CONECTE CONOSCO

Boa Ação

Em tempos de frio recorde em SP, veja como ajudar quem está nas ruas

Publicado em



SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Os termômetros de São Paulo registraram 6,5°C na madrugada deste domingo (7), menor índice dos últimos três anos segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia). Quem não tem onde se abrigar é quem mais sofre -ao menos três moradores de rua já morreram na capital paulista.

O responsável pelo acolhimento de moradores de rua na cidade é a Prefeitura de São Paulo. Quem encontrar uma pessoa na rua precisando de ajuda deve ligar para o telefone 156 e fornecer dados detalhados da pessoa e o endereço onde ela pode ser localizada pelas equipes de abordagem.

Segundo a prefeitura, há 18.411 vagas para acolhimento na capital, além de vagas emergenciais que são abertas em épocas de baixas temperaturas. O último censo, de 2015, calculava em 16 mil o número de pessoas vivendo nas ruas da capital, mas estima-se que hoje, três anos depois, o número total possa ser até o dobro disso.

O morador de rua não pode ser obrigado a ir a um abrigo. Os assistentes sociais podem convidá-lo, mas a decisão de dormir em um centro de acolhida é só dele. Na última madrugada, a prefeitura acolheu 176 pessoas e houve 69 recusas.

Se a pessoa na rua estiver com visíveis e graves problemas de saúde, os assistentes devem acionar o Samu, que levará a pessoa para um hospital.

O padre Júlio Lancelotti, da Pastoral do Povo da Rua, que ajuda quem não tem lar, diz que é preciso dar mais atenção a quem estiver só. “A gente tem que se preocupar com quem está sozinho, que é quem está desprotegido e corre mais risco. Tem que aquecer as extremidades do corpo, como pés e mãos, e dar bebida quente. Dependendo da situação, é preciso chamar o socorro”, diz ele.

Quem quiser doar casacos e cobertores pode ajudar a Campanha do Agasalho, do Governo de SP. Há centenas pontos de coleta de doações na capital (veja aqui a lista completa), como metrô, delegacias, batalhões de polícia e escolas.

A Cruz Vermelha também recolhe doações em dezenas de pontos da cidade. Além de arrecadar agasalhos, o Exército da Salvação tem uma campanha de arrecadação de dinheiro online para comprar cobertores para a população de rua e para famílias pobres.

Há três décadas auxiliando quem vive na rua, a ONG Anjos da Noite recolhe doações de roupas e cobertores todos os sábados em frente ao metrô Artur Alvim, na zona leste de SP, das 10h às 20h. O grupo aceita a adesão de voluntários para ajudar na distribuição de roupas, cobertores e alimentos -as incursões pela cidade ocorrem das 21h à 0h.

De acordo com o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências), da prefeitura, a segunda-feira (7) continua fria, com termômetros variando entre mínimas de 6°C e máximas de 18°C. Na terça (8), a previsão fica entre 7°C e 20°C. Não há expectativa de chuva.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Anunciante

Saúde

Os três melhores esportes para eliminar a teimosa celulite

Publicado em

A celulite é uma das grandes inimigas da autoestima da mulher. Trata-se de um processo natural que ocorre em 90 a 95% das mulheres em todo o mundo. Não há muitas armas que possamos levar para travar esta batalha, mas o exercício físico é sempre um bom aliado uma vez que entre as causas para o aparecimento da lipodistrifia ginoide – termo técnico para a celulite – está o sedentarismo.

Qualquer esporte é bom para você, mas quais são as modalidades mais eficazes?

  • Natação: A pressão da água intensifica o trabalho muscular e melhora a circulação, mobilizando os nossos músculos, drenando os tecidos e reduzindo a retenção de líquidos.
  • Ciclismo: Andar de bicicleta é um exercício eficaz no combate à celulite porque vamos contraindo os gêmeos e aumentando o fluxo sanguíneo. O spinning também ajuda a queimar as células de gordura que formam a celulite.
  • Marcha rápida ou corrida: Para combater a celulite é importante mexer os membros inferiores. Andar rápido ativa os músculos da cadeia posterior, a região lombar, os glúteos, os isquiotibiais e os gêmeos.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

Região

No extremo noroeste, Sud Mennucci encanta pela beleza e acessibilidade

Publicado em

Sud Mennucci é um ponto de parada obrigatório a quem estiver de passagem pelo extremo noroeste paulista. Entre Auriflama e Ilha Solteira, pela SP-310, a cidade de 7,7 mil habitantes concentra belezas naturais, parte delas fruto dos rios que banham o local, o Tietê e São José dos Dourados.

Sud Mennucci está a 627km de São Paulo e é considerada um Município de Interesse Turístico (MIT), pertencente à união de sete cidades chamada Pantanal Paulista.

As demais são Castilho, Andradina, Itapura, Ilha Solteira, Pereira Barreto e Suzanápolis. Todas são muito próximas e localizadas na região onde os caudalosos rios Tietê e Paraná compõem um bioma digno de ser chamado de Pantanal.

Esses municípios ficam próximos a duas barragens hidroelétricas (Jupiá e Ilha Solteira) e formam um roteiro turístico para visitante nenhum botar defeito: são praias de rios que também favorecem a pesca esportiva, os esportes náuticos e mergulhos e, além disso, esse pedaço do Estado apresenta uma deliciosa culinária típica e lugares dignos de passeios inesquecíveis que dão riqueza à visita.

Quem é Sud Mennucci

Sud Mennucci foi um educador, geógrafo, sociólogo, jornalista e escritor nascido em Piracicaba em 1892. O município ganhou essa denominação em 1959 para homenagear o educador que, por sua vez, lutou bravamente no início do século 20 pelos direitos dos professores e pela melhoria da qualidade de ensino no Brasil.

Nunca houve vínculo entre ele e a cidade, mas o nome do educador foi sugerido por um político do Estado de São Paulo em 1948, quando ainda era distrito de Pereira Barreto.

Sud Mennucci é a cidade pioneira no Brasil por ter fornecido acesso wi-fi gratuito para toda a sua população. O Parque da Saúde, no centro da cidade, oferece espaços poliesportivos, com acessibilidade total.

Os amantes de pesca profissional e amadora podem ir à Prainha da Areinha. Lá se encontra, por exemplo, o tucunaré. Para saber mais sobre a cidade, acesse www.sudmennucci.sp.gov.br.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
error: Conteúdo protegido. LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998
82