CONECTE CONOSCO

EXPÔ 2019

Em 18 anos, Expô Solidária recebeu mais de 43 mil crianças e idosos

Publicado em

O idealizador da Expô Solidária, Amauri Roland Vieira, recepcionou as crianças nesta quarta-feira, no recinto de exposições, onde elas puderam brincar de graça, além de receber lanches e refrigerantes - Fotos: Aniuska Carteado


A Expô Solidária, criada pelo empresário Amauri Roland Vieira, da Rural Eventos, para democratizar o acesso da população ao Recinto de Exposições “Clibas de Almeida Prado” e ao mesmo tempo arrecadar alimentos para instituições assistenciais, realizou na manhã desta quarta-feira (10) a 18ª edição. Em torno de 2 mil crianças e 400 idosos integrantes de instituições e programas sociais sob coordenação do Fundo Social de Solidariedade da Prefeitura Municipal de Araçatuba foram recebidos no recinto da Expô.

As crianças chegaram por volta das 8h para uma manhã bem divertida no Ita Center Park. Depois, passearam pelo recinto e receberam lanche e refrigerante. Os idosos participaram de um almoço especialmente preparado pelo Buffet Solange Santos e servido no Camarote Super Premium. Eles andaram pelo recinto nos veículos de suas instituições. Os lanches e almoço são patrocinados pela Rural Eventos e a oportunidade de brincar no parque de diversões é uma ação solidária do Ita Center Park, parceiro da Expô há mais de 20 anos.

As atividades foram coordenadas por Suélen Vieira, Vinicius Ramos e Ana Bréfore, diretores da Rural Eventos. Com a 18ª edição da Expô Solidária, a Rural Eventos completa o acolhimento de 36 mil crianças e 7.200 idosos no recinto durante a realização da feira. “Estamos muito felizes em ter representado um momento de alegria na vida desse imenso contingente de pessoas que recebemos na Expô”, afirma Suélen Vieira, proprietária da Rural Eventos.

A Expô Solidária foi criada por Amauri Roland Vieira, que trouxe para o seu trabalho na organização da Expô, a experiência de ter sido uma criança pobre que vivia nas imediações do recinto sem ter condições de ao menos conhecer a feira. Por isso, em 2001 ele criou a Expô Solidária para proporcionar momentos de alegria para as crianças e idosos no período da manhã e para todas as famílias no período noturno.

“É gratificante saber que conseguimos fazer a diferença na vida de tantas pessoas. Hoje, as crianças que recebemos nas primeiras edições já estão com mais de 20 anos e algumas talvez até já sejam pais e mães e certamente guardarão para sempre as lembranças do que vivenciaram no recinto”, afirma Amauri Vieira.

A estudante Daniela Cristina Rocha, 12 anos já faz parte da história da Expô Solidária, evento que frequente desde os 9 anos. Desde aquela época, “a gente não tem condições de passear na Expô” e desde então “todos os anos eu venho; é muito divertido e bom pra gente” afirmou a estudante.

A dona de casa Maria Bernadete dos Santos, residente no Bairro Aviação trouxe os filhos Yago, 11 anos e João Vitor, 12 anos. “A gente vem todos os anos e fui em quase todos os brinquedos do parque”, comemorou Yago. Seu irmão João Vitor também está feliz pela manhã divertida que “terminou com um lanche legal pra gente e é uma maravilha para quem tem baixa renda”. “A gente agradece pela organização dar essa oportunidade pra gente”, completou Maria Bernadete, mãe de ambos.

SHOW

A partir das 17h desta quarta-feira (10), os portões do Recinto da Expô são abertos à população de Araçatuba passear na feira e, às 21h30, assistir ao show com a dupla Luiz Henrique & Léo. Para entrar no recinto e assistir ao show, só é preciso levar um quilo de alimento não perecível. Os alimentos arrecadados serão doados para o Fundo Social de Solidariedade que destina a arrecadação para entidades assistenciais e famílias carentes cadastradas.

No ano passado, a Expô Solidária arrecadou 11 toneladas de alimentos, que beneficiaram 30 entidades assistenciais de Araçatuba. Os alimentos são entregues à Secretaria de Ação Social que faz a contagem, a organização das doações e a divisão entre as entidades.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Anunciante

JUSTIÇA

Instituição financeira é responsabilizada por cobrar juros abusivos de cliente idoso

Publicado em

22ª Câmara de Direito Privado condenou, por prática abusiva, empresa de crédito pessoal que cobrou juros anuais superiores a 1.000% de cliente idoso. A decisão fixou pagamento de indenização de R$ 10 mil, a título de danos morais, devolução do dobro da quantia cobrada indevidamente e adequação dos contratos à média da prática do mercado.

A turma julgadora determinou ainda a remessa de cópia dos autos à Defensoria Pública, ao Procon e ao Banco Central para que sejam tomadas as providências que entenderem necessárias.

De acordo com os autos, a instituição financeira celebrou três contratos de empréstimo, em meses distintos, com o autor da ação, praticando juros abusivos, muito acima da taxa de mercado. Em razão de a situação ter gerado prejuízo e claro desequilíbrio contratual, ele ajuizou ação revisional, que foi julgada improcedente, motivo pelo qual apelou.

O relator designado, desembargador Roberto Mac Cracken, afirmou que a instituição, ao realizar sucessivas contratações com o cliente, tinha conhecimento do endividamento e da inviabilidade em adimplir a dívida, o que caracteriza conduta imprópria da empresa.

“Resta evidente a conduta imprópria da apelada ao reiteradamente oferecer a contratação de diversos e simultâneos empréstimos ao mesmo contratante, mesmo após este já ter se comprometido a empréstimo originário contratado a juros exorbitantes, os quais, conforme já demonstrado, alcançam o patamar de 1.050,78% ao ano (considerando-se o custo efetivo total sobre o patamar de 987,22% a.a.). Dadas as peculiaridades do caso, tendo como contratante consumidor com mais de 86 anos de idade e os inacreditáveis e absurdos juros de 1.050% ao ano, é certo que tal evento em muito supera o mero aborrecimento, ocasionando inaceitável desconforto ao autor da demanda, pessoa idosa que litiga com o benefício da justiça gratuita e indícios de vulnerabilidade, bastante a configurar o dano moral, uma vez que tal situação leva a inaceitável desgaste e desconforto, que a ordem jurídica não pode tolerar.”

O julgamento teve a participação dos desembargadores Hélio Nogueira, Matheus Fontes, Edgard Rosa e Alberto Gosson. A decisão foi por maioria de votos.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

SERVIÇOS PÚBLICOS

TUA cadastra idosos a partir de 65 anos para fornecer cartão de passe livre

Publicado em

A TUA (Transportes Urbanos Araçatuba) está cadastrando idosos com idade igual ou superior a 65 anos. O idoso cadastrado terá direito ao cartão de passe livre da empresa. Com ele, poderá fazer o seu embarque pela porta dianteira do ônibus, passando pela catraca como os demais usuários.

Segundo a TUA, a medida trará mais conforto e segurança aos idosos que utilizam o transporte coletivo no município.

Para se cadastrar, é preciso apresentar o RG ou outro documento com foto (xerox e original) e o comprovante de residência (xerox e original), no Terminal Urbano de Araçatuba. O horário de funcionamento é das 8h às 12h e das 13h às 17h30, de segunda a sexta-feira.

O prazo para fazer o cadastramento teve início nesta segunda-feira (21) e vai até 30 de novembro.

Mais informações no site da TUA (tuatransportes.com.br) ou pelo telefone (18) 3624-9875.

 

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
error: Conteúdo protegido. LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998
79