CONECTE CONOSCO

VIOLÊNCIA

Bullying termina com menor esfaqueado a caminho da escola em Araçatuba

Publicado em

Foto: Fábio Ishizawa / Regional Press


Um adolescente levou 11 facadas na manhã desta segunda-feira em uma estrada de acesso entre os bairros Porto Real e São José, em Araçatuba.

As primeiras informações revelam que o motivo das agressões seriam o fato do agressor, de 15 anos, estar sendo vítima de bullying na escola.

A reportagem apurou que o agressor premeditou a ação. Ele pegou um caderno e fez um recorte nas páginas internas, deixando um espaço oco, onde ele escondeu a faca.

Pela manhã ele foi até a estrada e ficou aguardando a vítima, que ao passar, acabou sendo atacada a facadas.

A vítima está na Santa Casa e não corre risco de morrer. O acusado está sendo apresentado no plantão policial E ficou apreendido a disposição da Justiça.

Foto: Fábio Ishizawa / Regional Press

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!
Fonte:
Anunciante

Urgente

Acusado de abusar de menino especial é agredido pela população e acaba preso em Araçatuba

Assista entrevista com o acusado e com policial militar

Publicado em

Momento em que o acusado chegou com a PM à delegacia, em Araçatuba (Foto: Silvio Romero/ Araçatuba Acontece)

Um homem de 42 anos foi preso em flagrante pela Polícia Militar acusado de abusar sexualmente de um menino de 15 anos, na noite desta segunda-feira (17), em Araçatuba.

A vítima, portadora de necessidades especiais, passaria por exame de corpo de delito na madrugada de hoje (18).

O acusado foi agredido por populares e escapou por pouco de um linchamento. Preso pela PM, o suspeito, com ferimentos na cabeça e nas costelas, foi levado ao pronto-socorro municipal e apresentado no plantão policial.

A Polícia Militar recebeu ligações informando que um homem estaria sendo agredido por populares na Rua Clarismundo de Mello, bairro Boa Vista, após ser flagrado abusando de um adolescente especial.

Os PMs, cabo Gleyson e soldado Ravanhani, apuraram que o acusado havia escapado da população e estaria pelo bairro. O indiciado foi localizado e preso em um terreno baldio na Rua Clibas de Almeida Prado.

Com antecedentes criminais por furto e porte de arma, o acusado, identificado pelas iniciais A.A.P., negou o crime ao chegar à delegacia.

Mas, diante das evidências, ele foi autuado em flagrante por estupro de vulnerável. O caso continua sendo investigado.

Assista entrevista com o acusado e com policial militar:

Por Silvio Romero/ Araçatuba Acontece

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

tragédia

Pai não aceita separação, mata filho de 4 anos e se suicida

O homem de 37 anos também não aceitava que a mulher tivesse um novo namorado e disse que "queria vê-la sofrer"

Publicado em

Um homem de 37 anos matou o próprio filho, de 4 anos, e, em seguida, se suicidou na cidade de Piraquara, Região Metropolitana de Curitiba (PR).

Segundo informações da polícia, o pai, Neri da Rosa, não aceitava o fim do relacionamento com a mãe de David Gabriel Franco da Rosa, Simone Franco, e queria que “ela sofresse”.

Ainda de acordo com a PM, o pai teria enforcado o filho enquanto ele dormia e, depois, em outro cômodo da casa, se pendurou em um corda, no domingo (16). No local do crime, uma carta de despedida foi encontrada.

“Ele deixou tipo um diário para sua esposa, a condenando pelo fato absurdo que ele cometeu ao matar seu filho, uma criança, um anjo de quatro anos de idade”, disse Job Freitas, superintendente da Polícia Civil de Curitiba, ao jornal Ric Mais.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

Caso Neymar

Justiça expede mandado de busca e apreensão do celular de Najila Trindade

Publicado em

A modelo Najila Trindade prometeu que entregaria seu celular para autoridades até o dia 11 de junho, mas ainda não deu o aparelho. Por conta disso, a Justiça atendeu uma solicitação da Polícia Civil e expediu mandado de busca e apreensão do celular da mulher que acusa Neymar de estupro. As informações são do UOL.

De acordo com o UOL Esporte, Najila não entregou o telefone, que pode conter informações do caso, para autoridades da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher de São Paulo.

A Polícia Civil, então, solicitou à Justiça a busca e apreensão do celular. O Ministério Público se manifestou a favor do pedido apenas para colher dados de conversas entre a modelo com Neymar e com uma amiga.

Najila afirma possuir um vídeo de sete minutos em seu celular, gravado no segundo encontro com Neymar. Um trecho da gravação, de pouco mais de um minuto, foi divulgado com a modelo dando tapas no jogador e reclamando da noite anterior. A recusa em dar o celular para a polícia fez com que o advogado Danilo Garcia de Andrade saísse do caso.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
83