CONECTE CONOSCO

ESPETÁCULO

Mais longo eclipse lunar é visto no Brasil e no mundo. Veja fotos

No DF, a estimativa é de que mais de 300 pessoas se reúnam entre os edifícios do STF e do Palácio do Planalto

Publicado em

MATTHIAS HANGST/GETTY IMAGES


O mais longo eclipse lunar do século 21 já foi visto em boa parte do mundo. Foram quase quatro horas de umbra, quando a Terra, Sol e a Lua se alinham, mas o planeta fica entre eles criando uma sombra. Países da África, como o Egito, e na Grécia, como Poseidon, conseguiram ver o fenômeno quase que completamente. Na Europa, o satélite natural ganhou a coloração vermelha durante a noite.

“Quando estiver totalmente imersa na umbra, a Lua não ficará invisível, mas deverá ganhará uma cor de cobre, avermelhada, “de sangue”. Isso ocorre porque, embora a sombra da Terra não deixe que os raios de Sol cheguem diretamente à Lua, ela é atingida por raios que são refratados pela atmosfera terrestre”, diz Paulo Bretones, do Departamento de Metodologia de Ensino da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).

No Brasil, por volta 17h15, a população de João Pessoa e do Recife começava a observar o fenômeno.

Em Brasília
Centenas de pessoas e reúnem, na tarde desta sexta-feira (27/7) para observar o raro fenômeno astronômico do eclipse da”lua de sangue”. Para ver mais de perto a sombra da Terra cobrindo o satélite natural, os brasilienses se organizaram em longas filas pelos telescópios e lunetas espalhados por clubes de astronomia pela Praça dos Três Poderes.

Antes mesmo das 17h, com o sol ainda alto no céu, os curiosos por uma visão privilegiada começaram a chegar à praça. A estimativa é de que mais de 300 pessoas estejam reunidas, entre os edifícios do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Palácio do Planalto para acompanhar o eclipse.
O clima é bastante familiar. Famílias inteiras compareceram ao local, e grande parte do público é formada por crianças, que verão a lua ser apagando no céu pela primeira vez.

Membro do Clube de Astronomia de Brasília, Saulo Nogueira Figueiredo aguardou com ansiedade pelo fenômeno. O grupo montou o maior telescópio do DF, batizado de “Olhão”, para que o público pudesse enxergar a lua pelo menos 300 vezes maior. O equipamento utiliza um conjunto sofisticado de lentes e espelhos e é um dos mais disputados no ponto de observação da Praça dos Três Poderes.

“Hoje reuniu-se as condições perfeitas para o eclipse. O Sol, a Terra e a lua estão alinhados e a lua vai ser coberta pela penumbra da Terra. Ela está assim, vermelha, porque essa é a luz menos filtrada na atmosfera”, explica o astrônomo amador.

Professora de ciências em uma escola particular, Maísa Almeida, 33 anos, trouxe os dois filhos para assistirem a um eclipse pela primeira vez. “Eu acho importante que eles vejam, primeiro porque é bonito; segundo, é uma ótima oportunidade para explicar a eles o que está acontecendo e ver se se interessam um pouco mais pelo assunto”.

Fonte:
  • HECHINGEN, GERMANY - JULY 27: A Blood Moon rises behind The Hohenzollern Castle, the ancestral seat of the Prussian Royal House and of the Hohenzollern Princes, situated at the periphery of the Swabian Alb on July 27, 2018 in Hechingen, Germany. The period of totality during this eclipse, when Earth's shadow is directly across the moon and it is at its reddest, will last 1 hour, 42 minutes and 57 seconds, making it the longest viewable lunar eclipse this century. (Photo by Matthias Hangst/Getty Images)

  • DISTRITO FEDERAL

  • BRISBANE, AUSTRALIA - JULY 28: The Lunar eclipse can be seen July 28, 2018 in Brisbane Australia. During this eclipse, when Earth's shadow is directly across the moon and at its reddest will make it the longest viewable lunar eclipse this century. (Photo by Jono Searle/Getty Images)

  • KONYA, TURKEY - JULY 27: The full moon rises behind the silhouettes of pine trees prior to the totally phase of Century's longest ''Blood Moon'' eclipse in Konya, Turkey on July 27, 2018. (Photo by Abdullah Coskun/Anadolu Agency/Getty Images)

  • VAN, TURKEY - JULY 27: The full moon is seen behind silhouette of a plane during the initial stage of the Century's longest ''Blood Moon'' eclipse in Van, Turkey on July 27, 2018. (Photo by Ali Ihsan Ozturk/Anadolu Agency/Getty Images)

Anunciante

Mistério

Mágico desaparece ao tentar recriar famoso truque de Houdini

Publicado em

Um mágico indiano chamado Chanchal Lahiri, conhecido como Mandrake, está desaparecido após tentar recriar um famoso truque de Harry Houdini. Lahiri foi amarrado e colocado sob as águas do rio Hoogly, no estado de West Bengal, mas não foi encontrado novamente. As informações são da BBC.

De acordo com o show, Lahiri deveria escapar dos seis cadeados que o prendiam e nadar em segurança para a superfície, como fez o famoso mágico Harry Houdini, mas seus planos falharam. Espectadores em dois barcos acompanhavam a apresentação.

Após o desaparecimento, policiais e mergulhadores procuraram na área, mas não encontraram o artista. Ele, no entanto, não será declarado morto até o corpo ser encontrado, segundo uma autoridade local.

Jayanta Shaw, um fotógrafo local, disse que conversou com o mágico antes do ato. “Eu perguntei por que ele arrisca a vida por mágica. Ele riu e declarou: ‘se eu fizer direito, é magia, mas se eu errar, vira tragédia’”, afirmou Shaw.

Vinte anos atrás, segundo a BBC, Lahiri tentou o mesmo truque e conseguiu escapar com vida. “Eu nunca pensei que ele fosse sair da água com vida dessa vez”, afirmou o fotógrafo.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

Redes Sociais

Atriz Bella Thorne divulga suas próprias nudes após ameaças de hacker

Publicado em

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A atriz Bella Thorne, 21, optou por publicar fotos suas nuas após ter sido chantageada por um hacker nas redes sociais.

Um internauta que teria conseguido acesso às fotos íntimas da atriz ameaçava publicá-las nas redes, e Thorne resolveu reverter a situação.

“Ontem, como vocês sabem, todas as minhas coisas foram hackeadas”, escreveu em uma publicação de seu Twitter. “Pelas últimas 24 horas, eu fui ameaçada com minhas próprias nudes. Eu me senti flagrada, assistida, eu senti que alguém tinha tirado algo de mim que eu só queria que uma única pessoa visse […] Nas últimas 24 horas eu fiquei chorando ao invés de celebrar meu novo livro”.

A atriz acaba de publicar a obra “The Life of a Wannabe Mogul: A Mental Disarray” (“A Vida de um Magnata Aspirante: Uma Desordem Mental”, em tradução livre).

“Aqui estão as fotos com as quais ele me ameaçou, em outras palavras, aqui estão meus peitos”, escreveu a atriz, mostrando duas imagens nas quais é possível ver a parte de cima de seu corpo nu.

“Por muito tempo, eu deixei um homem tomar vantagem de mim e estou cansada disso, estou postando isso porque é minha decisão e agora você não pode tirar nada mais de mim”, escreveu.

A atriz disse ainda que, agora, poderia dormir melhor porque sabia que tinha tomado o seu poder de volta. “Você não pode controlar a minha vida e nunca poderá”. Ela ainda alertou o hacker dizendo que o FBI estaria na porta da casa dele em breve.

No entanto, informou que o criminoso teria fotos de outras celebridades.”Ele me mandou várias nudes de outras celebridades, ele não irá parar comigo”, alertou.

Confira:

Ver imagem no TwitterVer imagem no TwitterVer imagem no Twitter

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

TENSÃO

Ações dos EUA ameaçam estabilidade do Oriente Médio, diz Irã

O presidente persa, Hassan Rouhani, reuniu-se nesta sexta-feira (14) com líderes da Rússia, China e Índia no Quirguistão. Os americanos atribuem ao Irã a responsabilidade por danos em navios petroleiros no Golfo de Omã.

Publicado em

O presidente do Irã, Hassan Rouhani, afirmou nesta sexta-feira (14) que as ações dos Estados Unidos ameaçam a estabilidade do Oriente Médio. A declaração foi feita durante um encontro em Bishkek, capital do Quirguistão, com líderes da Índia, China e Rússia — incluindo o presidente russo, Vladimir Putin.

Os americanos acusam o Irã de ser responsável pelos danos causados a dois navios petroleiros no Golfo de Omã nesta quinta-feira (13).

O país persa nega qualquer conexão com o ocorrido. Nesta sexta-feira (14), o ministro de Relações Exteriores do Irã, Javad Zarif, acusou os Estados Unidos de “sabotarem a diplomacia” e encobrirem o “terrorismo econômico” contra o país.

Rouhani não mencionou os incidentes com os navios, mas concentrou suas críticas no fato de o presidente americano, Donald Trump, ter saído do acordo nuclear feito entre as potências mundiais com o Irã em 2015.

Ele disse que o Irã continuou a honrar o acordo. “O Irã pede aos demais participantes do acordo nuclear que cumpram imediatamente seus compromissos”, disse Rouhani durante a reunião na capital quirguiz.

Navios danificados

Um dos navios petroleiros que foram supostamente atacados nesta quinta-feira (13) no golfo do Omã. — Foto: Isna/Handout via Reuters

Na quinta-feira (13), duas companhias marítimas, uma japonesa e uma norueguesa, relataram incidentes com dois navios petroleiros que foram danificados no Golfo de Omã. Os 44 tripulantes das duas embarcações foram resgatados.

O secretário de Estado americano, Mike Pompeo, sem apresentar evidências concretas, acusou o Irã de ser “responsável” pelo ocorrido.

“A avaliação dos Estados Unidos é que a República Islâmica do Irã é responsável pelos ataques”, disse Pompeo a jornalistas.
Algumas horas depois do incidente, o Pentágono divulgou um vídeo que mostra, supostamente, a Guarda Revolucionária do Irã aproximando-se de um dos navios e retirando uma mina que não teria explodido.

Ainda não há confirmação sobre as causas do ocorrido.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
86