Fique Conectado

TRAGÉDIA

Mais de 330 pessoas morrem em terremoto entre Irã e Iraque

Somente em Kermanshah, no Irã, há 328 mortes e 3,9 mil feridos. População da região foi a mais afetada pelo desastre

Publicado

em

REUTERS
Anunciante

Passa de 330 o número de mortos no terremoto de magnitude 7,3, ocorrido no domingo (12) na fronteira entre o Iraque e o Irã. Pelo menos 6 mortes foram confirmadas no Iraque e todas as demais no Irã, número que deve aumentar nos dois países, conforme o vice-ministro de Saúde do Irã, Qasem Yan Babaie, anunciou à agência de notícias IRNA.

O terremoto, cujo epicentro teria sido a 22 km da cidade iraquiana de Derbendîxan e a 52 km da cidade iraniana de Sarpol-e Z̄ahāb, foi sentido às 21h18 (horário local, 16h18 em Brasília) em várias províncias das duas nações. Kermanshah foi apontada como a mais atingida do Irã, deixando 328 vítimas fatais e 3,9 mil feridas, segundo número divulgados pela agência IRNA. Os povoados de Ghasr Shirin, Sarpul e Azgale também estão entre os mais atingidos do país.

Além do Irã e do Iraque, o tremor ainda foi sentido em outros países, mais precisamente na Turquia, nos Emirados Árabes Unidos e em Israel. Nos dois primeiros países, onde o fenômeno foi sentido com maior intensidade, muitas cidades tiverem a eletricidade cortada por conta do desastre. O receio de réplicas do teria levado moradores das regiões mais afetadas para as ruas, à procura de lugares abertos como parques, mesmo diante das baixas temperaturas.

O representante da Cruz Vermelha no Irã, o Vermelho Crescente, afirmou que mais de 70 mil pessoas necessitam de alojamento de emergência, de acordo com o G1. O governo da região autônoma do Curdistão, no Iraque, também teria se pronunciado sobre o assunto, informando que além das quatro vítimas fatais pelo menos mais 500 estão feridas somente na província de Suleimaniya.

Ainda segundo o portal, o Irã estaria situado em uma área de grandes falhas geológicas, o que o torna um dos países com mais abalos sísmicos no mundo. Um outro desastre ocorrido em 2003, um terremoto de magnitude 6,6, deixou aproximadamente 26 mil mortos e destruiu a cidade histórica de Bam.

Oque você acha disso?

NOTICIAS AO MINUTO

XINJIAN

Incêndio em residência deixa 19 mortos na China

De acordo com informações das autoridades locais, pelo menos oito pessoas também ficaram feridas

Publicado

em

o incêndio aconteceu na cidade de Xinjian, do distrito suburbano de Daxing, ao sul de Pequim.

Um grave incêndio resultou em 19 pessoas mortas e além de deixar outras oito feridas, informou neste domingo (19), a agência oficial de notícias da China, a “Xinhua”.

Segundo o portal G1, o incêndio aconteceu na cidade de Xinjian, do distrito suburbano de Daxing, ao sul de Pequim. O fogo teria tido início por volta das 18h15 (horário local de sábado, 8h15 em Brasília). Segundo os bombeiros, foram 3 horas para que conseguissem acabar com o fogo.

As autoridades locais iniciaram uma investigação do incidente e detiveram alguns suspeitos, informou a “Xinhua”. Os feridos foram encaminhados para o hospital e estão sob tratamento após a tragédia. Este foi um dos mais graves incêndios ocorridos em Pequim nos últimos anos.

Oque você acha disso?

Continue Lendo

muitos feridos

Tumulto em distribuição de comida no Marrocos deixa 15 mortos

A maioria das vítimas são mulheres, crianças e idosos; há ainda ao menos 38 feridos, segundo portal local.

Publicado

em

A maioria das vítimas são mulheres, crianças e idosos, segundo as informações obtidas por diferentes veículos de imprensa.

Pelo menos 15 pessoas morreram neste domingo e outras cinco ficaram gravemente feridas em uma aglomeração de pessoas durante uma distribuição de alimentos em uma região rural do Marrocos, segundo informou o Ministério do Interior em comunicado.

O fato aconteceu na cidade de Sidi Bulilam, na província de Essaouira (cerca de 600 quilômetros ao sul de Rabat), numa distribuição de alimentos organizada durante o mercado semanal realizado hoje na cidade.

A maioria das vítimas são mulheres, crianças e idosos, segundo as informações obtidas por diferentes veículos de imprensa que, em alguns casos, elevam o número de mortos para até 17 pessoas.

Segundo o portal “le360.ma”, a ação era uma iniciativa de um rico homem local, que pretendia assim ajudar as famílias mais pobres desta região rural.

Quando foi anunciada a distribuição de alimentos em um armazém, 800 pessoas se aglomeraram sobre os organizadores, que se viram literalmente esmagados pela multidão, o que deu início a uma “avalanche humana”.

Segundo o mesmo portal, há pelo menos 38 feridos, dos quais muitos são crianças.

Oque você acha disso?

Continue Lendo

eua

Rapper americano é achado morto após 2 semanas desaparecido

Corpos do cantor e de um primo dele foram achados no Alabama, segundo rede local Fox5; eles estavam desaparecidos desde o dia 5 de novembro.

Publicado

em

Rapper Bambino Gold (Foto: Divulgação)

O rapper norte-americano Bambino Gold foi encontrado morto após duas semanas dado como desaparecido, disse neste domingo (19) a rede de TV Fox5, do Alabama. Também foi encontrado o corpo de um primo do músico.

O cantor de 29 anos, conhecido na cena de rap de Atlanta, tinha sido visto pela última vez no dia 5 de novembro em Montgomery, no Alabama. Os corpos foram achados em Macon County.

A polícia disse ao site Al.com que acredita que eles foram assassinados em outro local e o corpo foi levado para Macon County.

Oque você acha disso?

Continue Lendo

Facebook

Anunciante Sou Mais Familia

MAIS LIDAS DO DIA