Fique Conectado

Gastronomia

Pão na chapa perfeito: 4 dicas incríveis

Para começar bem o dia: confira as nossas dicas para preparar um pão na chapa perfeito!

Publicado 

em

Anunciante

O pão na chapa é um clássico do café da manhã brasileiro. Crocante por fora, macio por dentro e com aquela manteiga derretida deliciosa, ele é a maneira certa de começar bem o dia! Mas, assim como o misto-quente, parece que a gente nunca consegue acertar no preparo em casa e ele nunca fica igual ao da padaria. Por isso, o TudoGostoso vai te mostrar 4 dicas infalíveis para fazer o pão na chapa perfeito ! Confira abaixo!

Dicas para o pão na chapa perfeito

O pão

O primeiro passo para fazer um pão na chapa perfeito é, claro, escolher o tipo de pão . Existem muitos tipos e muitas pessoas gostam de preparar com pão de forma, pão integral e pão tipo baguete. Mas vamos combinar: nada se compara ao pão francês (também conhecido comopão de sal ). Por isso, o ideal é usar o pão francês bem quentinho. Vai preparar o pão na chapa no café da manhã? Dá aquela corrida na padaria rapidinho para ter um pão fresquinho. Além disso, nada de retirar o miolo, viu? Ele faz toda a diferença no pão na chapa!

Parece até bobagem, mas a faca faz toda diferente na hora de cortar um pão. Escolha uma faca mais afiada possível e deixe de lado a faca do chef: para o pão, o melhor é uma faca de serra. Se você usar outro tipo ou uma faca cega, você pode acabar esfarelando a casca ou desmontando seu pão todinho.

Filipe Fornari

 

A manteiga

Assim como o pão, escolher uma manteiga de boa qualidade pode fazer toda a diferença. E use-a em temperatura ambiente: quando gente tenta passar a manteiga gelada no pão, ela não espalha direito e a gente acaba danificando o pão.

Por isso, deixe que ela fique em ponto de pomada. Na hora de passar, escolha as costas de uma colher ou uma espátula bem pequena, que não irá arrancar pedaços do miolo.

O fogo

O pão na chapa das padarias não é feito na sanduicheira elétrica: como o próprio nome diz, ele é feito na chapa. Mas se você não tem uma chapa em casa, não tem problema! Dá para adaptar, sim, na hora de preparar o pão na chapa perfeito. Utilize uma frigideira grossa.

Coloque o pão, sem manteiga, para dourar. Se preferir mais crocante, deixe em fogo médio para alto. Se prefere mais branquinho, deixe em fogo baixo. Assim que ele começar a dourar, adicione manteiga nos dois lados do pão e volte com ele para a frigideira quente, com o fogo desligado. Depois é só aproveitar!

Dica bônus: para fazer um pão na chapa diferente, use temperos frescos como pimenta-do-reino moída na hora, orégano ou manjericão.


Deixe sua opinião

Fonte:
Tudo Gostoso/ Terra
Anunciante

Gastronomia

Aprenda a fazer um risoto milanês

A versão mais aceita da origem do prato é de que foi criado em 1574 por um jovem aprendiz de pintor

risoto milanês tem como sua característica principal a cor amarelada, obtida pela adição de açafrão à receita. A versão mais aceita da origem do prato é de que foi criado em 1574 por um jovem aprendiz de pintor que auxiliava na coloração dos vitrais da magnífica Duomo di Milano (catedral de Milão, em estilo gótico).

Conta a lenda que Valério de Flanders era chamado, debochadamente, de açafrão. Esse apelido surgiu porque Valério era conhecido por adicionar açafrão em praticamente todas as misturas de tintas.

O argumento era que o açafrão gerava uma cor de pigmento mais brilhoso. Pois bem, tanto ele usava a tal planta que, um dia, um de seus colegas comentou que ele acabaria colocando o açafrão até na comida.

Excelente acompanhamento para qualquer tipo de carne, este risoto é um clássico da gastronomia, muito fácil de preparar e simplesmente delicioso. Anote a receita e se delicie!

Filipe Fornari

INGREDIENTES

  • 8 xícaras (chá) de caldo de frango fervente
  • 1 xícara (chá) de vinho branco seco
  • 1 cebola pequena picada
  • 1/2 xícara (chá) de manteiga
  • 1 1/2 xícara (chá) de arroz arbório
  • 1 envelope de estigma de açafrão (filamento ou pistilo)
  • 4 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado

MODO DE PREPARO

  1. Retire do fogo e junte a manteiga restante e o queijo parmesão. Misture, tampe a panela e deixe descansar por cerca de 2 minutos.
  2. Misture o açafrão em 1 xícara do caldo fervente e adicione à panela do arroz.
  3. Em uma panela média, junte metade da manteiga e a cebola e refogue em fogo médio, mexendo sempre, por 2 minutos ou até que a cebola esteja macia.
  4. Adicione o arroz e refogue, mexendo sempre, por aproximadamente 1 minuto. Regue com o vinho, misture e cozinhe até ele se evaporar.
  5. Aos poucos, acrescente o caldo restante, uma xícara por vez, à medida que o arroz for secando. Mexa até os grãos ficarem al dente (macios por fora e resistentes por dentro).
  6. Transfira para uma tigela e sirva imediatamente.


Deixe sua opinião

Continue Lendo

aniversário

Ana Carolina faz festa surpresa para namorada Letícia Lima

Letícia Lima completou 34 anos nesse sábado (16)

A atriz Letícia Lima foi supreendida por uma festa surpresa preparada pela namorada Ana Carolina. A cantora montou até decoração com balões de corações e duas tortas doces.

O Extra destaca que as duas estão juntas há cinco anos, mas assumiram o namoro no início do ano passado.

Letícia publicou um vídeo do momento em que encontrou a surpresa: “Chocolate com morango, rosas e a minha torta de morango. Vou soprar a velinha! Que coisa mais linda. Eu cheguei em casa e tem isso aqui. Eu tô apaixonada”, diz a atriz.

Em outra postagem, Letícia escreveu: “Comemoração de duas moças e um monte de patinhas”.

Filipe Fornari

Deixe sua opinião

Continue Lendo

Loteria

Mega-Sena acumulou novamente e pode pagar R$ 35 milhões na quarta (20)

Aconteceu, na noite deste sábado (16), o sorteio do concurso 2050 da Mega-Sena, na cidade de Pelotas (RS). Nenhum apostador acertou as seis dezenas e o prêmio máximo acumulou para R$ 35 milhões.

Confira os números sorteados: 08 – 31 – 32 – 33 – 38 – 50

De acordo a Caixa Econômica Federal, a Quina contou com 34 apostas ganhadoras, com prêmio no valor de R$ 75.709,93 cada. Outras 3540 pessoas fizeram a Quadra e levarão R$ 1.038,79.

O próximo sorteio da loteria mais desejada pelos brasileiros acontece na quarta-feira (20), a partir das 20h (horário de Brasília).

Filipe Fornari

Deixe sua opinião

Continue Lendo

Online

Redes sociais perdem espaço como fonte de notícia,diz relatório global

Segundo a pesquisa, o índice de pessoas que se informam pelas redes sociais caiu em diversos mercados importantes (Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

Nos últimos anos, as redes sociais se tornaram uma fonte importante de acesso a notícias. Contudo, esta tendência começa a mudar. A conclusão é do Relatório sobre Notícias Digitais do Instituto Reuters, um dos mais conceituados do mundo.

O estudo, divulgado nesta semana, entrevistou milhares de pessoas em 37 países para entender os hábitos de consumo de jornalismo.

Segundo a pesquisa, o índice de pessoas que se informam pelas redes sociais caiu em diversos mercados importantes, como Estados Unidos (6%), Reino Unido e França. “Quase a totalidade disso se deve à diminuição da busca, publicação e compartilhamento de notícias do Facebook”, analisam os autores. Apesar disso, a rede social ainda é a mais utilizada para ler notícias (36%), seguida de Whatsapp (15%), Twitter (11%), FB Messenger (8%) e Instagram (6%).

Na comparação entre países, o Brasil ainda é o local pesquisado em que o Facebook tem maior popularidade como fonte de notícias (66%), seguido por Estados Unidos (45%), Reino Unido (39%) e França (36%).

Filipe Fornari

Por outro lado, aplicativos de troca de mensagens, como Whatsapp, FB Messenger, Telegram e Skype, estão ganhando espaço como palco de troca de notícias. Entre os brasileiros entrevistados para a pesquisa, quase a metade (48%) afirmou usar o Whatsapp para acesso a conteúdo jornalístico.

O país só fica atrás da Malásia, onde o índice foi de 54%. O percentual vem crescendo também em outros países, como Espanha (36%) e Turquia (30%).

Confiança

O estudo também mediu a confiança das pessoas no jornalismo. Do total de entrevistados, 44% manifestaram esse sentimento em relação ao noticiário que consomem. No caso daquelas fontes de informação acessadas mais regularmente, o índice subiu para 51%.

O percentual é menor quando os conteúdos são vistos a partir de mecanismos de busca (34%), como Google, ou recebidos por redes sociais (23%), como Twitter.

No recorte por países, o Brasil aparece como o 3º onde a confiança é maior nos veículos jornalísticos (59%), ficando atrás apenas de Portugal (62%) e Finlândia (62%). No ranking, o Brasil é seguido por Holanda (59%), Canadá (58%), Dinamarca (56%) e Irlanda (54%).


Deixe sua opinião

Continue Lendo

MAIS LIDAS - 24 HRS