-3-3, Palmeiras e Grêmio tiveram dificuldades para fazer a bola rolar com velocidade no começo do primeiro embate. O excesso de erros de passes deixava o jogo truncado.

Em casa, o time gaúcho tomava mais iniciativa, mas era os contra-ataques palmeirenses que originavam os lances mais agudos.

Até os 30 minutos, no entanto, os goleiros pouco foram acionados até o momento em que Gustavo Scarpa sofreu uma falta, da intermediária. Era uma boa chance de mandar a bola para a área.

Marcos Rocha se posicionou para a cobrança e preferiu rolar curta para o próprio Scarpa. O meia soltou um chute indefensável. A bola ainda tocou no travessão antes de ir ao fundo da rede: 1 a 0.

Foi o sexto gol do camisa 14 na competição, da qual ele agora divide a artilharia com Marco Ruben (Athletico-PR) e Adrián Martínez (Libertad). Ele também é o goleador da equipe de Felipão na temporada, após balançar as redes dez vezes.

Antes do intervalo, o Grêmio ainda reclamou de dois supostos pênaltis -quando Alisson e Diogo Barbosa tiveram um encontrão dentro da área, e em um lance em que a bola bateu na mão de Luan. O árbitro esperou análise do VAR, e nenhuma infração foi apontada.

Na etapa final, Renato Gaúcho tentou mudar a forma de sua equipe jogar e colocou Tardelli no lugar de André. O Grêmio passou a ter mais presença de área e ampliou sua posse de bola (65% a 35%). Porém ainda pecava nos arremates.

Apesar de passar menos tempo com a bola, o Palmeiras demonstrava estar mais seguro na partida, pronto para buscar o segundo gol na primeira oportunidade clara para contra-atacar.

Aos 30 minutos, veio a primeira chance, quando Carlos Eduardo fez jogada pela direita, cruzou rasteiro, Dudu finalizou de primeira e acertou a trave de Paulo Victor.

Justamente quando a equipe alviverde ensaiava uma pressão, acabou perdendo um jogador. Felipe Melo cometeu dura falta em Luciano, levou o segundo cartão amarelo e foi expulso aos 31 minutos.

Foi a segunda vez este ano que o volante deixou o Palmeiras com um a menos em campo. Na 14ª rodada do Brasileiro, ele também foi para chuveiro mais cedo ao levar cartão vermelho diante do Bahia.

Em desvantagem numérica, o time alviverde recuou completamente em Porto Alegre e, com todos os seus jogadores no campo de defesa, se concentrou em segurar a vitória pelo placar mínimo.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
error: Conteúdo protegido. LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998
81