CONECTE CONOSCO

falsos positivos

China: fruta asiática é responsável por distorcer o teste do bafômetro

Chamada de durião, fruta é semelhante a uma jaca e fez um homem ser detido pela polícia chinesa durante teste do bafômetro

Publicado em

(FOTO: WIKIMEDIA COMMONS)


Um homem foi autuado após realizar o teste do bafômetro na China não porque consumiu muito álcool, mas porque comeu muitos duriões. A fruta asiática lembra uma jaca e é conhecida como um dos alimentos mais fedidos do mundo.

De acordo com os especialistas, isso aconteceu porque bafômetros podem produzir falsos positivos, já que detecta substâncias químicas que contêm elementos do grupo químico conhecido como metil. Por isso, produtos de uso diário que contêm traços de álcool, ou alimentos e bebidas não alcoólicos, podem testar positivo para o álcool.

O aparelho testa o ar profundo dos pulmões, que é afetado pelo álcool já absorvido em sua corrente sanguínea — daí a leitura do nível de álcool no sangue. Contudo, às vezes, detecta-se o chamado “álcool na boca”, que é o ar (respiração) ainda não absorvido pela corrente sanguínea.

Portanto, se o teste do bafômetro for feito quase imediatamente após a ingestão de um desses alimentos, existe uma pequena chance de produzir-se um falso positivo. Um estudo de 1998 mostra que em até 15 minutos o metil produzido é metabolizado, e, se refeito, o reste dará negativo.

No caso do chinês que comeu muitos duriões, o teste foi refeito após três minutos e os policiais constataram que, de fato, ele não estava alcoolizado.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Fonte:
Anunciante

tragédia

Estudante brasileiro que fazia intercâmbio é encontrado morto na China

Leonardo Cláudio da Rosa foi encontrado morto na cidade de Chongqing

Publicado em

O estudante brasileiro Leonardo Cláudio da Rosa foi encontrado morto na cidade de Chongqing, na China, informaram nesta segunda-feira, 15, o Itamaraty e a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

O jovem cursava Letras na instituição gaúcha e realizava um intercâmbio em uma universidade do país asiático. A causa da morte de Rosa ainda não foi confirmada, mas há a suspeita de que ele tenha sido assassinado.

“As informações iniciais, provenientes de colegas de intercâmbio de Leonardo na China, indicam que foi vítima de crime, embora a direção não possa confirmar”, informou, em sua página no Facebook, a direção do Instituto de Letras da UFRGS.

A universidade informou que a Secretaria de Relações Internacionais (Relinter) e os órgãos superiores da instituição acompanham o caso junto com a família de Rosa, o Ministério das Relações Exteriores e a Embaixada brasileira na China, a fim de providenciar o translado do corpo e investigar as circunstâncias da morte do estudante.

“A direção do IL (Instituto de Letras) expressa aqui sua profunda consternação e tristeza e envia, em nome da comunidade da Letras, seus sentimentos de solidariedade à família de Leonardo”, lamentou a UFRGS. “Faremos o que estiver a nosso alcance para que as autoridades brasileiras busquem junto ao governo chinês o esclarecimento cabal dessa incompreensível tragédia.”

O Itamaraty informou, em nota, que desde que foi acionada a Embaixada brasileira em Pequim está em constante contato com as autoridades policiais locais para obter informações adicionais sobre a ocorrência.

“O Itamaraty também está em contato com os familiares do Sr. da Rosa, com vistas a orientá-los quanto aos trâmites burocráticos para o traslado do corpo”, afirmou o Ministério das Relações Exteriores.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

Espanha

Deu ruim! Traficante tenta esconder cocaína embaixo da peruca

Publicado em

Um traficante colombiano foi preso, nesta terça-feira (16), no aeroporto de Barcelona, Espanha, com meio quilo de cocaína.

No entanto, o que chamou atenção da polícia foi como o criminoso tentou esconder a droga: embaixo da peruca. Os oficiais começaram a desconfiar do homem quando viram que o cabelo estava numa altura fora do normal.

“A peruca era muito estranha, mas os agentes são bem treinados e se fixaram principalmente na atitude do homem. O que chamou atenção foi o nervosismo dele ao passar pelo controle de segurança”, disse um dos agentes ao jornal La Vanguardia. O traficante, que não teve o nome revelado, foi levado para uma sala.

Ao tirar a peruca, revelou-se a droga. Segundo a Policía Nacional, eram aproximadamente 503g de cocaína, que valem cerca de R$ 127 mil. O homem não explicou a origem do entorpecente e foi levado para a prisão.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

perturbador

Foto de caçadores se beijando ao comemorar morte de leão causa revolta

A imagem foi postada por uma empresa especializada em levar caçadores europeus para o continente africano atrás de animais selvagens

Publicado em

LEGELELA SAFARI/FACEBOOK

Uma foto mórbida está gerando grande comoção na internet. A imagem foi postada pela empresa Legelela Safari, e mostra um casal de caçadores comemorando a morte de um grande leão com um beijo apaixonado.

Legelela Safari é uma companhia especializada em levar turistas ingleses para caçar animais selvagens no continente africano. Ela lida com tudo, desde a licença, as armas, até as fotos após o abate. O preço varia de acordo com o animal que os caçadores querem perseguir.

A foto que deixou a internet indignada mostra um casal de turistas canadenses de beijando na frente do animal, e traz a seguinte legenda: “Trabalho duro sob o Sol forte do Kalahari. Muito bem. Um leão monstruoso”, são as palavras da empresa.

No Twitter, as pessoas não pouparam críticas a Legelela. “Espero que eles fechem as portas”, “Estou enojado” e “Isso é perturbador” são alguns dos comentários sobre a empresa feitos após a postagem da foto.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
87