Fique Conectado

MEIO AMBIENTE

Com conceito inovador e sustentável, condomínio reduzirá em aproximadamente 9% o déficit arbóreo de Araçatuba

Publicado

em

Na contramão da realidade de Araçatuba, que vive atualmente um déficit de cerca de 38 mil árvores, o empreendedor Jamil Buchalla lançou em dezembro de 2017 um loteamento com um projeto florestal ambiental ousado e único no Estado de São Paulo. Trata-se do Residencial Vila Madalena, localizado na via Olegário Ferraz, na região norte da cidade de Araçatuba.

O empreendimento é um sucesso, com mais de 80% dos lotes vendidos e é um dos destaques da 59ª Exposição Agropecuária de Araçatuba, popularmente conhecida como Expô Araçatuba. No estande, os visitantes podem conferir a maquete que apresenta todos os detalhes do empreendimento e ao se cadastrarem podem concorrer a um IPhone 8.

Conheça o projeto

Segundo a consultoria responsável pelo projeto de distribuição e implantação da arborização e do reflorestamento no condomínio, o conceito é inovador, vinculado às necessidades, demandas, lazer e deleite da população. Um dos grandes destaques é a questão da arquitetura florestal, que pode ser exemplificado como, dentre alamedas floridas, matas e bosques nativos que climatizam o ambiente e são visitados por pássaros, além de tudo contribuem com a ecologia regional, juntos com pomares urbanos, que são árvores frutíferas e não necessitam dos mesmos cuidados que um pomar produtivo, mais adaptado à região e ao clima, permitirá aos moradores o prazer de apreciar frutas.

Para isso, está previsto o plantio de espécies nativas como o araçá-roxo, pitangueiras, e também amoreiras, goiabeiras, mangueiras, jabuticabeiras, cajá-manga, caju e acerola.

SEMPRE FLORIDO

Outra característica do projeto é o efeito paisagístico diferenciado, explica o empreendedor responsável Jamil Buchalla. “Serão organizadas alamedas específicas, com determinadas espécies florestais e que trarão um efeito único na época de florada. Será possível encontrar espécies florestais de cerrado e mata atlântica, algumas delas com grande apelo de beleza. Numa determinada época florescerá uma espécie do cerrado, em outra, a de mata atlântica, etc. Dessa maneira, o ano inteiro terá uma árvore florida, proporcionando um aspecto paisagístico contínuo”, detalha Buchalla.

Também haverá um maciço florestal, onde os moradores terão uma verdadeira mata, que atrairá várias espécies de aves, mas com a segurança de não se deparar com uma onça, por exemplo, uma vez que os limites da área do condomínio serão cercados. Nessa mata terá trilhas para caminhadas e algumas das espécies de árvores que serão apreciadas durante o passeio, tais como: cedros, seringueiras, catiguás, guarirobas, aldragos, angicos-vermelhos, jacarandás-do-campo, oitis, jerivás, capixingui e diversas espécies de ipês. A expectativa de plantio é de quase 3.426 árvores, de aproximadamente 80 espécies diferentes.

VIVER MELHOR

Com 44% dos lotes agrupados em vilas, proporcionará baixa circulação de veículos e ruas tranquilas. Também terá áreas verdes com praças temáticas espalhadas por todo o condomínio, oferecendo o contato constante com a natureza. Buchalla também detalha que os benefícios ultrapassam a estética do residencial. “Quando a pessoa entrar no Vila Madalena, ela já perceberá que existe um diferencial, que os moradores têm o privilégio de abrir a porta da casa e se depararem com uma área verde. Depois vem um ambiente favorável ao lazer das crianças, com árvores frutíferas e espaços para fazer piquenique. Há um apelo ao esporte para todas as idades, onde as trilhas que atravessarão toda a mata e ligarão aos trechos de acesso de outras áreas, estimulam à caminhadas leves e plenas, em ambientes florestais”, explica o empreendedor.

O verde em abundância trará benefícios que ultrapassam a estética e trazem alívio ao araçatubense que deseja viver com mais qualidade de vida com menos calor e melhor ambiente. “Vários estudos comprovam que regiões próximas de maciços florestais usufruem de um efeito de ‘ar-condicionado natural’, pois as árvores formam um sistema de melhoria na temperatura. Então, as pessoas poderão ter até 10ºC a menos que regiões vizinhas; a tendência é a diminuição no uso de ar-condicionado e ventiladores dos moradores. Os benefícios ambientais para a cidade são imensuráveis, já que vivemos um déficit arbóreo urbano de quase 50%”, salienta.

Deixe sua opinião

Interior de SP

Alunos de Fatec criam sistema para alerta de incêndios florestais

Publicado

em

Cinco alunos da Faculdade de Tecnologia do Estado (Fatec) Bragança Paulista, no interior paulista, desenvolveram um novo método para alertar princípios de incêndios e mapear situações de risco com base em dados da Nasa.

A proposta é evitar queimadas como as que costumam atingir o cerrado brasileiro, visando reduzir o tempo de alerta sobre incêndios, de horas para apenas alguns minutos. Tamanha sua importância, o projeto Space Hero ficou em segundo lugar no Space Apps Challenger, considerado o maior hackathon do mundo, realizado entre os dias 19 e 21 de outubro na Fatec Osasco.

A equipe formada por Alexandre Barbosa, Eric Mizuta, Luiz Guilherme Priolli, Marcos Ewbank e Otavio Glycerio, estudantes do curso superior tecnológico de Gestão da Tecnologia da Informação, criou um web app, tipo de site que usa tecnologias de browsers para rodar de forma parecida com um aplicativo, que pode ser acessado via portal e celular.

Para isso, o grupo decidiu utilizar o crowdsourcing, ou seja, fazer com que os próprios usuários criem os alertas em troca de créditos, brindes ou doações. O sistema faz uma validação em duas etapas, o que garante que apenas avisos reais sejam emitidos. Ao receber a notificação, quem estiver em área de risco recebe informações para evacuação, desvio ou ação de socorro.

web app permite que o usuário acesse duas opções: reportar um princípio de incêndio e verificar situações de risco. Além disso, o projeto disponibiliza um histórico de incêndios na região e o impacto causado ao meio ambiente pelas queimadas.

“Não queríamos fazer apenas um produto, mas algo que realmente pudesse mudar o mundo e ajudar pessoas”, afirma Luiz Guilherme. “Dependendo da área afetada e das condições meteorológicas no momento do alerta, é possível poupar mata nativa, patrimônio e, principalmente, milhares de vidas.”

Desastres ambientais

A mesma ferramenta poderia ser utilizada na prevenção dos incêndios florestais que atingem anualmente a Califórnia, nos Estados Unidos. Em agosto, queimadas arrasaram cerca de 230 mil hectares de área verde na região.

Space Hero também pode servir de alerta para ajudar a recuperar os estragos provenientes do rompimento da barragem de rejeitos de minério da Samarco, que destruiu cidades de Minas Gerais, como Mariana, e do Espírito Santo em 2015.

Com o resultado no hackathon, o trabalho vai passar por um plano de aceleração em uma empresa especializada no crescimento de startups. Enquanto o projeto passa por uma análise da aceleradora, os estudantes continuam trabalhando no desenvolvimento do sistema, que deve ser lançado em 2019.

Em dezembro, o Space Hero será avaliado por profissionais da Nasa. Se for eleito como o melhor projeto no mundo, os alunos da Fatec Bragança Paulista receberão um convite para visitar o Kennedy Space Center, na Flórida, nos Estados Unidos. A agência espacial americana anunciará os vencedores em janeiro do próximo ano.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

GRATUITO

Hot Planet promove 4º encontro de Carros Antigos neste domingo

Publicado

em

Dezenas de carros antigos estarão em exposição neste domingo, a partir das 9h, nas dependências do Hot Planet Thermas Park, no 4º Encontro de Veículos Antigos de Araçatuba. O acesso ao evento é gratuito, e para usar as piscinas haverá uma promoção no dia.

 

Quem for ao encontro poderá ver preciosidades que são verdadeiras relíquias, como Mustang, Puma, MP Lafer, Gurgel, Kombis e Fuscas de diversos modelos, além de vários carros das décadas de 70 e 80 e até mais antigos.

São amantes de carros antigos de diversos estilos, como os 100% originais, os Hot (que são carros com mecânica preparada para aumento de potência) e os Rat Look, carros com mecânica intacta e visual deteriorado.

No último evento, realizado no ano passado, cerca de 4 mil pessoas passaram pelo local. A entrada é gratuita. Neste dia, para ter acesso às piscinas, a pessoa leva um quilo de alimento e paga apenas R$ 29.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

PERIGO

Guardas municipais apreendem quatro equinos soltos em vicinal

Publicado

em

Guardas municipais apreenderam quatro equinos no início da tarde desta quarta-feira na estrada vicinal Karan Rezek, de acesso ao bairro rural engenheiro Taveira que também dá acesso a condomínios de ranchos. Os animais estavam soltos sobre a pista e colocavam em risco a segurança de quem passava pelo local.

Os guardas foram acionados por populares que estavam preocupados com a presença dos animais e não sabiam quem é o proprietário. Os equinos, sendo um cavalo e três éguas, foram apreendidos administrativamente e levados ao sítio escola, no bairro Taane Andraus. O proprietário não foi identificado.

Quando acontecem acidentes envolvendo animais em rodovias, os proprietários dificilmente são identificados e até mesmo se omitem, para evitar de serem responsabilizados por deixarem os animais escaparem.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

Sesc Birigui

Espetáculos de Dança e Circo e shows musicais movimentam programação do feriado e fim de semana

Publicado

em

Com feriado de Proclamação da República o Sesc Birigui preparou uma programação especial gratuita para todas as idades e gostos. Espetáculos, shows e aulas abertas de dança, música e circo agitam o público.

A banda Vitrola 70 apresenta o show Referências na quintadia 15,  às 11h, na Área de Convivência. O grupo complementa o repertório com músicas eternizadas nas vozes de Tim Maia, Jorge Ben e Ray Charles.

Ainda na quinta, das 16h às 17h, a Área de Convivência recebe Lisie Alves com a Vivência de dança afro. Durante a aula, serão trabalhados movimentos que representam as forças da natureza – terra, água, fogo e ar.

Sexta, dia 16, às 19h, Jovem Palerosi apresenta sua performance no Espaço de Tecnologias e Artes (ETA). O show, que contém produções autorais e remixes de músicas de seus dois álbuns, mistura sonoridades e gêneros eletrônicos com elementos musicais de diversos lugares do mundo. O público poderá vivenciar experiências sensoriais.

O DJ também ministra o Laboratório de trilha sonora em home studio, no ETA. A oficina acontece sábado, dia 17, das 14h30 às 17h30 e domingo, dia 18, das 10h às 13. Para participar, é preciso fazer inscrição pelo Portal Sesc, gratuitamente.

Dois espetáculos serão apresentados nesse fim de semana. Macumba Jam, com a Cia. Treme Terra, é baseado na mitologia dos orixás e ritmos brasileiros que se desenvolveram com a vinda dos povos africanos para o Brasil. Sábado, dia 17, na Área de Convivência. A montagem possui classificação indicativa livre.

O espetáculo de Circo Eranko tem o objetivo de resgatar a essência selvagem da humanidade, que, devido ao convívio em sociedade, se perde do contexto inicial. Domingo, dia 18, às 16h, o público confere essa história no Teatro do Sesc Birigui. Os ingressos podem ser retirados com 1h de antecedência na Central de Atendimento.

Também no domingo, o cantor Brunno Carvalho se apresenta na Área de Convivência com o show Lulu, Raul e Eu. O repertório do show inclui sucessos de Lulu Santos, Raul Seixas e do próprio Bruno. A apresentação acontece às 11h e é livre para todos os públicos.

Confira as atividades do feriado e fim de semana no Sesc Birigui:

aula aberta

Vivência de dança afro

Com Lisie Alves

Na diversidade dos ritmos de ijexá, barra vento e congo serão trabalhados movimentos representando as forças da natureza como: ar, terra, fogo e água. Por meio dos movimentos corporais, da musicalidade em toques instrumentais e da oralidade, temos acesso a reflexões quanto a importância desses elementos na cultura afro-brasileira.

Dia 15/11, quinta, das 16h às 17h

Área de Convivência
Grátis
Livre

show

Vitrola 70

Referências

A Banda Vitrola 70 tem uma trajetória de oito anos na ativa, fazendo shows em clubes de dança e festas no centro da cidade de São Paulo. A turnê vem recheada com sons de grandes ícones da música e que são inspirações para a banda como Ray Charles, Tim Maia e Jorge Ben. O grupo estourou com o lançamento da música ¿Preta Rara’ que, em 2014, ganhou um videoclipe contando com a participação da atriz Lucy Ramos.

Formado por Mateus Machado (voz), Dáda Soul (teclado) e Rodrigo Santos Digão (baixo), o trio Vitrolla 70 lança a turnê “Referências” com singles inéditos. O primeiro single “Entre Nessa Dança” foi lançado em 25 de maio.

Dia 15, quinta, às 11h.

Área de Convivência
Grátis
Livre
show

Dia 16/11, sexta, às 19h

Espaço de Tecnologias e Artes (ETA)

A partir de 16 anos

Grátis 

oficina

Laboratório de trilha sonora em home studio

com Jovem Palerosi

A oficina compartilha processos criativos e ferramentas de produção em home studio utilizadas na composição, gravação e finalização de uma trilha sonora inédita. O conteúdo do curso parte da experiência profissional de Jovem Palerosi em filmes, instalações, videomappins e espetáculos de dança. Desta maneira, busca-se ampliar a formação de músicos, realizadores audiovisuais e demais interessados na relação entre som e imagem, novas tecnologias e experimentações em diferentes linguagens e plataformas artísticas.

Jovem Palerosi é músico, DJ e produtor musical, integrante da banda instrumental Meneio. Graduado em Imagem e Som pela UFSCar, tem experiência em diversos projetos musicais, audiovisuais e oficinas de formação. Coordenou o projeto DJ Residente, criando trilhas colaborativas com diversos artistas para o Museu de Arte Moderna de São Paulo, além de ter realizado trilha sonora para o longa-metragem Delírios de um Cinemaníaco, para diversos curtas metragens, instalações e espetáculos de dança. Colaborou em disco e shows com Craca e Dani Nega, Aeromoças e Tenistas Russas e com o grupo Fator Acochativo. Participou também do Rumos Coletivo Itaú Cultural formando o quarteto “Cadê Dona Maria?” entre 2010/2012. Em 2014 lançou seu primeiro álbum solo intitulado “Mouseen” pelo selo japonês Bump Foot e passou a se apresentar no formato Live P.A. Entre 2015 e 2016 lançou diversos singles e sets ao vivo e em 2017 lançou seu segundo álbum solo chamado “Ziyou” pela Tropical Twista Records, recebendo importantes resenhas pelo álbum e suas apresentações na mídia especializada.

Dia 17/11, sábado, das 14h30 às 17h30

Dia 18/11, domingo, das 10h às 13h

Espaço de Tecnologias e Artes (ETA)

A partir de 14 anos

Grátis – Inscrições pelo Portal Sesc (vagas limitadas).

espetáculo

Macumba Jam

Com Cia Treme Terra

Como disparador, a temática central da Jam será baseada na mitologia dos orixás e nos ritmos brasileiros oriundos da diáspora africana. Dentro desta proposta, o público espontâneo passante é convidado a participar das experimentações.

Dia 17/11, sábado, às 16h30

Área de Convivência

Livre

Grátis

show

Brunno Carvalho

Lulu, Raul e Eu

Brunno Carvalho se destaca por ser compositor, intérprete e Multi-Instrumentista. O show prestigia as obras dos ícones Lulu Santos e Raul Seixas, e também um pouco de seu trabalho autoral.

Dia 18/11, domingo, às 11h

Área de Convivência

Livre

Todas as idades

espetáculo

Eranko

Com Circo de Ébanos

O espetáculo é inspirado pela potência humana enquanto ser animal. O instinto, a visceralidade e a simplicidade do homem contemporâneo ganham qualidade de alta tecnologia humana. A obra resgata a essência da natureza selvagem do homem. ERANKO significa animal no idioma Yoruba.

Dia 18/11, domingo, às 16h

Teatro

Livre
Grátis – Retirada de ingressos com 1h de antecedência. Limitado a 1 (um) ingresso por pessoa.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

MAIS LIDAS - 24 HRS

error: Conteúdo protegido. LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998