Oi, o que você está procurando?

VIOLÊNCIA

Mulher e filha são agredidas a marretadas por maquinista em Araçatuba

Uma doméstica de 45 anos foi violentamente agredida com marretadas e socos no rosto, e a filha dela, uma estudante de 13 anos, também foi atingida com um golpe de marreta na cabeça e nas costas. O caso foi registrado nesta quinta-feira, mas aconteceu no último dia 4 em Araçatuba, e a vítima continua internada na Santa Casa.

De acordo com o boletim de ocorrência, o acusado, um maquinista de 54 anos, companheiro da doméstica, teria ficado irritado e exaltado ao ouvir uma conversa dela com uma das filhas. Em um ataque de fúria passou a agredir a companheira com a marreta.

A filha de 13 anos estava no banheiro, ouviu a gritaria e saiu para defender a mãe, mas acabou sendo atingida por uma marretada na cabeça. Ela voltou ao banheiro e se trancou.

O homem, que é seu padrasto, conseguiu abrir a porta e deu vários socos em seu rosto e uma marretada nas costas. Em seguida fugiu com uma moto, Honda Bizz, que pertence à doméstica, e não foi mais encontrado.

Nesta sexta-feira, Dia Internacional da Mulher, ao invés de comemorar, uma das filhas passou o dia dividindo o tempo entre delegacia e hospital, para cuidar de mais um caso que entra nas estatísticas de violência contra a mulher. O Regional Press acompanha o caso.

[easy_image_gallery gallery=”178″]

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!