Oi, o que você está procurando?

Bafafá

Rolândia: presidente da Câmara tem nudes vazados e pode ser cassado

Um escândalo deixou a cidade de Rolândia, na Região Metropolitana de Londrina (PR), de cabelo em pé. Isso porque um vídeo íntimo de Eugênio Serpeloni, presidente da Câmara Municipal, vazou em grupos de WhatsApp e causou reboliço. Nas imagens, é possível ver o vereador se masturbando e colocando a língua para fora.

Segundo o site 24horas, na segunda-feira (11/3), o vereador disse que teve o celular clonado e que o vídeo acabou sendo repassado para outras pessoas. Eugênio afirmou ainda que fez um boletim de ocorrência na polícia e quer a investigação do caso.

Nesta terça (12/3), em nota, o político afirmou que o vídeo foi feito em momento íntimo pessoal, sem vínculo com a Câmara de Rolândia. Além disso, não compartilhou ou autorizou a divulgação das imagens e que irá dotar as medidas legais cabíveis para identificar quem divulgou as imagens.

Nudez vazado que envolve o presidente da Câmara de Vereadores de Rolândia (PR)

No entanto, o vídeo vazado pode causar mais dor de cabeça para o vereador. Logo depois da divulgação do caso, o deputado federal Boca Aberta e o deputado estadual Boca Aberta Jr, que é filho de Boca Aberta, pediram a cassação do mandato de Eugênio Serpeloni. No documento, eles acusam o político de quebra de decoro parlamentar.

“Tal conduta é nojenta, abjeta, repugnante, extremamente reprovável e não condiz com a conduta de um home de família, de caráter, moral e bons costumes e, certamente, humilha a Câmara de Vereadores de Rolândia (…) Quanta vergonha!”, diz o pedido de cassação. Eugênio não se pronunciou sobre o pedido de cassação.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!