Connect with us

ENTREVISTA

Ricciardo nega pedida salarial alta e diz que alguém o vetou na Ferrari

Ele disputará a temporada 2019 da Fórmula 1 pela Renault
Fabricio Oliveira

Publicado

em

© POOL New / Reuters


Daniel Ricciardo deixou a Red Bull no final de 2018 e disputará a temporada 2019 da Fórmula 1 pela Renault. Mas o destino seria bem diferente, segundo o próprio australiano, se seu nome não tivesse sido vetado na Ferrari.

Em entrevista publicada na última sexta-feira (30) pelo site italiano AutoMoto, Ricciardo foi questionado a respeito de uma suposta pedida salarial elevada que teria esfriado os rumores de sua transferência para a equipe italiana, na qual seria o substituto de Kimi Raikkonen. O agora ex-piloto da Red Bull não apenas negou a possibilidade, como ainda deu sua própria versão.

“Não sei do que você está falando. Quem disse que eu pedi muito dinheiro está mentindo. Evidentemente, alguém disse não à minha chegada. Quem? Eu gostaria de saber, mas talvez eu tenha uma ideia”, disse, sem indicar quem seria o responsável pelo veto.

Sem Ricciardo, a Ferrari fechou com o monegasco Charles Leclerc, formado pelo próprio programa de revelação de talentos da equipe e piloto da Sauber em 2018. Sem a vaga, Ricciardo admitiu esperar por outra chance no futuro.

“Talvez seja melhor perguntar isso (o porquê do fim da negociação) a eles. Eu falei e discuti, mas você vê que eles já tinham um acordo com Leclerc, então o meu caiu”, disse. “No que me diz respeito, espero ainda ter algum tempo na Fórmula 1. Quem sabe no futuro não tenha oportunidades de nos encontrarmos novamente?”, acrescentou. Com informações da Folhapress.

Deixe sua opinião

Fonte: NOTÍCIAS AO MINUTO
Anunciante

Após incêndio

Flamengo se recusa a fazer acordo para indenizar famílias de vítimas

Alex Mesmer

Publicado

em

A Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro e o Ministério Público Estadual informaram que o Flamengo se recusou, nesta terça-feira (19), a fechar o acordo de reparação às vítimas do incêndio no alojamento do Centro de Treinamento (CT) do clube, o Ninho do Urubu, em Vargem Grande, na zona oeste, no qual dez atletas morreram e três ficaram feridos.

O acordo estava sendo negociado entre o clube, as duas instituições e o o Ministério Público do Trabalho.

Em nota, a Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro, o Ministério Público Estadual e o Ministério Público do Trabalho informam que o caso vai ser definido na Justiça. Com a tentativa de acordo encerrada, as instituições buscarão a reparação judicial. Hoje (20), os parentes dos jogadores serão atendidos pela Defensoria Pública para que sejam orientados sobre as medidas possíveis.

Segundo as instituições, a “recusa do acordo” foi informada por meio de ligação telefônica às 19h desta terça-feira. Conforme a nota divulgada à imprensa, não houve consenso nas negociações para fechar os valores das indenizações e eventuais pensões.

“Os valores apresentados pelo clube estão aquém daquilo que as instituições entendem como minimamente razoável diante da enorme perda das famílias e demais envolvidos”, indicou o comunicado.

Confiança

No fim da tarde, a coordenadora cível da Defensoria Pública, Cíntia Guedes, disse durante uma entrevista coletiva que quase 90% do acordo estavam acertados e que tinha confiança em uma resposta positiva do Flamengo ainda hoje.

A defensora destacou que apenas dois pontos estavam em aberto e se referiam a valores de indenizações e de pensões às famílias dos atletas atingidos. “A bola agora está com o Flamengo”, chegou a dizer a defensora ao fim da coletiva.

Segundo a Defensoria Pública, anteriormente, o Flamengo havia se comprometido em prestar assistência médica aos jovens que necessitarem de tratamento, assim como apoio psicológico às famílias dos atletas que morreram.

O clube também havia se responsabilizado a manter por um período mínimo de dois anos, os contratos de formação dos atletas que sobreviveram, além dos contratos dos empregados que de certa forma se envolveram no incêndio.

O Flamengo não se manifestou sobre o fim das negociações.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

ANDRADINA

Futsal de Férias 2019 entra na última semana da primeira fase

Fabio Shiz

Publicado

em

A Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude de Andradina informa que esta é a última semana da primeira fase do Futsal de Férias edição 2019.

As partidas acontecem de segunda a sexta, a partir das 19h15 e reúne centenas de torcedores no Ginásio do Andradina Tênis Clube.

O torcedor também pode acompanhar os resultados e partidas do dia no Facebook oficial do município – www.facebook.com/governodeandradina/.

Na chave A estão Porto João Som, Chape Moto Taxi Castanheira, Juventude Futebol Clube, E.C Timboré, Funsep/Chicago Bulss e Carvalho Gas/R7.Na chave B, Santo Antonio, Inter Sport Clube, Força Leão, União Liverpool, Auto Escola Piloto Rubmar e Zooi Tabacaria.

Na chave C estão as equipes Grub/ATC, Madri Futebol Clube, Villa Real, Besiktas, Planalto Futebol Clube e Rodoviaria Futebol Clube. Já na chave D disputam Pumas/ Elite Conveniência, Garoto da Vila, Boca Junior, Magnatas e Gasparelli.

O secretário de Esporte, Manoel Messias de Almeida, convida toda a população para as rodadas decisivas. “Estamos com um grande público, e esperamos a torcida para continuar a abrilhantar o campeonato e incentivar nossos atletas”.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

Paulistão

Santos derrota Guarani e dispara na liderança do Grupo A

Alex Mesmer

Publicado

em

Foto: Ivan Storti/ Santos FC

O Santos segue disparado como a melhor equipe do Paulistão 2019. O time praiano se isolou na liderança do Grupo A ao derrotar o Guarani por 3 a 0, em partida realizada na noite desta segunda-feira, no encerramento da sétima rodada. Os gols foram marcados por Jean Mota, duas vezes, e Rodrygo.

Com o resultado, o Santos foi para 18 pontos, contra 14 do Red Bull e nove da Ponte Preta, no Grupo A. O Guarani continua em terceiro do Grupo B, com dez. O Palmeiras, em primeiro, tem 14, seguido pelo Novorizontino, com 12.

Com mais de 60% de posse de bola, o Santos foi envolvendo o Guarani e criando chances de gol. Aos 27 minutos, Gustavo Henrique recebeu dentro da área e cabeceou para defesa de Giovanni. A resposta veio com Inácio, que parou nas mãos de Vanderlei.

O Santos continuou pressionando e abriu o marcador aos 37 minutos. Cueva acionou Victor Ferraz pela direita. O lateral tocou para Carlos Sánchez, que chutou. Jean Mota completou no meio do caminho e mandou para o fundo das redes.

O segundo tempo começou mais movimentado e o Guarani foi desperdiçando uma grande oportunidade logo de cara. Aos oito minutos, Fernando Viana disparou, passou por Vanderlei, mas perdeu a passada e acabou saindo com a bola.

O Santos não se intimidou e foi criando uma chance atrás da outra, até que, aos 36 minutos, Jean Mota cobrou falta com perfeição e marcou seu sétimo gol no Campeonato Paulista. O Guarani ainda tentou reagir, mas na melhor oportunidade Vanderlei defendeu tentativa de Álvaro.

O time de Sampaoli, então, começou a administrar o jogo e acertou um contra-ataque para liquidar a fatura. Aos 44 minutos, Jean Mota lançou Derlis, que cruzou na medida para Rodrygo. O atacante, de cabeça, só empurrou.

Na próxima rodada, o Guarani enfrenta o São Caetano no sábado, às 16h30, no Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas. No mesmo dia, às 19h, o Santos visita o Palmeiras, no Allianz Parque, em São Paulo.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

DESTAQUE

Judocas representarão Araçatuba em etapa mundial

Fabio Shiz

Publicado

em

Três atletas representarão Araçatuba em Bremen, na Alemanha,
de 17 e 27 de março, na segunda etapa do programa de estágio com a Seleção
Brasileira de Judô. Eles recebem apoio da Secretaria Municipal de Esporte,
Lazer e Recreação (SMELR).

Os atletas Bernardo Cabrera Rosa, Marcelo Arantes e Lucas da Costa Brito
foram os classificados. Bernardo ficou em 5°lugar na Copa Europeia sub-18
de Fuengirola, na Espanha, ocorrida no último sábado (16). Os outros dois
atletas foram classificados para a competição durante o Meeting de Base,
ocorrido em São Paulo, nos dias 2 e 3 de fevereiro.

Com os resultados, Araçatuba ficou em 5º lugar na classificação geral do
ranking nacional masculino das classes sub 18 e sub 21. Esse programa de
estágio é uma forma de a Confederação Brasileira de Judô (CBJ) descobrir
novos talentos que possam se tornar atletas profissionais e lutar pelo país
em competições oficiais.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

MAIS LIDAS - 24 HRS