CONECTE CONOSCO

TEATRO

Espetáculo “EU, MULHER!” estreia em Araçatuba neste sábado

Após a estreia, o grupo vai circular por cidades da região, levando o espetáculo e atividades formativas, tudo de forma gratuita

Publicado em

A atriz Geovanna Leite dá vida à "mulher que virou festa" na montagem que reúne três monólogos - Fotos: Rafaela Cândido


O Grupo EMPODERA de Teatro convida toda a comunidade a prestigiar o espetáculo “Eu, Mulher!” que fará sua estreia no próximo sábado, dia 15, às 19h30, no Centro Cultural Casa Maré, em Araçatuba. A peça que foi compartilhada ao público em abril de 2018 na Oficina de Macacos, passou por um intenso processo reestruturação e agora fará a sua estreia oficial, com muitas novidades. A entrada é gratuita. Classificação 18 anos.

Dividida em três monólogos, a peça narra o drama de três mulheres: a primeira, que sufocou (Brunna Lima); a segunda, que foi para a rua (Larissa Lacava); e a terceira, que virou festa (Geovanna Leite). Todas elas dão vazão aos seus pensamentos na tentativa de se empoderarem da própria existência, em meio a uma sociedade tradicional e conservadora. Três monólogos, três histórias distintas que, juntas, compõem “Eu, Mulher!”.

Para o grupo, todas as transformações ocorridas na peça serviram para potencializar ainda mais o trabalho. De acordo com o diretor e dramaturgo Heitor Gomes, o grupo havia chegado num limite de investigação de dramaturgia e esboço de cena que para lapidar, dependeria de verba de financiamento.

“Decidimos fazer a inscrição para o edital do Proac e pleitear essa verba. Fomos selecionados e então conseguimos trazer novos profissionais para o projeto, a fim de finalizar elementos estéticos e observar como influenciavam nas cenas delineadas”.

Brunna Lima em cena no papel da “mulher que sufocou”

DESAFIO

Para a atriz Brunna Lima, a retomada do projeto e reformulação da peça foi um grande desafio. “Todas as cenas tiveram readaptações, com nova sonoplastia, iluminação, cenário, figurinos, dentre outros elementos. As cenas acontecem em novos espaços alternativos. Acho que o público vai se surpreender bastante”, adiantou.

A atriz Larissa Lacava falou sobre a retomada dos estudos. “O aprofundamento teórico se baseou no encontro das nossas experiências pessoais que viraram dramaturgia pelas mãos do Heitor, junto com o estudo de histórias populares sobre arquétipos femininos que são contadas no livro ‘Mulheres que correm com os lobos’. Muitos desses elementos entraram na cena”, comentou.

Já a atriz Geovanna Leite citou as atividades realizadas pelo projeto junto à comunidade, como a oficina de dramaturgias femininas e a roda de conversa sobre a mulher no teatro. “Essas atividades compartilhadas, somadas à nossa volta à sala de ensaio, aprofundamento teórico e a chegada de novos profissionais, serviram para lapidar e potencializar o que tínhamos”, disse.

NOVA EQUIPE

As cenas do espetáculo “Eu, Mulher!” foram potencializadas com a adesão de uma nova equipe ao projeto, formada por Rodrigo Santiago na iluminação, Lucas Antunes na sonoplastia, Letícia Nascimento na direção musical, Maria Eduarda Viana na cenografia e figurino, Mônika Norte na operação de som, luz e participação em cena.

Para Heitor Gomes, cada artista foi deixando seu rastro e fez com que esse espetáculo se potencialize e crescesse com olhar de todos, multiplicando as vozes para que elas ressoem em Araçatuba e região. “Porque o intuito do EMPODERA também é dar mais espaço, mais ressonâncias para essas vozes plurais”, acrescentou.

A atriz Geovanna Leite disse que se sentiu completamente acolhida por toda a equipe. “Essa galera nova veio para somar, uma sensação de acolhimento e união de forças. Principalmente entre mulheres e homens, porque é assim que tem que ser: todo mundo lado a lado”, ressaltou.

Larissa Lacava interpreta a “mulher que foi para a rua”

CENÁRIO CULTURAL

Segundo analisou Gomes, mais que potencializar as cenas, a chegada da nova equipe tem muito a contribuir para a consolidação do cenário cultural de Araçatuba e região. “Convidamos artistas que estão iniciando no meio teatral e outros que estão há anos nesta estrada. São profissionais de Araçatuba, Birigui, Penápolis e intercâmbio com São Paulo. Queremos fortalecer essa rede de parcerias e desconstruir esse olhar de competitividade entre os artistas locais”, comentou.

Heitor acredita que diante o sucateamento da Cultura e da Educação, a união dos artistas é fundamental. “Estamos vivendo um momento difícil e quanto mais estivermos juntos, torcendo pelo sucesso de um grupo, contribuindo para o trabalho do outro, mais conseguimos dar visibilidade para a Cultura. Queremos mostrar que estamos produzindo cultura, teatro. Que o teatro no interior é feito por pessoas dedicadas, esforçadas, que buscam amadurecer o seu trabalho. E que acima de tudo, o teatro existe e resiste!”, concluiu.

CIRCULAÇÃO

Após a estreia do “Eu, Mulher!” em Araçatuba, no dia 15, o Grupo EMPODERA vai circular por mais quatro cidades da região, levando o espetáculo, além da oficina de dramaturgia feminina e a roda de conversa, tudo de forma gratuita para a população.

Em Birigui, o grupo fará apresentações e atividades formativas nos dias 22 e 23 de junho; em Penápolis, nos dias 13 e 14 de julho; em Rio Preto, nos dias 14 e 15 de setembro. Próximas datas e locais serão divulgados conforme disponibilidade dos municípios.

Todas as atividades integram o projeto “Eu, Mulher – Teatro e Empoderamento no Noroeste Paulista”, realizado com recursos do Programa de Ação Cultural – ProAc, do Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa. O grupo ainda conta com apoio das prefeituras dos municípios parceiros no projeto, além da Oficina de Macacos e Casa Maré, de Araçatuba.

Ficha Técnica:

Direção e Dramaturgia: Heitor Gomes / Assistência de Direção: Rodrigo Santiago / Atrizes e colaboradoras de dramaturgia: Brunna Lima, Larissa Lacava e Geovanna Leite / Sonoplastia: Lucas Antunes / Iluminação: Rodrigo Santiago / Operação de luz, som, participação em cena: Mônika Norte / Preparação de canto: Letícia Nascimento / Figurino e adereço de cena: Duda Viana / Arte gráfica e ilustrações: Adrian Christian / Fotografia: Rafaela Cândido / Assessoria de Imprensa: Thaísa Fernanda / Produção executiva: Rodrigo Santiago / Assistência de produção: Mônika Norte / Produção geral: Heitor Gomes e Larissa Lacava.

 

Serviço:

Estreia de “EU, MULHER!”

Dia 15 de junho, às 19h30

Centro Cultural Casa Maré (Rua Argentina, 435 – Araçatuba/SP)

Classificação 18 anos.

Duração 60 minutos.

Gratuito!

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Fonte: Thaísa Fernanda/Assessoria de Imprensa
Anunciante

ARTE

Escola de Teatro Bolshoi vai realizar pré-seleção e workshop em Birigui

Publicado em

A Escola de Teatro Bolshoi no Brasil vai realizar em Birigui uma pré-seleção e um workshop. Os eventos serão realizados nos dias 6 e 7 de julho, no salão da Acib (Associação Comercial e Industrial de Birigui). As atividades recebem apoio da Prefeitura de Birigui, por meio da Secultur (Secretaria de Cultura e Turismo).

Na manhã desta terça-feira (25), o prefeito Cristiano Salmeirão recebeu a professora de balé Priscila Santos, ex-bailarina que morou 22 anos na Rússia. O encontro reuniu o músico Mário Bonfim e o empresário Souza, da Escola Souza Melodia Dance.

“A Escola Bolshoi é a maior companhia de balé do mundo. É uma honra fazer parte deste projeto. Nossa gestão apoia eventos culturais de variadas modalidades”, comentou o prefeito Cristiano Salmeirão. “A Priscila é a representante do Bolshoi e esse evento irá movimentar os bailarinos da região”, completou.

PRÉ-SELEÇÃO

No dia 6 (sábado) acontece a pré-seleção. Os interessados devem fazer inscrições no site da escola (www.escolabolshoi.com.br) até o dia 3 de julho. A inscrição custa R$ 25,00. As avaliações serão feitas por 2 professores da Escola Bolshoi e começam às 9h.

Poderão participar bailarinos e bailarinas de todas as cidades do Brasil nascidos em 2001 até 2010. Dez bailarinos ganharão bolsa de 8 anos na Escola de Teatro Bolshoi no Brasil, que fica na cidade catarinense de Joinville. Depois deste período, irão para a Rússia.

A vinda da Escola de Teatro Bolshoi no Brasil para Birigui tem patrocínio do Colégio Criando Asas.

WORKSHOP

Oferecido gratuitamente, o workshop acontece no sábado, das 17h às 18h30, e no domingo (dia 7), das 9h às 10h30. No sábado, poderão participar o público de 12 a 15 anos. No domingo, o evento é voltado para os que têm de 9 a 12 anos.

As inscrições devem ser feitas na Fábrica de Bailarino (Rua Nestor Pulzato, 165, Alto do Silvares) e na Escola Souza Melodia Dance (Rua Euclides da Cunha, 29, Vila Silvares).

Outras informações: (18) 99631-8739.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

Rede Social

Uso do Facebook caiu após escândalos de privacidade, diz jornal

Publicado em

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A atividade de usuários no Facebook vem caindo desde que a rede social começou a ser o centro de escândalos envolvendo a privacidade dos usuários, afirma reportagem do jornal britânico The Guardian.

Segundo o jornal, que teve acesso a dados da empresa de análise do comportamento de consumidores online  Mixpanel, a queda em atividades como criação de posts, curtidas e comentários foi de 20% desde abril de 2018.

A data marca um mês após ser revelado que dados pessoais de milhões de usuários foram acessados pela consultoria Cambridge Analytica, contratada pela campanha presidencial de Donald Trump nos Estados Unidos em 2016.

A queda foi de 10% logo no primeiro mês após o escândalo. Houve recuperação de parte da atividade durante o verão no Hemisfério Norte e voltou a cair, exceto por um breve período durante eleições legislativas nos Estados Unidos.

A reportagem aponta que, no período, o Facebook sofreu outros revézes, como exposição de dados de 50 milhões de usuários por falha de segurança e o uso da plataforma como ferramenta para disseminar notícias falsas e conteúdo de ódio contra a minoria muçulmana rohingya, em Mianmar.

Por outro lado, as informações divulgadas pelo Facebook em seus balanços mostram aumento na quantidade de usuários ativos, tanto em base diária como também mensal. Foram 1,56 bilhões de usuários diários (8% a mais do que em março março de 2018).

A hipótese apontada pelo jornal é que, enquanto poucos efetivamente deletaram seus aplicativos desde 2018, muitos passaram a realizar menos atividades na rede.

Nos Estados Unidos, a empresa eMarketer, de pesquisas de mercado, também apontou redução no uso do Facebook. A média de uso diário caiu de 41 minutos em 2017 para 38 minutos.

A empresa avaliou que a rede perde perdendo atenção dos usuários mais jovens, que estariam se interessando por outras redes e atividades online. A companhia não comentou a reportagem do jornal britânico.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

recuperação

Zeca Pagodinho passa por cirurgia e deve ficar três dias internado

Publicado em

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Zeca Pagodinho, 60, deu entrada no Hospital Copa Star no Rio de Janeiro por volta das 16h desta segunda-feira (24), onde permaneceu internado para um procedimento cirúrgico previsto para a manhã desta terça (25).

Segundo a assessoria do cantor, Pagodinho sofre de uma obstrução nasal crônica de longa data, que estava sendo acompanhado pelo seu médico.

O problema afetava a respiração do artista e poderia piorar com o passar do tempo, o que o fez optar pela cirurgia de septoplastia e turbinoplastia, para que tivesse uma “qualidade de vida melhor”.

“Foi tudo bem planejado, não teve urgência”, diz a assessoria, que relatou que o cantor estava bastante tranquilo antes do procedimento. “Ele estava animado, rodou o hospital inteiro, conversou com todas as enfermeiras, falou um monte de coisas”.

O hospital é o mesmo em que o filho de Luciano Huck, Benício, ficou após o acidente que sofreu neste sábado (22).

A cirurgia de Pagodinho ocorreu dentro do horário previsto, começando entre 7h30 e 8h, com duração de uma hora.

Neste momento, o cantor está em recuperação no quarto do hospital, acompanhado por sua esposa, Mônica Silva, ​e sob os cuidados do otorrino Jair de Castro e do pneumologista Marcelo Kalichsztein.

Por ter sido necessário o uso da anestesia geral, a previsão de alta de Pagodinho é para sexta-feira (28). Por enquanto, a equipe médica proibiu visitas ao paciente.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
89