CONECTE CONOSCO

emocionante

Mãe de 90 anos reencontra filha que deu pra adoção há 70 anos. Assista!

Publicado em

Foto: reprodução


Uma espera de 7 décadas para que Elizabeth Pullen pudesse reencontrar a filha, Lynne Wray, novamente. Elas não se viam desde que a mãe deu a criança para adoção, há 70 anos. Mas graças à neta de Elizabeth, Wanda LeBlanc, Lynne foi encontrada.

“Minha mãe deu para minha irmã e eu DNA kits para o Natal e nós pensamos que seria divertido aprender sobre nossa família”, disse Wanda LeBlanc

“Quando eu cliquei no nome dela havia uma mensagem: ‘Eu sou adotiva e nunca conheci minha família de nascimento’. Daí eu fiquei animada em saber que havia um membro da família lá fora”, conta a neta.

As duas trocaram informações e toda a história começou a fazer sentido.

Emoção

“Assim que ela atendeu o telefone, eu disse: ‘Oi Lynne, sou a Wanda.’ E ela começou a chorar assim que ouviu minha voz. Ela disse que você é o primeiro membro da minha família biológica com quem eu já conversei “, disse Wanda LeBlanc

“Ela me disse que tudo o que ela sabia era sua cidade natal e que sua mãe era parte indígena. Daí eu liguei os fatos, porque sempre me contaram que minha avó era parte indígena, e foi então que deu um “clique” na hora.

A neta contou que a avó confirmou que na década de 1940, ela havia dado Lynne Wray para adoção.

“Uma parte do processo de adoção nos anos 40 era: se uma mulher está dando à luz e o bebê para adoção, ela não tem permissão para ver o bebê. Então minha avó nunca viu Lynne”, disse Wanda LeBlanc.

Planos de Deus

A mãe, Elizabeth Pullen contou que ela sempre soube que um dia se reuniria novamente com a filha.

“Nós nunca desistimos. Quando você dá um presente (adoção), você sabe que algum dia ele vai voltar. Eu sabia que iria encontrá-la. Eu sabia que isso estava no plano de Deus. Eu sabia que a veria algum dia”, disse Pullen.

Mãe e filha comemoram o reencontro com uma sessão de fotos especial.

“Não paramos de conversar por uma semana inteira”, disse Pullen.

“E eu acho que podemos continuar falando para sempre. Porque ela é um anjo e pai teria ficado orgulhoso dela. Todos os meus filhos tiveram o mesmo pai. Ela se parece tanto com o lado do pai dela.

“Minha avó não está bem de saúde e muitas vezes questionou por que Deus a manteve nesta terra – agora ela sabe o porquê.”

Wray mora na Carolina do Norte. Pullen mora em Louisiana. Eles fizeram planos para reunirem as famílias no verão.

Assista ao reencontro:

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!
Fonte:
Anunciante

NORTE

Terremoto de magnitude 6,7 atinge o Japão e deixa 28 feridos

O tremor ocorreu ao largo da costa de Yamagata

Publicado em

© Reuters

Autoridades meteorológicas japonesas afirmaram que um terremoto de magnitude 6,7 atingiu a região norte do país na terça-feira à noite. Nenhuma morte foi registrada. Vinte e oito pessoas ficaram feridas nas províncias de Niigata, Yamagata, Miyagi, Ishikawa e Akita.

Segundo sismólogos, o tremor ocorreu ao largo da costa de Yamagata e estima-se que o foco estava a 14 quilômetros sob o leito marinho.

Alertas de tsunami emitidos ao longo da costa das províncias de Yamagata, Niigata e Ishikawa foram suspensos hoje (19) de manhã.

A província mais duramente atingida pelo sismo foi Niigata, onde foi registrada uma intensidade entre 6 e 6,5 na escala japonesa que vai de 0 a 7.

O forte tremor afetou a rede elétrica da região. Funcionários de operadoras disseram que, em determinado momento, milhares de domicílios em Niigata e Yamagata ficaram sem luz.

Com informações da Agência Brasil

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

Mundo animal

Píton engole crocodilo inteiro na Austrália

Publicado em

Uma cobra da espécie píton olivácea (Liasis olivaceus), a segunda maior espécie da Austrália, atrás apenas da píton esfoliante (Morelia amethistina), foi vista devorando um crocodilo inteiro na região de Mt. Isa, em Queensland (Austrália), de acordo com informações do ‘Extra’.

Segundo a reportagem, as imagens foram captadas por um ativista da da GG Wildlife Rescue que passava de caiaque pelo local e postadas no Facebook.

“É comum para pítons devorarem presas muito maiores do que o tamanho da boca”, disse ao “Daily Mail Austrália” Michelle Jones, porta-voz da GG Wildlife Rescue.

 

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

Mistério

Mágico desaparece ao tentar recriar famoso truque de Houdini

Publicado em

Um mágico indiano chamado Chanchal Lahiri, conhecido como Mandrake, está desaparecido após tentar recriar um famoso truque de Harry Houdini. Lahiri foi amarrado e colocado sob as águas do rio Hoogly, no estado de West Bengal, mas não foi encontrado novamente. As informações são da BBC.

De acordo com o show, Lahiri deveria escapar dos seis cadeados que o prendiam e nadar em segurança para a superfície, como fez o famoso mágico Harry Houdini, mas seus planos falharam. Espectadores em dois barcos acompanhavam a apresentação.

Após o desaparecimento, policiais e mergulhadores procuraram na área, mas não encontraram o artista. Ele, no entanto, não será declarado morto até o corpo ser encontrado, segundo uma autoridade local.

Jayanta Shaw, um fotógrafo local, disse que conversou com o mágico antes do ato. “Eu perguntei por que ele arrisca a vida por mágica. Ele riu e declarou: ‘se eu fizer direito, é magia, mas se eu errar, vira tragédia’”, afirmou Shaw.

Vinte anos atrás, segundo a BBC, Lahiri tentou o mesmo truque e conseguiu escapar com vida. “Eu nunca pensei que ele fosse sair da água com vida dessa vez”, afirmou o fotógrafo.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
90