CONECTE CONOSCO

Copa do Mundo

Thaisa avalia que seleção tem potencial para vencer a Itália

Brasil e Itália jogam nesta terça-feira (18), às 16h, pela Copa do Mundo da França

Publicado em

Thaisa não terá ao lado, no meio-campo, a companheira Formiga, que recebeu o segundo cartão amarelo (Divulgação CBF)


Thaisa é a jogadora brasileira que mais conhece o futebol italiano, cuja seleção é a adversária do Brasil nesta terça-feira (18), às 16h, no Estádio Hainaut, em Valenciennes, pela terceira rodada da fase de Grupo da Copa do Mundo na França.

Há um ano jogando na Italía, defendendo o Milan, onde, segundo ela, o seu futebol evoluiu na parte tática, Thaisa avalia que o Brasil tem potencial para vencer as italianas.

“Eu acho que o futebol italiano agregou no meu jogo a parte tática, eles têm algo a mais e são conhecidos pela tática. Esse estilo italiano eu aprendi e tem agregado muito no meu estilo de jogo. Acho que vai ser difícil, elas estão bem taticamente, mas nós temos muito potencial. A gente tem estudado muito elas e vamos determinadas para uma vitória”, disse Thaisa.

No jogo de amanhã, Thaisa não terá ao lado, no meio-campo, a camisa oito Formiga, que recebeu o segundo cartão amarelo e está foram da partida. “Eu tenho certeza que quem o professor Vadão escolher para a vaga vai fazer o melhor. A gente tem tudo para conseguir essa vitória. A Formiga é uma perda grande, mas a gente está numa seleção, e acredito que quem está no banco também é bem competente para entrar e não deixar esse nível cair”.

Nesse domingo (16), o treinador Vadão comandou um treinamento com todas as jogadoras no Estádio Jean Jacques, em Lille. Ele priorizou a parte tática. As atacantes Andressa Alves e Cristiane, além da zagueira Kathellen fizeram um trabalho separado

A Itália venceu os dois primeiros jogos da fase de grupo, lidera a chave com seis pontos e entra em campo nessa terça-feira com a classificação garantida. O Brasil está na segunda colocação, com 3 pontos e saldo de 2 gols. Logo em seguida vem a Austrália, também 3 pontos e saldo zero de gol. A quarta colocação é da Jamaica, que ainda não marcou ponto.

Nos dois últimos dois jogos amistosos, as duas seleções se enfrentaram no Torneio de Manaus, em 2016. O Brasil venceu as italianas na fase de grupo, por 3 a 1; e na decisão da competição por 5 a 3. Depois desse tornei, Brasil e Itália não voltaram a se encontrar.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Fonte:
CBF
Anunciante

futebol

São Paulo vence o Avaí e entra no G-4 do Brasileirão

Publicado em

Tricolor no G-4! No Morumbi, o São Paulo recebeu o Avaí, pela 27ª rodada do Brasileirão, e fez valer o mando de campo para conquistar uma vitória por 1 a 0.

Com o triunfo deste domingo (20), a equipe paulista chegou aos 46 pontos e pulou para a quarta posição na tabela de classificação da Série A. Já o Avaí é o 19º, com 17 pontos.

O jogo

Jogando em casa, o São Paulo tomou conta das ações no primeiro tempo chegando a bater mais de 80% de posse de bola. A primeira chance do Tricolor saiu aos 17 minutos em finalização de Luan. A partir dos 22 o domínio são-paulino ganhou um reforço com a expulsão de Brenner.

Com um a mais, o time da casa montou uma blitz no campo ofensivo. Aos 28, Antony arriscou o chute e Vladimir salvou o Leão. Sem conseguir furar a defesa do Avaí, o São Paulo insistiu nas jogadas pelo alto.

Na marca dos 35, após bola alçada na área, Vitor Bueno testou firme e novamente o arqueiro avaiano evitou o gol. No minuto seguinte, em novo cruzamento, o atacante escorou para Alexandre Pato e Vladimir afastou o perigo.

Minutos antes do intervalo, após cobrança de escanteio, Liziero pegou a sobra e bateu de primeira exigindo mais uma boa defesa do arqueiro do Avaí.

O Tricolor voltou do intervalo disposto a transformar o domínio em bola na rede. Aos três, Pato recebeu ótimo passe de Antony e livre dentro da área mandou para fora.

Dois minutos depois, Arboleda teve a chance após cobrança de escanteio e não desperdiçou: 1 a 0. Na sequência, Pato apareceu de novo e dessa vez parou em mais uma defesa de Vladimir.

Querendo mais, o São Paulo continuou pressionando e quase ampliou a contagem nas finalizações de Daniel Alves e Pato. Do outro lado o Avaí tentou responder com Julinho e Richard Franco.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

brasileirão

Corinthians perde para o Cruzeiro em casa

Publicado em

Festa mineira em São Paulo! Na noite deste sábado (19), o Cruzeiro visitou o Corinthians, pela 27ª rodada do Brasileirão, e venceu de virada por 2 a 1 engatando o segundo triunfo consecutivo na competição.

Com a vitória, a equipe celeste chegou aos 28 pontos e saiu momentaneamente da zona de rebaixamento. Já o Timão tem 44 pontos e ocupa o quarto lugar.

O jogo

O duelo entre paulistas e mineiros demorou para engrenar na Arena Corinthians. Aos dois, o Timão chegou a assustar com Gustavo, mas o jogo só foi ganhar em emoção a partir dos 20 minutos. Na marca dos 24, o Cruzeiro criou a primeira chance com Fred.

Marquinhos Gabriel apareceu pela esquerda, cruzou rasteiro, o camisa 9 se antecipou da marcação e bateu rente à meta alvinegra. A resposta corintiana veio três minutos depois. Pedrinho fez boa jogada individual e achou Gustavo livre dentro da área. O atacante tentou o chute, mas mandou para fora.

Ainda no ataque, o Corinthians levou perigo com Pedrinho. Até que aos 33, Fagner aproveitou uma sobra na área e soltou um foguete direto para o fundo das redes: 1 a 0.

Mas vantagem do Alvinegro durou pouco. Quatro minutos depois, Fred cobrou pênalti com categoria para empatar a partida. O gol animou o Cruzeiro, que teve boas chances de fazer o segundo com Thiago Neves.

Já nos acréscimos, foi a vez do Timão voltar ao ataque com Sornoza. Em bom contra-ataque alvinegro, o meia finalizou da entrada da área rente ao travessão.

Na volta do intervalo, o Corinthians assustou logo aos cinco minutos. Pedrinho pegou uma sobra após bola alçada na área e soltou o pé, mas Fábio operou um milagre para salvar o Cruzeiro.

Dominando as ações, o Timão teve mais uma chance, aos 19, com Janderson e novamente o goleiro celeste evitou o gol. Aos poucos, a Raposa equilibrou o jogo.

Thiago Neves e Fred quase marcaram, mas foi Éderson que anotou o gol da virada cruzeirense. Aos 25, o volante apareceu livre no campo de ataque, invadiu a área, driblou o goleiro e mandou para o fundo da meta alvinegra: 2 a 1.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
error: Conteúdo protegido. LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998
78