CONECTE CONOSCO

Susto

Tuta, ex-jogador da AEA, sofre assalto ao lado das filhas e tem carro roubado no RJ

Publicado em

Foto: Reprodução/ TV Record


Tuta, ex-jogador de futebol da AEA (Associação Esportiva Araçatuba) passou por momentos de tensão ao ser surpreendido por dois assaltantes em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, quando deixava as filhas na escola, nesta sexta-feira (12).

Rendido pelos criminosos armados, o ex-atacante da AEA teve o carro roubado. O crime foi registrado por uma câmera de segurança. (assista abaixo)

Pelas imagens é possível ver Tuta deixando o carro e dando a volta para tirar as filhas do outro lado do veículo.

Em entrevista para a TV Record, Tuta contou como ocorreu o assalto. “Estou levando minhas filhas para o colégio, batendo papo no carro.

Eu encosto, e quando olho para minha filha escuto uma batida muito forte no vidro. Tomo um susto. Aí eu vi a arma, um cara com uma arma muito grande. Falei: “Calma, só quero tirar minhas filhas”.

Os assaltantes levaram tiraram o relógio e o anel do ex-jogador.

“Graças a Deus consegui tirar minhas filhas. Consegui manter a calma, acho que com qualquer movimento brusco pode ter uma fatalidade. Eles estavam mais nervosos que eu, que estava sendo surpreendido. Moro há 19 anos no Rio e nunca passei por isso. Nos meus 44 anos nunca passei por essa situação de ser assaltado. Em plena luz do dia”, disse Tuta ao site do Globo Esporte.com

Tuta iniciou sua carreira no Araçatuba, em 1994. Em seguida, ficou um ano no XV de Piracicaba e, então, retornou ao AEA em 1996.

Em 1999, após passar uma temporada no Atlético Paranaense, quando conseguiu conquistar seu primeiro título no Campeonato Paranaense de 1998, foi negociado com o pequeno Venezia, da Itália.

Naquele país, Tuta ficou famoso por ter protagonizado um estranho episódio em um dos seus gols. Em uma partida entre Venezia e Bari, Tuta marcou o gol da vitória de seu time no último minuto do jogo.

Entretanto, seus companheiros de equipe não comemoraram o gol, levantando suspeitas de que havia um acordo para que a partida terminasse empatada. Tuta também passou pelo Palmeiras, Grêmio, Flamengo e Fluminense.

Vídeo mostra assalto:

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Fonte:
Anunciante

futsal

Real Madruga intensifica os treinos para mais um jogo decisivo

Publicado em

Foto: Gustavo Ribeiro/Agência Madruga

Nas últimas semanas a equipe do Real Madruga tem reforçado a rotina de treinamento para mais uma partida importante, dessa vez em casa, contra Assis, pela Liga Paulista.

O técnico Leandro Luz comentou sobre a preparação da equipe e o que espera da partida dessa Quarta-Feira “Estamos bem confiantes, recebemos alguns reforços e espero poder contar com todos. Tivemos treinos excelentes, a competitividade do grupo aumentou e ninguém quer ficar de fora” disse o comandante da equipe.

Já o goleiro e capitão do time, Rafinha, falou sobre o que espera do jogo ” A nossa expectativa é que o grupo faça um bom jogo, para podermos engrenar no campeonato e retomar a
confiança e entrosamento da equipe.

O time de Araçatuba entra em quadra nessa Quarta-Feira (14/08), às 20 H na escola Henny Ferraz Homem- Jardim Ipanema.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

brasileirão 2019

Em SP, Palmeiras e Bahia empatam em 2 a 2

Publicado em

Daniel Vorley/ AGIF/ CBF

Neste domingo (11), Palmeiras e Bahia fizeram um jogo movimentado no Allianz Parque e empataram em 2 a 2.

O resultado da 14ª rodada do Campeonato Brasileiro mantém o Verdão na vice-liderança da competição, com 29 pontos. O Esquadrão de Aço, com 20, aparece na décima posição.

O jogo

Com total controle no primeiro tempo, o Palmeiras apresentou intensidade, velocidade, marcação alta e boas roubadas de bolas. Foi em uma delas, inclusive, que Dudu abriu o placar no Allianz Parque.

Aos 12 minutos, o atacante pegou a bola de Moisés no meio-campo e abriu para Gustavo Scarpa. No cruzamento, Moisés desviou contra o próprio gol, Douglas defendeu, e Dudu apareceu para pegar o rebote: 1 a 0.

Atrás no placar, mesmo com dificuldades para sair do campo de defesa, o Bahia assustou em duas oportunidades, quando quase marcou com Gilberto e Élber.

O Verdão seguiu pressionando e teve chance de ampliar com Luiz Adriano e Scarpa, parados em boas defesas de Douglas.

Na volta do intervalo, o Bahia empatou logo aos sete minutos. Gilberto cobrou pênalti no canto esquerdo do goleiro Weverton e deixou tudo igual em São Paulo. Mas o Verdão voltou a ficar na frente nos instantes seguintes.

Aos 12, Marcos Rocha cobrou lateral na área, Dudu apareceu livre para cabecear e Douglas defender. Mas, no rebote, o próprio atacante finalizou para dentro da rede: 2 a 1. O Bahia empatou a partida aos 39, com Gilberto, de pênalti.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

RECORDE DE MEDALHAS

Brasil confirma melhor campanha em Jogos Pan-Americanos

País conquistou 171 medalhas sendo 55 de ouro na competição realizada no Peru

Publicado em

Foto: Pedro Ramos/rededoesporte.gov.br

Na edição 2019 dos Jogos Pan-Americanos, realizados de Lima, no Peru, a equipe brasileira confirmou a melhor atuação do país em Jogos Pan-Americanos. O Time Brasil conquistou 171 medalhas e garantiu o país no 2º lugar do quadro geral de medalhas, com 55 de ouro, 45 de prata e 71 de bronze.

A medalha de ouro de Guilherme Costa nos 1.500m da natação, foi a marca para o país chegar a 53 ouros em Lima e superar sua melhor campanha em Jogos Pan-Americanos na história, ocorrida no Rio 2007, com 52 ouros.

Foram 19 dias de jogos Pan-Americanos. Nesse tempo, o Brasil mostrou dominância em algumas modalidades, surpreendeu em outras e também viu medalhas que pareciam quase certas escaparem. Superação e aprendizado caminham juntos em qualquer competição esportiva.

Da frustração do ginasta Arthur Zanetti, prata nas argolas, a ouros inéditos no badminton, boxe feminino e taekwondo feminino, o Brasil escreveu sua história em Lima.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
error: Conteúdo protegido. LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998
83