CONECTE CONOSCO

cultura

Ciência e poesia se misturam em livro para crianças enxergarem o invisível

Publicado em

Imagem Ilustrativa


SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Quanto de poesia cabe na ciência? Ou melhor: quanto de ciência cabe na arte?
Há quem diga que nada, que uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa. Que a ciência orbita o campo da razão, enquanto a arte pertence ao campo oposto, onde estão os sentimentos e o sublime.

Mas como negar que foi o reflexo da lua na água -portanto, um fenômeno físico, mais especificamente ótico- que deu origem a um dos poemas mais bonitos da língua portuguesa, “Ismália”, de Alphonsus de Guimaraens: “Quando Ismália enlouqueceu,/ Pôs-se na torre a sonhar /Viu uma lua no céu,/ Viu uma lua no mar []”.

Ou que um fenômeno complexo como o deslocamento de areia do Saara em direção a outras partes do mundo tenha inspirado a música “Reconvexo”, de Caetano Veloso: “Eu sou a chuva que lança a areia do Saara/ Sobre os automóveis de Roma []”.

Pois há inúmeros outros exemplos -e um dos mais interessantes para crianças é o livro “Assim Eu Vejo”, dos ucranianos Romana Romanyshyn e Andriy Lesiv, que foi publicado por aqui pela Editora do Brasil.

A obra se debruça sobre o universo da visão e da ótica e, como todo bom livro ilustrado, apresenta diferentes níveis de leitura. Dois são os eixos principais: de um lado está o texto, com alta carga poética; de outro, as ilustrações, que servem de base para curiosidades e informações puramente científicas.

Enquanto o texto embala o leitor com delicadezas. como “todos têm vontade de se esconder de vez em quando” ou “os olhos me ajudam a encontrar verdadeiros tesouros”, pequenas frases conectadas aos desenhos e espalhadas pelas páginas abrem mão das metáforas para fazer as vezes de almanaque.

Informam, por exemplo, que os primeiros espelhos surgiram entre o terceiro e o primeiro milênio antes de Cristo. E que as pupilas funcionam como diafragmas de uma câmera fotográfica. Dizem ainda coisas mais malucas: você sabia que, por alguns dias depois do nascimento, os bebês enxergam o mundo de ponta-cabeça? Isso dura até que o cérebro se acostume.

É desse choque entre o quente e o frio, o sublime e o concreto, a ciência e a arte, que o livro extrai sua potência. Isso sem falar das ilustrações.

Especializados em design editorial, os autores criam desenhos com cores vibrantes e formas chapadas que se mesclam a colagens e fotos para criar um verdadeiro mergulho.

É como se fosse preciso ler o livro pelo menos três vezes para absorvê-lo completamente. Na primeira, presta-se a atenção no texto. Na segunda, nas informações científicas. Na terceira, nas ilustrações. Para, só assim, compreender não apenas o que está visível aos olhos -mas, sobretudo, o que está invisível.

ASSIM EU VEJO
Autor e ilustrador: Romana Romanyshyn e Andriy Lesiv
Tradutora: Flora Manzione
Editora: Editora do Brasil
Preço: R$ 61,20 (2018, 64 págs.)
Indicação: Leitor intermediário + leitura compartilhada

Por: BRUNO MOLINERO

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Fonte:
Anunciante

BOA NOTÍCIA

Agnaldo Timóteo recebe alta após quase dois meses internado

Cantor, de 82 anos, seguiu para o Rio de Janeiro para continuar o tratamento em casa

Publicado em

Após passar quase dois meses internado, o cantor Agnaldo Timóteo recebeu alta hospitalar nesta sexta-feira, 19, em São Paulo.

O cantor, de 82 anos, estava internado desde o dia 21 de maio. Ele foi hospitalizado primeiro em Salvador, na Bahia, e depois transferido para o Hospital das Clínicas, em São Paulo, e chegou a ficar dias na unidade de terapia intensiva (UTI) e a respirar com a ajuda de aparelhos. Após a alta ele seguiu para o Rio de Janeiro para continuar o tratamento em casa.

Ver essa foto no Instagram

Glórias a Deus, obrigado Deus… Agnaldo Timóteo recebeu alta do hospital na tarde desta sexta-feira. O cantor de 82 anos estava internado desde o dia 21 de maio no Hospital das Clínicas/USP, em São Paulo, e chegou a ficar dias na unidade de terapia intensiva (UTI) e a respirar com a ajuda de aparelhos. Ele foi internado após sofrer um princípio de AVC (acidente vascular cerebral) Agnaldo deixou o hospital às 14h30 de hoje muito emocionado e na cadeira de rodas e falou com a imprensa que estava na porta. O cantor agradeceu a torcida e apoio dos fãs e seguiu para a sua casa, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, onde dará continuidade ao tratamento. Ele terá que fazer alguns meses de fisioterapia, para recuperar os movimentos das pernas, e também fonoaudilogia, para a voz. Ainda não há previsão do artista voltar a fazer shows.

Uma publicação compartilhada por Agnaldo Timoteo (@agnaldotimoteo1936) em

O que aconteceu com Agnaldo Timóteo

Agnaldo Timóteo foi internado na tarde do dia 20 de maio, em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Barreiras, interior da Bahia, por volta das 16h.

Ao dar entrada no centro médico, o cantor estava com pressão alta, vômito e glicemia baixa. Ele foi transferido para o Hospital do Oeste da Bahia na noite do mesmo dia. Além disso, o filho Márcio Timóteo disse ao E+ no dia 21 de maio, que o músico foi diagnosticado com Acidente Vascular Cerebral (AVC). No mesmo dia, ele foi transferido novamente, desta vez para a UTI do Hospital Geral Roberto Santos (HGRS) em uma aeronave cedida pelo governo do Estado.

Piora no quadro clínico

Em 27 de maio, a saúde de Agnaldo Timóteo se agravou. Foi diagnosticado com infecção urinária e outras complicações, precisando respirar com a ajuda de aparelhos e também entrou em coma induzido. Dias depois, os sedativos começaram a ser retirados e ele voltou a respirar sem o auxílio de aparelhos.

No domingo, 2 de junho, o quadro clínico do cantor estava estável, mas ele não tinha se adaptado à dieta via oral.

Na segunda-feira, 3, ele apresentou um quadro de confusão mental, segundo informou o boletim médico divulgado na ocasião. “[Timóteo] Apresenta um quadro de desorientação flutuante compatível com delirium (confusão mental comum em idosos hospitalizados)”, esclareceu a nota.

Na quinta-feira, 6, o Hospital Geral Roberto Santos informou que o músico tinha autorização médica para ser transferido de Salvador para São Paulo.

No entanto, o cantor apresentou retrocesso do padrão neurológico na sexta-feira, 7, informou a assessoria de imprensa do HGRS, onde estava internado. O boletim médico divulgado pelo hospital informava que quadro do cantor era crítico.

No sábado, 8 de junho, ele foi transferido para São Paulo, onde permaneceu até receber alta nesta sexta-feira, 19.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

LOTERIA

Mega-Sena pode pagar R$ 22 milhões neste sábado

Apostas podem ser feitas até as 19h, em lotéricas ou pela internet.

Publicado em

O concurso 2.171 pode pagar um prêmio de R$ 22 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) deste sábado (20) em São Paulo (SP).

Para apostar na Mega-Sena

As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Probabilidades

A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

Profecia

Chico Xavier: Data limite para a humanidade será esse sábado

Muitos espíritas ligam a 'profecia' de Chico há algumas mudanças na Terra. A declaração do médium circula há muitos anos na Internet.

Publicado em

Chico Xavier (Foto: Reprodução)

A internet ainda está intrigada com uma suposta profecia de Chico Xavier. Ao aparecer na TV em 1971, o médium mais famoso do Brasil teria feito uma previsão de que a data limite para a humanidade passar por transformações profundas seria no dia 20 de julho de 2019, ou seja, neste sábado.

Ele teria afirmado que tudo tinha a ver com a chegada do homem à Lua, no dia 20 de julho de 1969. De acordo com o médium, naquele dia, entidades tinham se reunido no mundo espiritual e decidido dar o prazo de 50 anos para a humanidade. Se não acontecesse a Terceira Guerra Mundial, vencido o prazo de cinco décadas, a Terra e seus habitantes viveriam uma nova era.

“Se não entrarmos numa guerra de extermínio nos próximos 50 anos, então podemos esperar realizações extraordinárias da ciência humana, partindo da lua”, disse Chico no programa Pinga-Fogo, que alcançou a maior audiência já registrada na história da TV brasileira.

Muitos espíritas ligam a ‘profecia’ de Chico há algumas mudanças na Terra: desastres naturais cada vez mais frequentes, cura de várias doenças e até a vinda de seres extraterrestres com o objetivo de ajudar a evolução do planeta.

A declaração do médium circula há muitos anos na Internet. Em entrevista ao programa Pânico da rádio Jovem Pan, os escritores Juliano Pozati e Alexandre Caldini Neto fizeram questão de desmistificar o assunto.

“A data limite não tem a ver com o fim do mundo, e sim o começo de uma nova era. Todo projeto tem fases, todas as fases têm metas, todas as metas têm data limite. Estamos movendo de uma fase da humanidade para outra”, disse Pozati, autor do livro e documentário sobre a ‘Data Limite’ de Chico Xavier.

De acordo ele, a renovação do ciclo já está acontecendo. “O legal é observar no mundo o que está acontecendo que nos mostra que a gente de fato está num novo ciclo”, afirmou Pozati.

Para Alexandre Caldini, há muita desinformação quando o assunto é essa polêmica profecia: “No Pinga-Fogo em si, ele jamais fala em data limite. Esse termo não existe. Segundo a visão espírita, não tem uma data. Uma data não faz sentido”.

O especialista ainda explicou que Deus não irá punir o mundo no próximo sábado. “A visão do espiritismo de Deus é uma inteligência suprema causa primária de todas as coisas, ele não pune nem recompensa”, ressaltou Caldini. (Do jornal O Dia)

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
87