Fique Conectado

Várias passagens

Adolescente de 14 anos furta 50 cartelas de SP CAP no Jardim das Oliveiras

Os policiais localizaram as cartelas escondidas na casa do adolescente, sob telhas no quintal do imóvel.

Publicado

em

(Sílvio Romeiro/Regional Press)

Um adolescente de 14 anos foi apreendido na manhã desta quinta-feira (09) após furtar 50 cartelas de jogo da SP CAP, avaliadas em R$ 1.250, na Rua Francisco Félix Ferreira Neto, no bairro Jardim das Oliveiras, em Araçatuba.

A vítima, um homem de 35 anos, relatou ao Regional Press que estava em frente sua residência, em contato com um cliente, quando o menor passou de bicicleta e pegou as 50 cartelas que estavam expostas sobre uma mesa e fugiu.

O homem tentou correr atrás do acusado mas não conseguiu alcançar.

Minutos depois o adolescente retornou e devolveu parte das cartelas, porém ficaram faltando 11 unidades. Questionado a respeito do restante, o acusado fugiu novamente tomando rumo ignorado.

PM localizou as cartelas escondidas na casa do menor. (Thiago Augusto/Regional Press)

A Polícia Militar foi acionada e compareceu no local os policiais Cb Sônego e Sd Aguiar (equipe Delta). Após tomar ciência dos fatos, os militares realizaram diligências nas imediações e conseguiram localizar o adolescente.

Indagado, o mesmo a princípio negou participação no furto. Em buscas em sua residência, os policiais encontraram as cartelas furtadas escondidas em baixo de telhas no quintal do imóvel.

Diante dos fatos, o adolescente foi encaminhado ao plantão policial e autuado em flagrante por ato infracional de furto.

Adolescente com passagens por furto, lesão corporal e roubo a mão armada foi ouvido e liberado. (Sílvio Romeiro/Regional Press)

O menor com apenas 14 anos já possui diversas passagens pela polícia, entre elas, lesão corporal, furto e roubo a mão armada.

O conselho tutelar foi acionado para acompanhar de perto a apresentação do menor.

Ele foi ouvido pela autoridade de plantão e posteriormente liberado.

Deixe sua opinião

Fonte: Regional Press

VIOLÊNCIA

Empresário tem carro fuzilado no Rio, é baleado e consegue fugir; assista

Publicado

em

Houve uma intensa troca de tiros na região - Reprodução / OTT-RJ

Um empresário de 27 anos foi baleado durante uma tentativa de arrastão, na noite desta terça-feira, na Tijuca, na Zona Norte do Rio. Após o ataque dos criminosos, um dos atiradores morreu em confronto com a Polícia Militar. O caso aconteceu por volta das 21h50, no cruzamento da Rua Gonçalves Crespo com a Campos Sales. Uma câmera de segurança da região gravou a ação dos bandidos (assista mais abaixo).

Nas imagens, é possível ver quando pelo menos oito bandidos descem armados de três carros na Gonçalves Crespo, e o veículo da vítima, um Honda Civic branco, fica no meio deles. O empresário tenta deixar o local, quando seu automóvel é alvejado por vários tiros. Durante os disparos, um dos veículos dos criminosos deixa o local rapidamente.

Os outros continuam no local e ficam em volta do Honda, que vai andando lentamente até o cruzamento com a Campos Sales, onde para. Lá, há novos disparos, desta vez também envolvendo policiais militares.

De acordo com a Polícia Militar, homens da UPP Andaraí foram alertados por pedestres sobre a ação dos bandidos. Ao chegarem no local, houve confronto, e um assaltante foi baleado. Daniel Hansmiller Alves da Silva, de 29 anos, chegou a ser socorrido ao Hospital Municipal Souza Aguiar, no Centro, mas acabou morrendo. Os demais criminosos fugiram do local.

Já o motorista do Honda Civic, mesmo ferido, conseguiu sair do local dirigindo por cerca de dois quilômetros até a Rua Pinto de Azevedo, na altura da sede da Prefeitura do Rio, já na Cidade Nova, onde pediu ajuda a policiais. Ele também foi levado ao Souza Aguiar. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, o empresário está em observação, tem quadro de saúde estável e não precisou passar por nenhum procedimento cirúrgico.

A Delegacia de Homicídios (DH-Capital) vai assumir as investigações e tenta investigar os autores do crime. O veículo do empresário estava até por volta e 8h30 na Cidade Nova. A cena do carro metralhado em uma das faixas da pista lateral da Avenida Presidente Vargas atraiu a atenção de curiosos, que tiravam fotos do automóvel.

Estefan Radovicz / Agência O Dia

Deixe sua opinião

Continue Lendo

ação da PM

Dupla é detida pela Rocam com maconha e cocaína, em Araçatuba

Publicado

em

Dois jovens, sendo um deles menor de idade, foram detidos com drogas na noite desta terça (11), em Araçatuba.

A abordagem foi feita por policiais militares da Rocam (Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas) na rua Fundador Paulino Gatto, bairro São José.

A dupla foi surpreendida com 32 pinos de cocaína, 35 porções de maconha, R$ 342 em dinheiro e um celular.

O maior de idade foi autuado em flagrante por tráfico de drogas. O menor foi apreendido por ato infracional de tráfico.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

Investigação

Ex-marido confessa que matou mulher por ciúmes no interior de SP

Publicado

em

O encanador Valdecir Anderson Magrini, de 52 anos, confessou ter assassinado a esposa Maria Helena Cardoso de Moura Magrini, de 48 anos, em Araras (SP) por ciúmes. Eles tinham cinco filhos, sendo que um deles foi diagnosticado com autismo.

Maria foi esfaqueada no dia 21 de novembro, mas seu corpo só foi encontrado em um matagal no dia 2 de dezembro em estado avançado de decomposição. O reconhecimento foi feito por uma filha por meio de um anel que a vítima usava.

Durante as investigações, uma testemunha disse que viu Valdecir e Maria Helena discutindo dentro do carro do suspeito nas proximidades do local onde a mulher foi encontrada.

O ex-marido foi convocado hoje para prestar esclarecimentos como principal suspeito porque a mulher havia registrado um boletim de ocorrência contra ele no início do ano, devido ele não aceitar o fim do relacionamento.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

Massacre na Catedral

Polícia Civil encontra diário do autor de ataque em Campinas

Publicado

em

A Polícia Civil encontrou nesta quarta-feira (12) o diário de Euler Fernando Grandolpho, autor do ataque em Campinas, no interior de São Paulo, que deixou seis mortos e três feridos, de acordo com informações do G1.

Segundo a reportagem, entre as anotações havia trechos em que ele chama de “massacre” no estado do Ceará em janeiro deste ano, citação a “Realengo”, em uma referência à chacina que deixou 11 mortos em uma escola do bairro carioca em 2011, e afirmou ser perseguido.

“Passei com meu cão em frente a uma construção ao lado da casa Q. Os moradores tem (sic) uma veterinária e uma delas gritou com “as paredes”: “E aí Ceará”, sobre o massacre ocorrido dias atrás. Ok. Hj (sic), 31/01/2018 passei por lá e falei alto com o celular desligado na orelha. E aí Realengo”, diz um trecho do diário ao qual o G1 teve acesso.

“No começo cometiam crimes com a maior naturalidade. Agora estão em pânico, espalharam pela cidade o que está prestes a acontecer. Meu deus”, afirma Euler em outra anotação no diário.

A Polícia Civil também apreendeu documentos e um computador na casa de Euler.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

MAIS LIDAS - 24 HRS