Connect with us
Banner Samar Eco

Saúde

Tamanho exagerado de porções em restaurantes contribui para obesidade

Publicado

em

O tamanho das porções de comida servidas em restaurantes populares contribui para o aumento da obesidade. A conclusão é de um estudo que pesou e mediu o valor calórico de uma refeição completa, em cinco países: Brasil, China, Finlândia, Gana e Índia. Excetuando a refeição chinesa, o volume calórico por prato feito (PF), como se diz no Brasil, chega a ser, em média, 33% maior do que a de um lanche de fast food (comida rápida).

O consumo das porções servidas em restaurante populares fornece entre 70% e 120% das necessidades calóricas diárias para uma mulher sedentária, cerca de 2 mil quilocalorias (kcal).

“Os profissionais da área da saúde que lidam com pessoas obesas estão muito preocupados em orientar a população para não comer fast food, mas, na hora que vai ver a refeição completa, ela também está exagerada”, afirma a pesquisadora brasileira Vivian Suen, do Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (USP).

O trabalho, coordenado pela Tufts University e com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), foi publicado no British Medical Journal.

Na média, os fast foods ofereciam refeições com 809 calorias, enquanto as servidas à la carte (que constam do cardápio), 1.317 kcal. A pesquisadora alerta que o resultado não indica que o fast food é uma refeição mais saudável, pois não foi analisado cada nutriente, mas chama a atenção para o PF, que poderia ser uma refeição equilibrada e que, na verdade, está contribuindo para o ganho de peso.

Além da quantidade de comida oferecida pelos restaurantes em uma única refeição, também foram percebidos preparos que fazem aumentar o ganho calórico. Vivian cita como exemplo o arroz, que comumente está brilhante, indicando cozimento com excesso de óleo.

“O estudo não focou na qualidade, mas podemos dizer que tanto no aspecto quantitativo quanto no qualitativo, essa alimentação não é saudável. Precisa prestar atenção nesse prato feito, que é uma refeição completa, mas que não está sendo saudável”, alertou. Os dados mostram que 94% os pratos à la carte e 72% dos servidos em fast foods continham mais de 600 kcal, mais que o consumo energético por refeição recomendado pelo Sistema de Saúde Pública da Inglaterra (NHS).

O estudo mediu as calorias de 223 amostras de pratos populares e de 111 refeições escolhidas aleatoriamente à la carte e de fast foods de restaurantes de Ribeirão Perto (Brasil), Pequim (China), Kuopio (Finlândia), Acra (Gana) e Bangalore (Índia). Eram considerados restaurantes que ficam a um raio 25 qiuilômetros de cada centros de pesquisa.

Conforme as medições, o tradicional PF brasileiro, com arroz, feijão, frango, mandioca, salada e pão, tem 841 gramas e 1.656 kcal. O clássico ganês fufu, com carne de bode e sopa, tem 1.105 gramas e 1.151 kcal. O típico prato indiano biryani de carneiro tem 1.012 gramas e 1.463 kcal.

Organismo resiste

A obesidade é considerada uma epidemia global pela OMS. Estima-se que 1,9 bilhão de adultos tenham sobrepeso, dos quais 600 milhões estão obesos. “Diabetes, colesterol aumentado, aumento do triglicerídeos, pressão alta, tudo isso que a gente sabe que acompanha a obesidade quando ela se torna uma doença crônica”, destaca Vivian.

A pesquisadora explica que as porções exageradas têm efeito no chamado mecanismo compensatório. “São pessoas que não conseguem compensar numa refeição seguinte o que ela comeu antes. O organismo do obeso desenvolve defesas contra perda de peso.”  Segundo Vivian, a pessoa obesa perderia a percepção para regular a quantidade de comida necessária para a refeição subsequente.

Outro problema é que o organismo de pessoas obesas cria resistência à perda de peso. De acordo com a pesquisadora, que há casos descritos na literatura médica em que, à medida que se reduz a ingestão calórica, a pessoa em tratamento começa a gastar menos calorias. “Parece que o organismo, a partir de certo peso, tenta manter o peso que tinha antes. Ninguém sabe explicar ainda como é que isso realmente funciona.”

Vivian diz que o melhor é prevenir o ganho de peso. “Se você vai a um desses restaurantes em que a porção é excessiva, divida. Não coma tudo.

E tente, dentro daquilo que existe disponível, escolher as opções mais saudáveis. Depois que a pessoa ganha peso é muito difícil perder”, recomenda a pesquisadora, que aconselha ainda mudanças no ato de comer, como mastigar devagar e dar mordidas menores na comida.

Deixe sua opinião

Agência Brasil

REGRAS

YouTube aprova medidas contra desafios virais perigosos

Desafios como o Bird Box e o Tide Pod Challenge devem servir de exemplo do que não se deve fazer no futuro

Publicado

em

© Dado Ruvic/Reuters

O YouTube atualizou a política de utilização da sua plataforma com novas diretrizes para os criadores de conteúdos. Entre as alterações está a proibição de qualquer desafio considerado perigoso como é o caso do recente desafio Bird Box e do Tide Pod Challenge, ambos do ano passado.

“O YouTube é casa de muitas brincadeiras e desafios virais, mas temos de assegurar que o que é que é engraçado não passa a linha de se tornar perigoso. Tornamos claro nas nossas políticas que proibimos conteúdo perigoso, que também se estende a brincadeiras com potencial perigo de lesões físicas graves. Não permitimos pegadinhas que fazem as vítimas sentirem que estão em sério perigo físico – por exemplo, uma brincadeira de invasão de casa ou uma de um tiroteio”, pode ler-se nas novas políticas da plataforma da Google.

Além desta alteração, o YouTube também reforçou a vigilância no que diz respeito a links que enviem os internautas para sites externos, proibindo os que redirecionem pessoas para sites com conteúdo violento, pornográfico ou com discurso de ódio.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

LOTERIA

Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 27 milhões nesta quinta

Apostas podem ser feitas até as 19h, em lotéricas ou pela internet.

Publicado

em

O concurso 2.116 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 27 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) desta quinta (17) em Piratuba (SC).

Excepcionalmente, acontecem três concursos nesta semana, como parte da “Mega Semana de Verão”: além do sorteio na última terça (15), haverá um na quinta (17) e no sábado (19). Normalmente, os sorteios ocorrem às quartas e sábados.

Para apostar na Mega-Sena
As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Probabilidades
A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

Região

Clubes aquáticos e de pesca são opções para curtir as férias

Publicado

em

Em Birigui (SP), empreendimento supera a expectativa inicial e chama a atenção de quem busca lazer e diversão nesses dias de intenso calor; nessa quarta-feira, o lago de pesca do parque recebeu 3 mil quilos de peixes

Dezembro e janeiro são sinônimos de férias, festas e muito calor. Por isso, uma das melhores e mais procuradas opções do público nesta época do ano, para curtir os dias de folga são os parques aquáticos, como o empreendimento recém-inaugurado entre Birigui e Coroados (SP), à margem da rodovia Marechal Rondon (Km 513).

De acordo com o gerente de vendas Cláudio Ademar, a procura tem sido intensa, com grande movimentação de público nesses três primeiros meses após a inauguração. Sem falar em números, por estratégica comercial, ele afirma que a expectativa inicial foi superada.

“Como são poucas as opções regionais de lazer estruturadas, principalmente em locais abertos, que proporcionam contato com a natureza, a aceitação está sendo surpreendente”.

A área do parque aquático tem 5 mil metros quadrados, com três piscinas (adulta, infantil e baby), abastecidas com água mineral natural, toboáguas e cascatas. A infraestrutura inclui também lanchonete, banheiros, vestiários, quiosques com churrasqueiras e amplo estacionamento.

Peixes e obras

Nessa quarta-feira (16), o lago do empreendimento recebeu 3 mil quilos de quatro espécies de peixes: pacu, curimba, tilápia e tucunaré. A soltura foi acompanhada por associados, que ficaram deslumbrados com a quantidade de peixe trazidos de Cajobi para Birigui. “Os associados estavam ansiosos para pescar, e agora, poderão realizar essa atividade com o conforto e a estrutura que o clube oferece”, garante Ademar.

No clube, o associado pode praticar a pesca esportiva, assim como pescar e levar dois quilos de peixe gratuitamente, a cada dia de permanência no complexo. Quem passa pelo local logo percebe que tem muita coisa por vir, pois atualmente estão sendo construídas novas portarias e a secretaria. Além disso, a direção da empresa planeja para 2020 a conclusão de uma piscina de ondas, rio lento, super toboáguas, ofurôs, e 30 chalés mobiliados.

“O fato é que o setor tem muito potencial para ser explorado na região e no Brasil. A perspectiva de crescimento para os próximos 10 anos é muito boa”, analisa Ademar. De acordo com o Sistema Integrado de Parques e Atrações Turísticas (Sindepat), na alta temporada, que vai até fevereiro, a expectativa de aumento de renda e público é de cerca de 10%. Em 2017, os 18 parques do sistema movimentaram R$ 1,7 bilhão.

O Empreendimento

Inaugurado em outubro do ano passado, o Clube de Pesca Massaguaçú Water Park é a mais nova opção de destino do Noroeste Paulista para quem quer curtir um dia especial com os amigos e com a família. Localizado às margens da Rodovia Marechal Rondon, no km 513, entre Birigui e Coroados, em uma área de 7 alqueires, o local oferece uma extensa área de camping e tanques para pesca com várias espécies de peixes, piscinas de diversos estilos, com tobogãs, playground, quadras de tênis, futebol e vôlei de areia, além de quiosques com churrasqueiras.

Os sócios do parque também possuem outras vantagens, como acesso as instalações da unidade Massaguaçú de Cajobi, e desconto de 50% em chalés na praia de Caraguatatuba, litoral Norte de São Paulo, e em ranchos de Porto Morrinho, no pantanal mato-grossense.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

tratamento

Beto Barbosa vai retirar bexiga e próstata em cirurgia de 10h

Publicado

em

Após anunciar o sucesso de seu tratamento contra um câncer na bexiga e na próstata, o cantor Beto Barbosa, 63, vai passar por uma nova cirurgia nesta quinta-feira (17), no hospital Beneficência Portuguesa em São Paulo.

A cirurgia é necessária e complementar ao tratamento contra o câncer, que o cantor vem se submetendo desde o ano passado, segundo informou a coluna de Ricardo Feltrin, do UOL. Ele vai retirar a bexiga, a próstata e, talvez, parte da uretra. A cirurgia pode demorar mais de dez horas.

Ao longo de cinco meses, o cantor passou por internações e sessões de quimioterapia. Em dezembro, ele anunciou a sua volta aos palcos com um show em Fortaleza. “Hoje posso dizer que o susto passou e que estou com 99% de cura. Agradeço a Deus as orações dos fãs, imprensa, amigos e a equipe do Dr. Fernando Maluf”, afirmou em vídeo divulgado na época.

Beto Barbosa, considerado o rei da lambada nos anos 1980 e 1990, é autor de “Adocica”, disse que começou a sentir os sintomas no fim de 2017 e procurou, imediatamente, ajuda médica em Fortaleza, onde mora.

Antes de descobrir o câncer, um outro médico errou o diagnóstico e o tratava como uma simples infecção urinária. Sem sucesso no tratamento, decidiu vir a São Paulo, onde passou pro exames no hospital Albert Einstein e foi diagnosticado com os tumores.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

MAIS LIDAS - 24 HRS