Connect with us

youtuber

‘Vovô do Slime’ faz sucesso na internet com fofura e persistência: ‘Emocionado’

Vídeo do aposentado Nilson Izaias no YouTube viralizou nas redes sociais nas últimas horas e ele conquistou mais de 1,6 milhão de inscritos em seu canal em uma semana.
Fabricio Oliveira

Publicado

em



Vem da pequena cidade de Juquiá, no interior de São Paulo, o mais novo fenômeno da internet brasileira. O aposentado Nilson Izaias, de 70 anos, um dos pouco mais de 18 mil moradores do município, bateu Felipe Neto e Anitta no Youtube e, por conta de um vídeo, em que produz um ‘Slime’ (massa de modelar artesanal) e se emociona em seguida, conquistou mais de 1 milhão de inscritos em seu canal em menos de uma semana.

Nilson mora em um sítio bastante isolado com sua esposa. Ele trabalhou durante vários anos como agente escolar e, em 2017, acabou se aposentando. Em dezembro daquele mesmo ano, o ‘Vovô do Slime’ resolveu criar um canal no YouTube. “Comprei um celular e criei apenas para passar o tempo. Eu gostava do fato de youtubers fazerem tantos amigos virtuais”, afirmou em entrevista ao G1.

O idoso grava e posta os vídeos sozinho, posiciona o celular na mesa e coloca para gravar. Às vezes, ele também gosta de fazer vídeos mostrando o local onde mora. Ele também conta que sempre gostou de acompanhar youtubers e, quando viu muitas pessoas fazendo vídeos sobre ‘Slime’, resolveu tentar também.

“Eu gravava e ainda gosto de gravar o sítio em que moro, os animais, as frutas da época e mostrar para as pessoas todas essas coisas”, destaca. Nilson começou seu canal com aproximadamente 50 inscritos, depois, aos poucos, mais pessoas começaram a se inscrever e ele chegou ao número de 1.800 inscritos.

No dia 22 de janeiro de 2019 a vida dele começou a mudar. O aposentado gravou um vídeo de sua quarta tentativa de fazer um ‘Slime’. Deu certo, ele falou que era a realização de um grande sonho e a gravação viralizou. Em poucos dias, ele passou a ter 1 milhão de pessoas em seu canal. “O dia que meu ‘Slime’ deu certo foi o mais alegre da minha vida. Até pulei de alegria”, diz emocionado.

Nas últimas horas, a alegria de Nilson cresce exponencialmente. “Eu tinha 1800 inscritos. Não via a hora de chegar em 2 mil e achava que até o fim de 2019 eu chegava lá. Mas, de repente, quando fiz o vídeo do ‘Slime’, no outro dia fui ver e não acreditei. Estava com 200 mil. Como sempre olho diariamente, no dia seguinte também fui ver e já estava 500 mil, depois 800 mil e, agora, tenho mais de 1,6 milhão. Eu não tenho palavras para dizer o quanto estou feliz “, conta entusiasmado.

Incentivo

“Quando vi que tinha tantas pessoas me seguindo eu não acreditei. Achei que era fake. Quando vi que era real fiquei muito emocionado. A maior parte do meu tempo dedico ao meu canal”, conta Nilson. De acordo com ele, a maioria dos comentários que recebe são elogios e agradecimentos. “Muitas crianças me chamam de avô, fazem comentários lindos, que querem me dar um abraço, me chamam de fofo, que querem me guardar em um potinho. Fico emocionado”, relata.

O idoso também conta que a família está recebendo muitas ligações e adorando o sucesso que ele está fazendo. “Como todos da família tem o mesmo sobrenome, muitas pessoas estão entrando em contato para perguntar de mim, ligam e mandam mensagem o dia inteiro”.

Nilson afirma ser cardíaco e que tem diabetes, por isso faz uso de medicamento contínuo. Para ele, o carinho das pessoas é um grande incentivo. “É como um remédio para mim, me faz uma pessoa mais alegre, mais disposta e com mais vontade de viver”, destaca.

Nilson se sente feliz em gravar vídeos para o canal e afirma que apoio das pessoas que o acompanham é seu maior incentivo — Foto: Reprodução/Youtube

Gratidão

O novo youtuber de sucesso afirma que vai continuar gravando seus vídeos e que recebeu muitos comentários para não desistir. “Vou procurar temas diferentes para não fazer só vídeo igual. Já me pediram até para eu fazer vídeo sobre o meu cachorro”, conta.

Ele destaca que, no ‘Slime’ que deu certo, utilizou cola branca, bicarbonato, água boricada e um pouco de detergente. Tudo isso depois das dicas de uma criança que o acompanha no canal. “Sou muito grato pelos comentários tão lindos das pessoas sobre mim. Às vezes tem gente que tem preconceito com idosos e me chamam de velho, falam para eu procurar o que fazer, mas não me abalo. No meio de mais de um milhão de palavras boas aparece um ou dois que dizem coisas ruins”, afirma.

Nilson destaca que muitas vezes gosta de anotar os comentários das pessoas e o canal delas para gravar um vídeo agradecendo. Agora, como tem muitos comentários, não consegue fazer isso com todos. “Eu gostaria de agradecer todos meus inscritos, homens, mulheres, jovens, idosos e crianças, que me deram esse apoio e se inscreveram no meu canal. Só Deus pode pagar tudo que eles que eles fizeram por mim”, finaliza ele.

Deixe sua opinião

Fonte: G1
Anunciante

Saúde

Veja opções saudáveis para montar a lancheira da crianças

Brasil tem média de 33,5% de crianças acima do peso e 14,3% com obesidade, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS)
Alex Mesmer

Publicado

em

Apesar de parecer uma tarefa fácil, preparar a lancheira das crianças requer tempo. É preciso pensar no que é saudável e não apenas no gosto dos pequenos. Na fase escolar, a alimentação deve ser cuidadosa para evitar problemas como diabetes, hipertensão e doenças cardiovasculares no futuro.

“As pessoas costumam achar que o lanche não tem tanta importância. Mas as crianças que ficam na escola em período integral, por exemplo, levam dois lanches de casa: o da manhã e o da tarde. E, como qualquer refeição intermediária, esse lanche é importante na alimentação dessa criança”, explica Milene Raimundo, nutricionista e diretora do Centro de Segurança Nutricional e Alimentar Sustentável (Cesans).

Ao montar a lancheira, prefira opções mais saudáveis e coloridas. Em relação às porções, a quantidade deve ser a mesma que a criança come em casa, para que não fique sobrecarregada e tenha energia para se concentrar nas tarefas.

Segundo a médica Elisabete Almeida, um bom lanche entre as refeições, principalmente no intervalo entre as aulas, garante o um bom funcionamento do metabolismo, digestão e absorção dos nutrientes. “É importante também incluir uma garrafa de água para que a criança possa consumir durante a aula, garantindo a necessária hidratação”, diz.

A vendedora Luciana Nunes conta que montar a lancheira da filha não é simples, pois a falta de tempo muitas vezes impede de fazer escolhas saudáveis. “Eu sempre mando frutas e um lanche com salada, pão integral e uma proteína para que ela coma o melhor possível. Tento evitar os industrializados, mas na falta de tempo, às vezes acabo mandando”, explica.

De acordo com Sizele Rodrigues, nutricionista da Codeagro, o Brasil tem uma média de 33,5% de crianças acima do peso e 14,3% com obesidade, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), sendo um dos problemas de saúde pública mais graves no mundo. “Então a alimentação da criança, nesta fase escolar, deve ser bem cuidadosa para que problemas como diabetes, hipertensão e doenças cardiovasculares sejam evitados no futuro”, finaliza.

Confira 15 dicas de como montar uma lancheira saudável e deliciosa:

1. Substitua alimentos industrializados por alimentos integrais e com menos teor de sal e açúcar;

2. No lugar do néctar de fruta opte por iogurte com geleia;

3. No lugar de bolacha recheada escolha cookies integrais;

4. Para fazer sucos naturais escolha frutas com maior tempo de oxidação: manga, abacaxi, goiaba, maracujá e acerola;

5. Faça o suco no horário mais próximo de a criança ir para a escola;

6. Misture frutas doces com cítricas para que não precise colocar açúcar;

7. Se não der para fazer o suco natural, escolha líquidos como: chás, sucos de caixinha sem açúcar ou conservantes, água de coco e até mesmo água comum;

8. Na hora de colocar frutas na lancheira, diversifique com melancia, melão, manga, uva etc;

9. Lave bem as frutas antes de colocar na lancheira;

10. Para que não oxide muito rápido, corte a fruta em gomos e envolva-os em plástico filme;

11. Sempre varie no corte das frutas para que a criança se interesse em comer;

12. Coloque uma fonte de carboidrato: pão, biscoito, torta, bolo etc (optar por integrais e caseiros);

13. Coloque uma fonte de proteína: queijo, iogurte, atum ou frango (como recheio para tortas e lanches);

14. Cuidado com os industrializados, olhe a rotulagem antes de comprar e evite os que tenham como primeiro ingrediente sal, açúcar e gordura;

15. Em vez de comprar batata frita ou bolacha recheada, prefira cookies integrais e mix de castanhas, que são mais saudáveis.

A Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios (Codeagro), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, criou o livro “Alimentação Escolar – promovendo a saúde do futuro”, gratuito para download, com receitas saborosas e diversificadas.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

Saúde

Comer carne processada aumenta risco de doença respiratória

Alex Mesmer

Publicado

em

Imagem Ilustrativa

Um novo estudo, que teve como base mil indivíduos na França e foi publicado no periódico científico Thorax, revela que consumir mais de quatro porções por semana de carne processada é um risco para a saúde.

Os investigadores crêem que um conservante de nome nitrito, usado em carnes como salsichas, salame e presunto, possa ser o responsável por piorar as condições das vias respiratórias.

Ainda assim, os cientistas salientam: “Mais do que se preocuparem apenas com um tipo especifico de comida, os indivíduos devem manter uma dieta saudável e equilibrada”. O consumo de carne processada já foi associado à incidência de vários tipos de câncer.

Especialistas afirmam que não é recomendável comer mais do que 70 gramas por dia de carne vermelha e processada – o que equivale a uma salsicha e mais uma fatia de bacon por dia, por exemplo.

Estudo

Para o estudo, voluntários responderam a uma pesquisa sobre alimentação e saúde durante dez anos, de 2003 a 2013.

Metade dos participantes tinha asma. O restante – o chamado grupo de controle – não tinha qualquer histórico da doença.

A pesquisa analisou os sintomas da asma – falta de ar, chiado e sensação de aperto no peito – e o consumo de carne processada: uma porção simples foi classificada como duas fatias de presunto, uma salsicha ou duas fatias de salame.

Entre os asmáticos, um maior consumo de carne foi associado a um agravamento dos sintomas pulmonares.

Pessoas que admitiram ingerir mais de quatro porções por semana – oito fatias de presunto ou quatro salsichas, por exemplo – registraram um agravamento superior da sua condição asmática no final do estudo.

Os pesquisadores destacam que esta experiência não prova a 100% que a causa do agravamento seja a dieta, já que vários fatores na vida de uma pessoa podem agravar um quadro de asma.

“Embora certos alimentos possam desencadear alergias em algumas pessoas, não há uma recomendação específica de dieta para lidar com sintomas da asma de modo geral”, afirma Erika Kennington, chefe de pesquisa no centro Asthma UK.

Para a maioria dos pacientes, segundo ela, ter uma alimentação saudável “funciona da mesma maneira do que para o restante das pessoas: ter uma dieta equilibrada que inclua muitos alimentos frescos e não processados, com baixo teor de açúcar, sal e gorduras saturadas, como uma dieta de estilo mediterrânico”.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

transtorno

Conhece a paralisia do sono? Saiba tudo sobre esta estranha sensação

Episódios assim acontecem quando o cérebro demora para devolver o movimento do corpo quando se está acordando ou tentando dormir
Fabricio Oliveira

Publicado

em

ANGKRITTH/ISTOCK

A paralisia do sono é um transtorno que ocorre logo após acordar ou quando se está tentando adormecer, e impede o corpo de se mexer, mesmo quando a mente está desperta. É a encarnação de um dos piores pesadelos possíveis, pois a pessoa está acordada, mas não consegue se movimentar, se levantar. o que causa angústia, medo e terror.

Enquanto dormimos, o cérebro relaxa todos os músculos do corpo e o mantém imóvel para conservar energia e evitar movimentos bruscos durante os sonhos. No entanto, quando acontece um problema de comunicação entre o cérebro e o corpo, o cérebro pode demorar para devolver o movimento ao corpo, originando um episódio de paralisia do sono.

Normalmente, o paciente tem algumas alucinações, como ver alguém ao lado da cama ou ouvir barulhos estranhos, mas isso acontece devido ao excesso de ansiedade e medo provocados pela falta de controle do próprio corpo. Além disso, os sons podem ser justificados pelo movimento dos músculos do ouvido, que continuam funcionais mesmo quando todo o corpo está paralisado.

Embora a paralisia do sono possa acontecer em qualquer idade, é mais frequente em adolescentes e jovens adultos com idade entre os 20 e os 30 anos, estando relacionada com maus hábitos de sono e excesso de estresse.

O que fazer para sair

A paralisia do sono é um problema pouco conhecido que desaparece sozinho após alguns segundos ou minutos. No entanto, é possível sair mais rapidamente desse estado de paralisia quando alguém toca na pessoa que está tendo o episódio ou quando se pensa de forma lógica e o paciente foca toda sua energia em tentar movimentar os músculos.

Como evitar

A paralisia do sono tem sido mais frequente em pessoas com maus hábitos de sono e, por isso, para evitar que os episódios aconteçam, é recomendado melhorar a qualidade do sono, através de estratégias como:

  • Dormir entre 6 a 8 horas por noite;
  • Ir para a cama sempre na mesma hora;
  • Acordar todos os dias na mesma hora;
  • Evitar bebidas energéticas antes de dormir, como café ou refrigerantes.

Na maior parte dos casos, a paralisia do sono surge apenas uma ou duas vezes durante toda a vida. Mas, quando ela acontece mais de uma vez por mês, por exemplo, é aconselhado consultar um neurologista ou um médico especialista em distúrbios do sono. O tratamento pode incluir o uso de remédios antidepressivos.

Os sintomas da paralisia do sono, que podem ajudar a identificar este problema são:

  • Não conseguir mover o corpo apesar de estar acordado;
  • Sensação de falta de ar;
  • Sensação de angústia e medo;
  • Sensação de estar caindo ou flutuando sobre o corpo;
  • Alucinações auditivas como ouvir vozes e sons não característicos do local;
  • Sensação de afogamento.

Embora possam surgir sintomas preocupantes, como falta de ar ou sensação de estar flutuando, a paralisia do sono não é perigosa, nem coloca a vida em risco. Durante os episódios, os músculos da respiração e todos os órgãos vitais continuam funcionando normalmente.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

VERDES MARES

Apresentador do Globo Esporte que pediu demissão ao vivo se justifica

Kaio Cézar postou texto no Facebook
Fabricio Oliveira

Publicado

em

© Reprodução/Verdes Mares

Depois de pedir demissão ao vivo, neste sábado (16), o jornalista Kaio Cézar, apresentador do Globo Esporte da TV Verdes Mares, afiliada da emissora no Ceará, postou um texto no Facebook em que justifica a sua atitude. Assista aqui.

Entre inúmeros motivos citados, ele destaca a postura do diretor de Programação e Jornalismo do grupo, Paulo César Norões. “Arrogante, ele nunca soube lidar com quem pensa diferente, principalmente os que julga inferiores. E eu, por ter raízes, convicções – políticas e esportivas – e personalidade extremamente opostas nunca fui respeitosamente aceito por ele”, afirmou.

Cézar faz ainda outras acusações, como a de ser forçado a fazer uma escala diferente de trabalho, fora dos domingos, para ser impedido de narrar as partidas de futebol que aconteciam nos fins de semana. Acusa ainda Norões de ter usado palavras de baixo calão contra sua família.

“Certa vez PC Norões se dirigiu a mim e proferiu ofensas à minha família que não as repito aqui porque tenho dois filhos, entre eles uma enteada, e poderia expor pessoas que não tem nada a ver com a história.”

Sindicato

O Sindicato dos Jornalistas do Ceará emitiu nota em apoio a Kaio. Para a entidade, o episódio “é um dos capítulos mais cruéis da crise gerada pelo processo de integração das redações dos veículos pertencentes ao sistema Verdes Mares”, a quem acusa de ter colocado nas ruas mais de 30 jornalistas e radialistas nos últimos meses, gerando “uma série de irregularidades trabalhistas, como jornada de trabalho extenuante, acúmulo de tarefas, desvio de funções e assédios”.

A outra parte

Nem a Verdes Mares nem Norões se posicionaram sobre as novas declarações do ex-apresentador. Ontem à noite, em seu perfil no Twitter, a afiliada divulgou uma nota.

“O Sistema Verdes Mares foi surpreendido, na tarde deste sábado (16), com o pedido de demissão do jornalista Kaio Cézar, ao fim da apresentação do Globo Esporte, na TV Verdes Mares. Diante da repercussão do fato, o Sistema Verdes Mares afirma que desconhece os motivos da decisão do apresentador e que vai tratar o assunto internamente, pelos canais adequados, como é prática na empresa. Reitera que rege toda a atividade, desde a sua fundação, há quase 50 anos, pela correção ética, por valores morais e pelo diálogo”, diz o texto.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

MAIS LIDAS - 24 HRS