Fique Conectado

VEJA FOTOS

Botijão de gás explode e deixa três pessoas da mesma família com ferimentos graves em Araçatuba

Anunciante

Três pessoas da mesma família ficaram gravemente feridas na manhã desta quarta-feira depois que um botijão de gás explodiu na residência da família, localizada na rua João dos santos Lima, no conjunto habitacional Águas Claras. A aposentada Antônia de Moraes, 79 anos, o marido dela, servente de pedreiro José Carlos Batista dos Santos, 57 e o filho do casal, João Carlos Batista dos Santos, 40, que é portador de necessidades especiais, foram socorridos no pronto-socorro da Santa Casa e aguardam transferência para um hospital especializado em queimaduras.

A reportagem do Regional Press apurou que a família tentava conter um vazamento de gás quando ocorreu a explosão, que destruiu parte da residência da família, conquistada recentemente pelo programa Minha Casa Minha Vida. Parte do telhado foi desintegrado e o forro veio ao chão. A defesa civil foi acionada para avaliar se a estrutura da casa foi comprometida.

Uma unidade de resgate do Corpo de Bombeiros e uma ambulância do Samu foram acionados para socorrer as vítimas. O casal estava na calçada e foi levado pelos bombeiros e o cadeirante, que ainda estava no interior da casa, foi socorrido pelo Samu. Ele é cadeirante e deficiente auditivo.

De acordo com assessoria de imprensa da santa Casa, as vítimas tiveram em média 80% do corpo queimado e aguardam transferência.

A Polícia Militar foi acionada e isolou o local até a chegada da perícia técnica. A Defesa Civil também foi acionada para verificar as condições da residência após a explosão.

Oque você acha disso?

Anunciante

MARÍLIA

Foto de jovem segurando arma na sala de aula viraliza e polícia investiga o caso

Há suspeita de que a arma seja de brinquedo, mas tudo será apurado pela Polícia Civil. Diretoria da escola estadual de Marília (SP) registrou boletim de ocorrência e se reuniu com os pais do adolescente de 15 anos.

Foto mostra o estudante segurando a arma dentro da sala de aula em Marília (SP) (Foto: Facebook / Reprodução )

foto de um estudante de 15 anos segurando uma arma dentro de uma sala de aula de uma escola estadual de Marília (SP) teve repercussão nas redes sociais e agora a Polícia Civil investiga o caso.

A foto foi postada no perfil do adolescente na quarta-feira (7) com a legenda “Que tiro foi esse?”, refrão do hit da cantora Jojo Todynho.

De acordo com a Diretoria Regional de Ensino, existe a suspeita de que a arma que aparece na foto seja de brinquedo, o que será apurado pela polícia.

A diretoria da Escola Estadual Antônio Augusto Neto confirmou o ocorrido e disse que além do registro do boletim de ocorrência, uma reunião com os pais e o próprio estudante foi feita, onde foi explicado a gravidade do ato e as consequências.

Oque você acha disso?

Continue Lendo

paraguai

Pistoleiro que cobrava R$ 2 mil para matar é preso na fronteira

Era procurado por dois homicídios

Em 2013, Arnaldo também teria tentado cometer homicídio ao cobrar uma dívida de US$ 3 mil dólares.

Foi preso na fronteira em Pedro Juan Caballero, no Paraguai o pistoleiro Arnaldo Andrés Benitez Dávalos, de 42 anos. Le teria sido contratado para cometer um assassinato em Assunção.

Arnaldo era procurado por dois homicídios em 2015 e 2017. Ele também era autor de um roubo em 1997. Segundo informações policiais, Arnaldo cobrava R$ 2 mil para cometer assassinatos, e teria sido contratado para cometer um homicídio ou liderar um grande assalto em Assunção.

Ainda de acordo com o site ABC Color, ele estaria envolvido em um tiroteio entre narcotraficante em março de 2015, em Pedro Juan Caballero, a época morreu uma criança de 2 anos atingida por um tiro.

Oque você acha disso?

Continue Lendo

Três Lagoas/MS

Homem matar ex-mulher a tiros e se suicida em seguida

(Imagens: Laís Eger Penha)

Um homem de 42 anos efetuou três disparos de arma de fogo contra a ex-companheira na tarde desta sexta-feira (09) em Três Lagoas. Após atirar na mulher, Larissa Souto Pereira de Freitas, de 42 anos, ele cometeu suicídio.

Eles estavam separados há três meses e, segundo informações, o homem, identificado como Marcos Sergio da Silva Castro, não aceitava o fim do relacionamento. Quando a mulher estava chegando ao condomínio onde mora, o ex marido atirou contra ela, se suicidando logo em seguida. O filho do casal, de 22 anos, presenciou o momento do crime.

O caso aconteceu no Jardim Alvorada. A vítima foi encaminhada pelo Corpo de Bombeiros para o Hospital Auxiliadora onde foi confirmado a morte de Larissa.

De acordo com informações de vizinhos da vítima, o ex companheiro, que era mototaxista, não aceitava o fim do relacionamento e na tarde desta sexta-feira após atirar três vezes contra Larissa, ele se suicidou com um tiro no peito.

 

Oque você acha disso?

Continue Lendo

Facebook

Anunciante

MAIS LIDAS - 24 HRS