Fique Conectado

RECONHECIMENTO

Fim da taxa: Prefeito de Birigui garante continuidade dos recursos aos bombeiros

Publicado

em

Anunciante

Em reunião realizada na tarde desta quinta-feira, 11 de janeiro, na Prefeitura de Birigui, o prefeito Cristiano Salmeirão garantiu a permanência dos serviços prestados pelos bombeiros na cidade mesmo que ‘taxa dos bombeiros’ não seja paga pelos moradores.

Como o Supremo Tribunal Federal (STF) proibiu os municípios de cobrarem taxas de combate a incêndios junto ao IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), Salmeirão garantiu que a atual administração irá arcar com o custeio dos serviços do Corpo de Bombeiros.

AnuncianteCirco Mágico

O morador de Birigui pagava, por ano, R$ 15,00 por imóvel. A arrecadação anual, segundo a Secretaria Municipal de Finanças, era de R$ 840 mil. Este ano a cobrança da taxa não será feita aos moradores.

O prefeito de Birigui e parte de sua equipe de governo receberam vários bombeiros na Prefeitura. A comitiva foi liderada pelo comandante de bombeiros da região de Araçatuba, Tenente Coronel Shirotori, pelo comandante regional Major Nilton e pelo subtenente Araújo, do Corpo de Bombeiros de Birigui. O presidente da Câmara, vereador Vadão da Farmácia, também particiou da reunião.

“O serviço dos bombeiros é essencial aos cidadãos. Não podemos deixar de contar com esse importante trabalho feito na cidade. A administração irá buscar alternativas para custear esses 840 mil reais”, falou o prefeito de Birigui.

Para Salmeirão, o fim da taxa é uma decisão do STF e deve ser cumprida. “Na reunião não tratamos da decisão já tomada, mas sim de como resolver essa questão municipal, já que Birigui conta com um excelente trabalho feito pelos bombeiros”, frisou.

O secretário municipal de Finanças, Adonai Brum da Silva, disse que o tesouro municipal terá que buscar novas fontes de receita. “Vamos estudar como remanejar esse valor”, comentou Adonai.

“Na última semana de janeiro a Prefeitura de Birigui ira iniciar a entregas dos carnês do IPTU 2018. No carnê não haverá a cobrança da taxa dos bombeiros, mas quero tranquilizar a população sobre os trabalhos dos bombeiros, que continuarão sendo realizados na cidade”, completou Cristiano Salmeirão.

 

Deixe sua opinião

Palestra

Juiz de Araçatuba conversa com alunos de escola estadual sobre carreira jurídica

Publicado

em

Emerson Sumariva Júnior com alunos da Escola Estadual Professor Jorge Correa, em Araçatuba (Foto: Divulgação)

O juiz da 3ª Vara Criminal de Araçatuba, Emerson Sumariva Júnior, participou de uma palestra, nesta sexta-feira (19), voltada a alunos da Escola Estadual Professor Jorge Correa. O tema foi carreiras jurídicas.

Também participaram a diretora da escola, Ilma Bersani, a vice-diretora, Mônica Baraldi, e a responsável pela turma, professora Vera Zâmbia.

AnuncianteCirco Mágico

No encontro, Sumariva Júnior, que é juiz há 27 anos, falou sobre a profissão e notou grande interesse por parte dos alunos: “São dedicados e inteligentes. É bom ver nossos jovens curiosos e motivados, foi um encontro enriquecedor. Fiquei encantado e feliz em ver que temos pela frente uma geração dedicada e capacitada. O país tem jeito e o futuro do Brasil vai ser maravilhoso”, afirmou.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

INCENTIVO

Prefeitura de Penápolis realiza obra para empresa ampliar produção e gerar mais 80 empregos

Publicado

em

Com a melhoria, a empresa ampliará a produção, oferecendo novos postos de trabalho

A Prefeitura de Penápolis, através da Secretaria de Obras e Serviços, realizou ontem (18) a pavimentação asfáltica de uma área total de 750 metros quadrados, onde funciona uma das unidades de produção da empresa Midori Auto Leather em Penápolis, localizada no Parque Industrial.

Na área cedida pelo poder público municipal, trabalham atualmente cerca de 250 funcionários, que produzem capas de couro para veículos da marca Toyota. O secretário de Obras, Murilo do Valle, o Pagãozinho, e o chefe de infraestrutura urbana, César Rodrigues Borges acompanharam as obras no local.

AnuncianteCirco Mágico

Segundo o secretário, o local está recebendo pavimentação em asfalto pré misturado a frio. “Após a base, fizemos a aplicação do pavimento concluindo o trabalho na tarde de ontem. A empresa já pode preparar a estrutura para a instalação da nova área de produção”, afirmou. Foram investidos cerca de R$22,5 mil.

Segundo o Supervisor de Produção da Midori, Jesse Schivalocchi, com a infraestrutura que está sendo implantada pela Prefeitura, será possível aumentar o número de funcionários. Segundo o cronograma da Midori, até janeiro de 2019, serão 80 novos postos de trabalho.

“Estamos felizes com a ajuda da Prefeitura que vai proporcionar uma expansão em nossa linha de produção”, afirmou Schivalocchi. O supervisor também enfatizou que no local onde está sendo feita a pavimentação, será ampliada a área de estoque, com a instalação de tendas, permitindo o crescimento da linha de produção.
“Com a instalação das novas coberturas nas áreas pavimentadas, poderemos aumentar a área para estoque, gerando um efeito que abrangerá também a nossa linha de produção, que nos permitirá contratar mais colaboradores”, garantiu Jesse.

O prefeito Célio de Oliveira comentou o apoio oferecido pela Prefeitura à Midori, desde que assumiu o seu primeiro mandato em 2013, fazendo com que o número de funcionários triplicasse desde então.
“Quando fomos procurados pela direção da empresa em nosso primeiro ano de governo, nos colocamos à disposição para ajudar no crescimento da Midori em Penápolis, que na época, tinha pouco mais de 500 funcionários. Hoje, podemos vivenciar um crescimento que já ultrapassa 1.600 colaboradores”, comemorou Célio.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

OPORTUNIDADE

Bunge Açúcar e Bioenergia abre vagas para jovens engenheiros no interior de São Paulo

Publicado

em

Estão abertas as inscrições para o Programa Jovens Engenheiros da Bunge, uma das principais empresas de agronegócio e alimentos do país. Os interessados em participar precisam ter entre 3 e 5 anos de formados no curso de Engenharia e experiência anterior no segmento industrial. As inscrições vão até o dia 9 de novembro.

Na Bunge Açúcar e Bioenergia, são 8 oportunidades para engenheiros de diversas especialidades (produção, agrônomo, agrícola, mecânico e químico), sendo uma vaga em cada usina, nas seguintes localidades: Santa Juliana / MG; Frutal / MG; Itapagipe / MG; Orindiúva / SP; Ouroeste / SP; Guariroba / SP; Ponta Porã / MS; Pedro Afonso / TO.

AnuncianteCirco Mágico

Ao todo, são 19 vagas. Além da Bunge Açúcar e Bioenergia, há vagas também em unidades operacionais da Bunge. Com duração de 18 meses, o programa prepara esses jovens para uma futura posição de liderança por meio de atividades multifuncionais que visam desenvolver capacidades técnicas e competências ligadas à gestão de equipe e projetos.

“A Bunge acredita que jovens talentos fazem a diferença e, por isso, valoriza e investe no desenvolvimento de novos profissionais, proporcionando uma formação que contribua na aceleração desses jovens a assumir futuras posições de liderança na empresa”, afirma Renato Bragatto, diretor de RH da Bunge South America.

Com o objetivo de atrair jovens alinhados à cultura e valores da companhia, o programa promove o desenvolvimento desses profissionais em aspectos técnicos e comportamentais, dividido em dois momentos, a Trilha Técnica e a Corporativa. A “Trilha Corporativa” é voltada para o desenvolvimento de competências técnicas e de liderança, além de preparar o jovem para ser multiplicador de conhecimento e da cultura corporativa dentro da empresa.

Já a “Trilha Técnica” é voltada para as ações ‘on the job’, em que o jovem vive e explora na prática os conhecimentos técnicos e do negócio, já na área e posição específica para as quais foi contratado, além de desenvolver um projeto próprio a ser apresentado no fim do programa. “O programa tem como foco desenvolver, na prática, esses jovens talentos, permitindo que eles tenham total imersão no nosso negócio e criem projetos que possam ser implementados na companhia”, conclui Bragatto.

Processo seletivo

O processo seletivo é composto por entrevistas virtuais e presenciais que ocorrerão diretamente nas unidades da Bunge onde há vagas disponíveis. O processo seletivo é feito integralmente pela área de Gente & Gestão da companhia e com participação de executivos das áreas contratantes, garantindo que a seleção seja feita com base na cultura da empresa. A Bunge oferece salário e benefícios compatíveis com o mercado e os interessados podem se inscrever pela página: http://www.bunge.com.br/carreiras/Jovens_Talentos.aspx.

VAGAS

Unidades e formação (Operações):

Ponta Grossa / PR: Engenharia Produção, Alimentos, Química.

Rio Grande / RS: Engenharia Produção, Alimentos, Química.

Rondonópolis / MT: Engenharia Produção, Alimentos, Química.

São Paulo / SP: Engenharia Produção, Alimentos, Química.

Luis Eduardo Magalhães / BA: Engenharia Mecânica, Elétrica, Automação Industrial.

Rio Grande / RS: Engenharia Mecânica, Elétrica, Automação Industrial.

Ipojuca / PE: Engenharia Mecânica, Elétrica, Automação Industrial.

Rondonópolis / MT: Engenharia Agronômica, Produção, Química.

São Francisco do Sul / SC: Engenharia Produção, Alimentos, Química.

Unidades e formação (Açúcar e Bioenergia – necessária experiência prévia no negócio nas áreas agrícola e industrial):

Santa Juliana / MG: Engenharia Química, Engenharia Mecânica

Frutal / MG: Engenharia Agronômica, Engenharia Mecânica

Itapagipe / MG: Engenharia Agronômica, Engenharia Agrícola, Engenharia de Produção

Orindiúva / SP: Engenharia Mecânica, Engenharia Agronômica

Ouroeste / SP: Engenharia Química, Engenharia Mecânica

Guariroba / SP: Engenharia Mecânica

Ponta Porã / MS: Engenharia Agronômica, Engenharia Agrícola, Engenharia de Produção

Pedro Afonso / TO: Engenharia Mecânica

Sobre a Bunge Açúcar & Bioenergia

Uma das companhias líderes na produção de etanol, açúcar e bioenergia no Brasil, a Bunge Açúcar & Bioenergia tem capacidade de moagem de 22 milhões de toneladas por ano em suas oito usinas estrategicamente localizadas nas regiões Sudeste, Norte e Centro-Oeste do país. Cinco de suas usinas formam um cluster, gerando economias de escala e sinergias para o negócio. Com instalações de cogeração, a empresa produz energia renovável para atender de forma autossuficiente suas próprias usinas e tem capacidade de exportar 640 GWh para rede nacional.

Sobre a Bunge South America

Há dois séculos, a Bunge tem ajudado a alimentar o mundo ao conectar pessoas, mercados, países e culturas ao redor do mundo. Há 134 na América do Sul, a empresa conta com cerca de 16 mil funcionários na região, dedicados a aprimorar a cadeia do agronegócio e a produção de alimentos, tornando-os cada vez mais saudáveis e acessíveis para uma população em constante crescimento.

Com operações em mais de 150 instalações entre fábricas, usinas, moinhos, portos, centros de distribuição e silos, a Bunge South America está presente em 5 países da região – Argentina, Brasil, Chile, Paraguai e Uruguai.

Posicionada entre as líderes em seus segmentos de atuação, que incluem agronegócio, alimentos, açúcar e bioenergia, e fertilizantes, a empresa é a terceira maior exportadora da América do Sul. Marcas como Soya, Delícia, Primor, Valderey, Sol Mix e Salsaretti fazem parte da vida de milhares de pessoas e da história de uma empresa global com 200 anos de atuação.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

REFORMA

Prefeitura recebe atualização de processo para regularização do Zoológico

Publicado

em

A vice-prefeita Edna Flor visitou, nesta quarta-feira (17), o Zoológico Municipal Dr. Flávio Leite Ribeiro, a fim de conhecer as ações que já foram realizadas, bem como tudo que está sendo desenvolvido para o espaço.
Em reunião com a vice-prefeita, a bióloga do zoo, Fernanda Bueno, e o diretor de Gestão Ambiental, Humberto Botaro, o Chefe de Gabinete da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (SMMAS), Marcelo Oliveira, esclareceu como está o andamento do processo de regularização do espaço.

Segundo Oliveira, há um processo no Ministério Público cobrando esta regularização e há um auto de infração junto à polícia ambiental. A partir desse auto, a Secretaria Estadual de Meio Ambiente realizou uma última vistoria no zoológico, em março de 2017, e estabeleceu tudo o que é necessário ser feito para conseguir a regularização solicitada pelo Ministério Público. Desde então, a SMMAS vem cumprindo todas as exigências a fim de complementar a regularização.

AnuncianteCirco Mágico

Dentre as ações que já foram realizadas no zoo, estão a pintura do espaço; instalação de alambrados nas quarentenas dos animais e placas de identificação onde não havia; troca da fiação, que antes era exposta e agora é encapada e compacta, a fim de prevenir que animais de vida livre sofram choque elétrico, entre outras.

A equipe de manutenção do zoológico fez, inclusive, um mutirão para eliminar todos os possíveis locais de acúmulo de água, como por exemplo, a limpeza de todas as caixas de esgoto e reforma de algumas delas. Com isso, há pelo menos 6 meses, a Vigilância Sanitária não identifica nenhum foco de dengue.

PROJETO

Com o objetivo principal de oferecer à população um espaço de convivência ideal, para encontros de amigos e familiares aos finais de semana e feriados, a Prefeitura de Araçatuba firmou parceria com o curso de Arquitetura do Centro Universitário Toledo, visando a transformação do zoológico em um parque.

A intenção é fazer o menor número possível de alterações no espaço e, ainda assim, trazer inovações como, por exemplo, a implantação de uma pista de caminhada, espaços para alimentação e esportes, entre outros. O projeto será apresentado à Prefeitura pela Unitoledo em breve.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

MAIS LIDAS - 24 HRS

error: Conteúdo protegido. LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998