Fique Conectado

MUDANÇA

Santa Casa de Araçatuba tem nova diretoria

Após 18 anos o advogado Jaime Monçalvarga deixa o cargo de provedor do maior hospital da região

Publicado 

em

Anunciante

O policial civil aposentado Carlos Joaquim Rodrigues, 76 anos é o novo provedor da Santa Casa de Araçatuba. O nome dele foi referendado pelo Conselho Deliberativo da instituição em reunião realizada no dia 23 deste mês.  Carlinhos, como é popularmente chamado foi vice-provedor no período 2016-2018.  Agora, ele vai substituir o advogado Jaime Monçalvarga que após 18 anos de gestão decidiu não continuar na provedoria do hospital.

O provedor é um dos cargos da Administração Geral, a chamada Mesa Administrativa da Santa Casa de Araçatuba. Os demais diretores que tomam posse hoje são:   João César Bedran de Castro (vice-provedor), Claudionor Aguiar Teixeira (tesoureiro), Carlos Mullon (secretário) e Clemente Cavasana (procurador jurídico). Suplentes: Alexandre Pereira Piffer e Maria Helena de Paula Morais.

Esta diretoria vai estar à frente da gestão do hospital no biênio 2018-2020.

Filipe Fornari

A diretoria Administrativa é responsável pela supervisão da administração da Santa Casa de Araçatuba. Sua área de atuação engloba o gerenciamento total das atividades realizadas na instituição. O trabalho é centrado na captação e equilíbrio das finanças, e, ao mesmo tempo, comprometimento contínuo em relação ao aprimoramento constante da qualidade dos serviços oferecidos aos pacientes do Sistema Único de Saúde, que representam torno de 86% do movimento do hospital.

Carlos Joaquim Rodrigues

Telegrafista da Policia Civil durante 31 anos, Carlos Joaquim Rodrigues também atuou durante vários anos como propagandista de grandes laboratórios farmacêuticos como Eurofarma, Bayer e Fontoura. Seu relacionamento com assuntos relacionados à saúde   foi ampliado há 39 anos, quando foi convidado para integrar o Conselho Irmãos Definidores da Santa Casa de Araçatuba. Em 2016 teve o nome indicado para ocupar a vice provedoria.

Nascido e criado em Araçatuba, o novo provedor explica que “neste ano, diante da decisão do provedor Jaime Monçalvarga de não permanecer mais no cargo para atender uma vontade de sua família e para se dedicar mais aos seus negócios, decidi colocar meu nome à disposição para atuar na gestão do hospital como forma de retribuir tudo o que esta cidade proporcionou à minha vida e aos meus familiares”.

Carlos Joaquim Rodrigues destaca que ao lado de seus diretores vai trabalhar no modelo de Diretoria Colegiada, através da qual “ todos os meses, reuniremos para discutir o que está sendo feito, o que pode ser feito e quais os resultados obtidos”

Dentre as metas que pretende realizar  destacam-se: a rediscussão do núcleo de gestores e criação de novo organograma; criação do núcleo de segurança dos pacientes; e buscar novos credenciamentos junto a Secretaria Estadual de Saúde e Ministério da Saúde, para novos serviços.

Na discussão das politicas externas, a nova diretoria quer ampliar a conscientização da sociedade regional sobre as dificuldades enfrentadas pelo hospital. O novo provedor quer estabelecer parceria com o prefeito Dilador Borges para que juntos sensibilizem os dirigentes dos 40 municípios da região para os quais a Santa Casa de Araçatuba é referência para atendimentos de média e alta complexidades, em relação aos problemas que o hospital enfrenta e importância da união dessas comunidades para torná-lo mais forte.

“Se sairmos em busca do apoio dessas prefeituras tornaremos a instituição mais forte. Vemos cidades da região captando doações para enviar para hospitais de Presidente Prudente, Barretos e outras cidades. Mas as 800 pessoas que moram nas cidades da jurisdição do Departamento Regional de Saúde de Araçatuba são tratadas aqui na Santa Casa. E não apenas tratamento de câncer. Somos a porta de entrada dessas cidades para tratamento especializado em Urgência e Emergência, Cirurgias especializadas, Ambulatório de Especialidades e tratamento renal. Vamos criar alternativas para que essas cidades também se mobilizem em favor da Santa Casa de Araçatuba”, explica o provedor empossado.

Dentre os projetos físicos, o novo provedor destaca:  a necessidade de reforma do prédio do Serviço de Urgência e Emergência e da ala de internação do primeiro andar da torre principal; a reestruturação do Centro Cirúrgico e a implantação de novas tecnologias no Laboratório de Análises Clínicas.  “ São obras que consideramos fundamentais para humanizar ainda mais o atendimento dos usuários do SUS”, informa Rodrigues, que também incluiu dentre as obras necessárias, a melhoria da estrutura física para atendimento dos usuários do Plano de Saúde Santa Casa de Araçatuba.

O novo provedor anuncia também a ampliação da interação “com os médicos e funcionários e melhorar cada vez mais a os conceitos de humanização com os colaboradores, gestão que até aqui foi muito bem conduzida”.

Jaime Monçalvarga

O relacionamento do advogado Jaime Monçalvarga com a gestão da Santa Casa de Araçatuba também é longevo. Começou em 1992 na condição de procurador jurídico da diretoria do ex-provedor Wilson Bedaque. Permaneceu no mesmo cargo no período de 1997 à 2000 na diretoria do ex-provedor Milton Freire (já falecido). Em 16 de março de 2000 foi eleito para assumir a provedoria.

Monçalvarga costuma dizer que nesses 18 anos de gestão, “nenhum dia foi fácil e alguns foram ainda mais difíceis em se tratando da dinâmica de um hospital público com demandas tão diversificadas e área de abrangência tão extensa, quanto a realidade da Santa Casa de Araçatuba”.

Porém, de acordo com o provedor que está passando o cargo hoje para nova diretoria, afirma que graças ao apoio de seus companheiros de Mesa, comprometimento e dedicação dos médios que integram o Corpo Clínico e os colaboradores dos vários segmentos do hospital, “esses desafios foram vencidos e aproveito esse momento para externar a todos eles a minha gratidão eterna”.

Monçalvarga informa que “estamos deixando em dia os pagamentos da folha de funcionários, os tributos e os serviços médicos contratados com os recursos do programa Santas Casas Sustentáveis. Devemos? Sim devemos! Mas em relação a outros hospitais a Santa Casa de Araçatuba está bem e com vários avanços que a consolidaram como referência regional de atendimento de alta complexidade.

Com 323.403 procedimentos prestados no ano passado aos usuários do Sistema Único de Saúde, a Santa Casa de Araçatuba ocupa a segunda posição em volume de atendimentos dentre os hospitais classificados como Estruturantes no Estado de São Paulo.  “Tudo isso foi possível graças ao parque tecnológico e recursos humanos qualificado, marcas indispensáveis ao bom atendimento”, explica Monçalvarga.

O balanço do ex-provedor destaca que ao assumir há 18 anos, a área construída do hospital era de 13.774,99 metros quadrados. “Durante nossa gestão construímos 10.510,79 metros e hoje a área construída total do complexo hospitalar é de 24.285,78 metros quadrados”, informa Monçalvarga.

Ele destaca como avanços de sua gestão a construção da nova ala que possibilitou a instalação de mais 100 leitos e a reengenharia de serviços de apoio, como por exemplo, a Central de Nutrição; a construção do Hospital do Rim, a instalação de mais 10 leitos de tratamento intensivo neonatal e readequação da Unidade de Radioterapia.

“Esses avanços só foram possíveis pela imensurável ajuda do governador Geraldo Alckmin que em suas duas gestões investiu mais de R$ 35 milhões em obras e instalações na Santa Casa de Araçatuba. E se isso não bastasse incluiu o hospital nos programas Santas Casas Sustentáveis e Pró Santas Casas, cujos recursos ajudaram a atenuar o déficit gerado pela defasagem entre a tabela do SUS e o valor real dos procedimentos, bem como, contratar serviços médicos para completar o rol de especialidades disponibilizadas aos pacientes do SUS. Nossa gratidão será eterna ao governador e ao ex-prefeito. Não posso deixar de citar o apoio do ex-prefeito Jorge Maluly Netto por suas inúmeras gestões junto ao governador para liberação de recursos para avanços que conquistamos no período 2001-2008”.

Ao desejar sucesso aos novos dirigentes, Jaime Monçalvarga explica que está em sua saída pesou muito a vontade de sua família e a necessidade de realizar alguns projetos profissionais. “Sinto-me realizado com a boa experiência que a gestão da Santa Casa acrescentou em minha vida. Lamento sair por que aqui exercitei uma das coisas que mais gosto de fazer: a beneficência às pessoas que necessitam dela”.

 


Deixe sua opinião

Fonte:

SOLIDARIEDADE

Polícia Civil e grupo de voluntários doam R$ 22 mil para CTO da Santa Casa

A Polícia Civil em Araçatuba em parceria com o grupo de voluntários “Posso Ajudar” realizaram uma festa com Flash Back com o objetivo de arrecadar fundos para o CTO (Centro de Tratamento Oncológico) da Santa Casa de Araçatuba. O grupo já realizou uma série de eventos beneficentes, e desta vez escolheu o CTO da Santa Casa.

De acordo com o diretor clínico da Santa Casa, Sérgio Smolentzov, explicou que está em andamento uma campanha iniciada por voluntários, para arrecadação de recursos visando a aquisição de um tomógrafo que será exclusivo para atender a demanda de pacientes em tratamento de câncer.

Uma das responsáveis pelo grupo de voluntários, Neusa Aparecida de Freitas Santana, explicou que recentemente passou por um tratamento contra um câncer e saiu curada. Mesmo tendo um plano de saúde e ter passado por tratamento particular, ela fez todo o procedimento de radioterapia no CTO da Santa Casa, onde 90 % dos pacientes são atendidos pelo SUS.

Convivendo diariamente com a rotina no hospital ela passou a ver as dificuldades encontradas pela Santa Casa e a excelência no atendimento prestado tanto no particular quanto pelo SUS. Ela decidiu mobilizar o grupo na tentativa de dar uma colaboração na campanha para arrecadação de recursos para compra do tomógrafo. O CTO da santa Casa é referência para pacientes de 40 municípios da região. No geral a Santa Casa de Araçatuba realiza 500 mil atendimentos por ano, sendo mais de 80% pelo SUS, índice que no CTO se aproxima dos 90%.

Filipe Fornari

Para realizar a festa do Flash Back inicialmente a previsão era para 500 pessoas, mas como houve muita mobilização, foram vendidos 615 convites. Um dos organizadores foi o policial civil Carlinhos Santana, que é vereador em Araçatuba e marido de Neusa. Ele explica que para a realização da festa houve um esforço conjunto entre policiais civis e o grupo Posso Ajudar.

A arrecadação total líquida com a festa foi de R$ 22.855,48, entregues nesta quinta-feira à diretoria da santa Casa, com a presença de voluntários, policiais civis e diretoria do hospital. Para a direção do hospital, além do valor arrecadado, o gesto voluntariado do grupo e da Polícia Civil tem um valor inestimável e acaba servindo de inspiração para ações neste sentido. Veja as fotos:


Deixe sua opinião

Continue Lendo

Araçatuba

Time do Emprego forma segunda turma de alunos da Fundação Mirim

Trinta alunos da Fundação Mirim de Araçatuba receberam, nesta quarta-feira (20), certificados de conclusão do Time do Emprego, curso promovido pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Relações do Trabalho (SMDERT), em parceria com a Secretaria Estadual do Emprego e Relações do Trabalho.

O curso tem por objetivo orientar e preparar os participantes na busca de um emprego compatível com seus interesses, habilidades e qualificações profissionais. A referida turma teve início em 4 de junho.

Todos os alunos receberam um kit com apostilas e materiais escolares para acompanhar as aulas. Foram 11 encontros diários com duração de três horas cada. Durante as atividades, os participantes formaram um grupo especial para troca de experiências e procura de emprego.

Foram fornecidas orientações a respeito de elaboração de currículos, dicas de comportamento e de como conquistar lugar no mercado de trabalho com mais facilidade. Também foram tratados temas como comunicação, planejamento financeiro e empreendedorismo.

Filipe Fornari

Um dos destaques da formatura foi a presença do aluno João Vitor Vidovix, participante da primeira turma do Time do Emprego na Fundação Mirim, atualmente empregado.

Ele contou como foi o processo de contratação e suas funções no ambiente de trabalho. À pedido da mãe, Rita Vidovix, foi informado que João tem deficiência cognitiva comportamental e intelectual.


Deixe sua opinião

Continue Lendo

Dados

São Paulo reduz acidentes fatais de trânsito em maio

O número de vítimas em acidentes de trânsito no estado de São Paulo diminuiu 14,1% em maio deste ano na comparação com o mesmo período do ano passado. Foram registrados 445 óbitos neste mês. No acumulado do ano, a redução é de 7,9%, com 2.087 fatalidades em 2018 contra 2.267 no ano passado.

Os dados foram divulgados hoje (19) pelo Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, programa do governo paulista que visa reduzir pela metade o número de óbitos. Com 28,4 milhões de veículos, o estado tem a maior frota do país, representando 28,9% do total nacional. Somente na cidade de São Paulo são 8,1 milhões.

De acordo com levantamento do Sistema de Informações Gerenciais de Acidentes de Trânsito do Estado de São Paulo (Infosiga SP), nos primeiros cinco meses deste ano 1.157 pessoas foram vítimas de acidentes de trânsito entre 18h e 6h, o que equivale a 55% do total (2.087).
Colisões entre veículos correspondem a 37,5% dos acidentes, enquanto os atropelamentos somam 28,7%. Choques contra objetos fixos equivalem a 15,1% dos casos e outros tipos de acidente somam 12,3%.

Estatísticas

Em maio, os motociclistas lideraram as estatísticas e corresponderam a 35,2% das vítimas (157 fatalidades), seguido por pedestres (27,6%), ocupantes de automóveis (22,9%) e ciclistas (9,6%). A maior parte dos acidentes ocorre à noite, nas madrugadas (54,3%) e nos finais de semana (37,8%). Jovens com idades entre 18 e 29 anos correspondem a 28,3% das vítimas (126 ocorrências) e os homens representam 82,3% dos casos.

“As ações promovidas pelo Movimento Paulista, em parceria com municípios, iniciativa privada e departamentos do governo de São Paulo, buscam conscientizar este público. Um exemplo foi a realização, em maio, da segunda edição do projeto para motociclistas, que une educação e fiscalização, e tem como objetivo mobilizar os municípios a difundir, junto a esse público, a pilotagem defensiva e segura e o espírito de cidadania”, disse o diretor técnico do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, Evandro Vale.

Filipe Fornari

Usuários de moto somaram 157 vítimas em maio, mas com redução de 5,4% na comparação com 2017 (166 casos). Já 123 fatalidades vitimaram pedestres, redução de 14% (143 óbitos), seguido por ocupantes de automóveis, com 102 vítimas (-25,5%, 137 casos). Os ciclistas fazem parte do único grupo que apresentou aumento no mês. Foram 43 fatalidades em maio, contra 32 no ano passado, aumento de 34,4%.


Deixe sua opinião

Continue Lendo

administração

Desenvolve SP atende empresários de Birigui e Sta Bárbara d’Oeste

Nesta quinta-feira (21), a Desenvolve SP – Agência de Desenvolvimento Paulista, realiza o workshop “Uma Solução Para Cada Fase do seu Negócio” para empresários de Birigui e Sta Bárbara d’Oeste, no interior paulista

Em Birigui, o encontro acontece das 8h30 às 16h na Associação Comercial Industrial Birigui (ACIB). Lá, os pequenos e médios empreendedores poderão conhecer as linhas de crédito da instituição e obter orientação sobre como acessar o financiamento ideal para investir em suas empresas de forma sustentável e planejada.

Desde 2009, começo da operação da Desenvolve SP, mais de R$ 7,5 milhões já foram destinados para o financiamento de pequenas e médias empresas na cidade.

Dividido em duas etapas, o workshop começa com palestra da Desenvolve SP que irá apresentar todas as opções de crédito como linhas para projetos de expansão, modernização, inovação, compra de máquinas e equipamentos e capital de giro. Na sequência, os empresários receberão atendimento individual, que deve ser agendado com antecedência, para tirar dúvidas ou apresentar seus projetos de investimento.

Filipe Fornari

“Nossa atuação busca fornecer aos empreendedores a possibilidade de investir com planejamento estruturado, pois cremos que o crédito deva servir para fazer a empresa crescer por meios sustentáveis e gerando empregos para a região”, explica o presidente da Desenvolve SP, Alvaro Sedlacek.

O evento, gratuito, será realizado na Associação Comercial Industrial de Birigui, na Avenida Governador Pedro de Toledo, 262 – Centro e tem o apoio da SIMBI (Sindicato das Indústrias de Calçados e Vestuário de Birigui). Agendamentos pelo link: e mais informações pelo telefone: (18) 3649-4222 ou pelo e-mail [email protected].

Em Santa Bárbara, o evento é gratuito será realizado no CIESP Santa Barbara D’Oeste, das 9h30 às 17h. Mais informações pelo telefone: 19 3463-7461 ou e-mail: [email protected].

Sobre a Desenvolve SP

A Desenvolve SP – Agência de Desenvolvimento Paulista é a instituição do Governo do Estado de São Paulo que financia, por meio de linhas de crédito sustentáveis, o crescimento planejado das pequenas e médias empresas e municípios paulistas. Em 9 anos, são mais de R$ 2,8 bilhões desembolsados em financiamentos em todo o Estado.

Somente para a cidade de Birigui, o montante registrado em empréstimos é de R$ 7,5 milhões. No setor privado, a indústria é a principal tomadora de crédito no município, sendo responsável por demandar 50% dos recursos, seguida pelo o setor de comércio e serviços, com 9%. Já o setor público, por meio das prefeituras, demandou os outros 41% dos financiamentos. Para saber mais sobre a instituição acesse: www.desenvolvesp.com.br.

Serviço

Workshop Desenvolve SP | Birigui
“Uma Solução Para Cada Fase do seu Negócio”
Data: 21/06/2018, quinta-feira
Horário: 8h30 às 16h
Local: Associação Comercial Industrial Birigui
Endereço: Avenida Governador Pedro de Toledo, 262 – Centro
Informações: (18) 3649-4222 ou pelo e-mail [email protected]
Gratuito


Deixe sua opinião

Continue Lendo

MAIS LIDAS - 24 HRS