CONECTE CONOSCO

ELEIÇÕES

Partido de Mandela vence eleição na África do Sul por maioria absoluta

Cyril Ramaphosa obteve 9,1 milhões de votos, ou 57,73%, o que matematicamente garante que mantenha a maioria absoluta no Parlamento

Publicado em

REPRODUÇÃO/ TWITTER


O Congresso Nacional Africano (CNA) manterá a maioria absoluta no Parlamento da África do Sul após as eleições, embora com os piores resultados desde que Nelson Mandela o levou à vitória em 1994, no final do apartheid, o que dificultará a tarefa do presidente Cyril Ramaphosa de recuperar a economia e lutar contra a corrupção.

Com mais de 95% dos 23 mil centros de votação já apurados, o CNA obteve 9,1 milhões de votos, ou 57,73%, o que matematicamente garante que mantenha a maioria absoluta no Parlamento. O partido, no poder desde 1994, perdeu quase 5 pontos porcentuais de apoio em comparação com a votação legislativa de 2014.

Escolhido pelos deputados para liderar o país, Ramaphosa será reconduzido ao cargo como chefe de Estado no dia 25 deste mês.

Mesmo com a vitória garantida desde a publicação dos primeiros resultados parciais, o CNA evitou fazer comentários antecipados. “Ganhamos com ampla maioria (…) está claro que vamos governar sem coalizão”, declarou a porta-voz do partido, Dakota Legoete. “Queríamos ter conseguido um desempenho melhor.”

“Uma vitória com 57% tira do CNA a margem de segurança que tinha desde 2014, quando conquistou 62% dos votos”, avaliou Daniel Silke, analista político. “Se não melhorar sua governança e sua forma de fazer política, Cyril Ramaphosa terá dificuldades para cumprir suas promessas.”

A Aliança Democrática (DA) manteve sua posição como o principal partido da oposição, com 20,65% dos votos, um desempenho também inferior ao da última votação, quando teve 22,2%.

Mudar a nação
“Não conseguimos desta vez”, reconheceu o líder da DA, Mmusi Maimane. “Mas acreditem, seja já em 2021 (nas eleições municipais) ou em 2024 (nas legislativas), provaremos para este país que podemos reunir todos os sul-africanos e trazer mudanças para esta nação”, completou.

O terceiro lugar ficou com os Radicais de Esquerda pela Liberdade Econômica (EFF), que teve 10,51% dos votos, um forte crescimento em comparação com os 6,35% de 2014.

“Não estamos totalmente satisfeitos porque esperávamos mais, mas somos um partido pequeno”, comentou um dos responsáveis pela EFF, Dali Mpofu. “Nenhum partido contará com maioria absoluta nas próximas eleições. Entramos na era das coalizões”, disse.

O CNA, vencedor de todos as votações desde o apartheid, perdeu popularidade durante a presidência de Jacob Zuma (2009-2019), afetada por vários escândalos de corrupção. Na votação municipal de 2016, o partido teve 54% dos votos, seu pior resultado nacional.

Desde que Cyril Ramaphosa forçou a saída de Zuma, no início de 2018, ele prometeu “reparar os erros” de seu partido, erradicar a corrupção e recuperar a economia. Mas, um ano depois, o ex-sindicalista transformado em homem de negócios, ainda tem dificuldades para cumprir suas promessas.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Fonte:
Anunciante

tragédia

Estudante brasileiro que fazia intercâmbio é encontrado morto na China

Leonardo Cláudio da Rosa foi encontrado morto na cidade de Chongqing

Publicado em

O estudante brasileiro Leonardo Cláudio da Rosa foi encontrado morto na cidade de Chongqing, na China, informaram nesta segunda-feira, 15, o Itamaraty e a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

O jovem cursava Letras na instituição gaúcha e realizava um intercâmbio em uma universidade do país asiático. A causa da morte de Rosa ainda não foi confirmada, mas há a suspeita de que ele tenha sido assassinado.

“As informações iniciais, provenientes de colegas de intercâmbio de Leonardo na China, indicam que foi vítima de crime, embora a direção não possa confirmar”, informou, em sua página no Facebook, a direção do Instituto de Letras da UFRGS.

A universidade informou que a Secretaria de Relações Internacionais (Relinter) e os órgãos superiores da instituição acompanham o caso junto com a família de Rosa, o Ministério das Relações Exteriores e a Embaixada brasileira na China, a fim de providenciar o translado do corpo e investigar as circunstâncias da morte do estudante.

“A direção do IL (Instituto de Letras) expressa aqui sua profunda consternação e tristeza e envia, em nome da comunidade da Letras, seus sentimentos de solidariedade à família de Leonardo”, lamentou a UFRGS. “Faremos o que estiver a nosso alcance para que as autoridades brasileiras busquem junto ao governo chinês o esclarecimento cabal dessa incompreensível tragédia.”

O Itamaraty informou, em nota, que desde que foi acionada a Embaixada brasileira em Pequim está em constante contato com as autoridades policiais locais para obter informações adicionais sobre a ocorrência.

“O Itamaraty também está em contato com os familiares do Sr. da Rosa, com vistas a orientá-los quanto aos trâmites burocráticos para o traslado do corpo”, afirmou o Ministério das Relações Exteriores.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

Espanha

Deu ruim! Traficante tenta esconder cocaína embaixo da peruca

Publicado em

Um traficante colombiano foi preso, nesta terça-feira (16), no aeroporto de Barcelona, Espanha, com meio quilo de cocaína.

No entanto, o que chamou atenção da polícia foi como o criminoso tentou esconder a droga: embaixo da peruca. Os oficiais começaram a desconfiar do homem quando viram que o cabelo estava numa altura fora do normal.

“A peruca era muito estranha, mas os agentes são bem treinados e se fixaram principalmente na atitude do homem. O que chamou atenção foi o nervosismo dele ao passar pelo controle de segurança”, disse um dos agentes ao jornal La Vanguardia. O traficante, que não teve o nome revelado, foi levado para uma sala.

Ao tirar a peruca, revelou-se a droga. Segundo a Policía Nacional, eram aproximadamente 503g de cocaína, que valem cerca de R$ 127 mil. O homem não explicou a origem do entorpecente e foi levado para a prisão.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

perturbador

Foto de caçadores se beijando ao comemorar morte de leão causa revolta

A imagem foi postada por uma empresa especializada em levar caçadores europeus para o continente africano atrás de animais selvagens

Publicado em

LEGELELA SAFARI/FACEBOOK

Uma foto mórbida está gerando grande comoção na internet. A imagem foi postada pela empresa Legelela Safari, e mostra um casal de caçadores comemorando a morte de um grande leão com um beijo apaixonado.

Legelela Safari é uma companhia especializada em levar turistas ingleses para caçar animais selvagens no continente africano. Ela lida com tudo, desde a licença, as armas, até as fotos após o abate. O preço varia de acordo com o animal que os caçadores querem perseguir.

A foto que deixou a internet indignada mostra um casal de turistas canadenses de beijando na frente do animal, e traz a seguinte legenda: “Trabalho duro sob o Sol forte do Kalahari. Muito bem. Um leão monstruoso”, são as palavras da empresa.

No Twitter, as pessoas não pouparam críticas a Legelela. “Espero que eles fechem as portas”, “Estou enojado” e “Isso é perturbador” são alguns dos comentários sobre a empresa feitos após a postagem da foto.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
87