Fique Conectado

Alerta

Dez atitudes que tiram direito de dirigir antes dos 20 pontos

Detran.SP alerta para infrações que levam, sozinhas, à suspensão da CNH; número cresceu 50% no Estado de SP de 2015 para 2017

Dirigir depois de beber: multa de R$ 2.934,70 e suspensão da CNH por 12 meses (Imagem Ilustrativa)
Anunciante

Você sabia que uma única infração gravíssima pode causar a suspensão de sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH)?

Com as novas regras, que começaram a valer em todo o Brasil no dia 1º de novembro, o período mínimo de suspensão para quem comete essas infrações dobrou, passando de um para dois meses.

Além disso, o número de motoristas com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa está subindo. De 2015 para 2017, o crescimento foi de 50% no Estado de São Paulo, considerando a média mensal nos dois anos.

Por conta disso, o Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP) alerta para dez atitudes que tiram o direito de dirigir dos motoristas mesmo sem atingir 20 pontos no período de um ano:

Dirigir depois de beber: multa de R$ 2.934,70 e suspensão da CNH por 12 meses;

Recusar o teste do bafômetro: multa de R$ 2.934,70 e suspensão da CNH por 12 meses;

Ultrapassar entre veículos que estão transitando em sentidos opostos: multa de R$ 2.934,70 e suspensão da CNH de 2 a 8 meses;

Disputar corrida (racha): multa de R$ 2.934,70 e suspensão da CNH de 2 a 8 meses;

Deixar de prestar ou providenciar socorro à vítima ou de evitar perigo para o trânsito em caso de envolvimento em acidente de trânsito: multa de R$ 1.467,35 e suspensão da CNH de 2 a 8 meses;

Transitar em velocidade acima de 50% à máxima permitida: multa de R$ 880,41 e suspensão da CNH de 2 a 8 meses;

Fugir de bloqueio policial: multa de R$ 293,47 e suspensão da CNH de 2 a 8 meses;

Pilotar moto sem capacete ou vestuário adequado: multa de R$ R$ 293,47 e suspensão da CNH de 2 a 8 meses;

Pilotar moto com os faróis apagados: multa de R$ 293,47 e suspensão da CNH de 2 a 8 meses;

Transportar na moto crianças com menos de 7 anos: multa de R$ 293,47 e suspensão da CNH de 2 a 8 meses;

Como recorrer
Quem cometer uma dessas infrações, vai ser notificado pelo Detran.SP sobre a abertura do processo e terá o direito de apresentar defesa, conforme garante a legislação federal. O recurso, a todas as instâncias, pode ser apresentado de forma 100% online no portal do Detran.SP.

Caso os recursos não sejam aceitos, assim que tiver a suspensão decretada, o motorista deve entregar a habilitação e, a partir de então, cumprir a pena estabelecida.

Também é necessário passar por um curso de reciclagem com carga horária de 30 horas. Depois de cumprir a suspensão  o certificado do curso deve ser apresentado ao Detran.SP para ter de volta o direito de dirigir.

Mudança de atitude pode evitar acidentes
O fator humano é o principal causador de fatalidades no trânsito. Segundo dados do Infosiga SP, banco de dados do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, 94% dos acidentes com mortes são causados por imprudência.

“Com uma simples mudança de atitude, muitos acidentes poderiam ser evitados. Por isso, a conscientização dos motoristas é fundamental. Além disso, a fiscalização de trânsito pelos diversos órgãos autuadores deve ser constante”, avalia Maxwell Vieira, diretor-presidente do Detran.SP.

Oque você acha disso?

Anunciante

Justiça

Motorista de Cristiano Araújo é condenado por morte do cantor

Cristiano Araújo morreu em acidente de carro em 2015 (Foto: Divulgação)

O motorista de Cristiano Araújo foi condenado pela morte do cantor em 2015, de acordo com a reportagem publicada no portal Uol nesta quinta-feira (18).

Ronaldo Miranda dirigia o carro do sertanejo no dia do acidente. Além do cantor, a namorada dele, Allana de Morais também faleceu.

De acordo com a decisão da juíza Patrícia Machado Carrijo, da 2ª Vara Cível, Criminal, das Fazendas Públicas, de Registros Públicos e Ambiental de Morrinhos, o motorista deverá cumprir 2 anos e 7 meses de pena, em regime aberto, pelo crime de homicídio culposo, quando não há intenção de matar. Miranda também terá que pagar R$ 25 mil para reparação de danos causados às vítimas.

A justiça ressaltou ainda que Miranda tinha consciência de que as rodas do carro estavam em condições precárias. A juíza considerou sua ação como imprudente e negligente.

Na noite do acidente, o motorista estava a a uma velocidade de 179.3 km/h. O cantor voltava de um show em Goiânia e morreu na madrugada do dia 24 de junho de 2015.

Oque você acha disso?

Continue Lendo

perigo

Mulher morre com choque ao usar celular ligado na tomada

Vítima recebeu descarga elétrica enquanto usava o celular, segundo a PM.

Gercica Bárbara morreu após sofrer um choque elétrico, segundo a PM (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Uma mulher de 30 anos, identificada como Gercica Bárbara da Trindade, morreu vítima de um choque elétrico na noite da quarta-feira (17) em Santa Cruz do Capibaribe, Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, ela havia colocado o celular para carregar e recebeu uma descarga elétrica enquanto usava o aparelho.

Ainda segundo a PM, os paramédicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram até o local, mas a mulher já estava morta.

O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru. O caso foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil do município.

O delegado Julio Porto informou que a mulher também sofria de problemas de saúde, e que um exame tanatocópico será realizado para confirmar a causa da morte.

Mulher morreu após receber descarga elétrica de carregador de celular enquanto usava o aparelho (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Oque você acha disso?

Continue Lendo

educação

Consulta às notas do Enem 2017 é liberada

Resultado deve ser consultado individualmente na Página do Participante.

Notas do Enem 2017 foram divulgadas pouco antes das 12h. (Foto: Reprodução)

As notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017 foram divulgadas nesta quinta-feira (18). O resultado só pode ser consultado individualmente. Para isso, os candidatos devem acessar a Página do Participante e incluir CPF e a senha cadastrada. Pouco antes das 12h, o site apresentava instatibilidade.

Veja o passo a passo de como recuperar sua senha

Com a nota do Enem 2017, os estudantes podem pleitear uma vaga em uma universidade pública que tenha aderido ao Sistema de Seleção Unificada (Sisu) 2018. Serão 130 instituições no Brasil – 30 estaduais e 100 federais -, que ofertarão 239.601 vagas na graduação. As inscrições começam no dia 29 de janeiro e vão até as 23h59 do dia 1º de fevereiro. Elas serão feitas no site do programa (http://sisu.mec.gov.br).

Para participar, é necessário ter tirado nota acima de zero na redação do Enem 2017. Como nos anos anteriores, cada candidato poderá se inscrever em até duas vagas, especificando a ordem de preferência e o turno no qual pretende estudar. Também é necessário definir qual a modalidade no qual o aluno se encaixa – ampla concorrência ou alguma relativa às ações afirmativas (com critérios raciais ou sociais).

Mesmo que o candidato faça sua inscrição no dia 29 de janeiro, ele poderá alterar suas opções até as 23h59 do dia 1º de fevereiro. O sistema mostra, a cada dia, uma nota de corte parcial, baseada nas notas das pessoas que já se inscreveram até o momento naquele curso.

Os resultados serão publicados no dia seguinte ao término das inscrições, 2 de fevereiro. Os aprovados deverão efetuar a matrícula nos dias 5, 6 e 7 de fevereiro de 2018.

Só será possível confirmar a vaga caso o estudante apresente seus documentos corretamente na instituição de ensino na qual foi aprovado.

Do dia 2 de fevereiro até as 23h59 de 16 de fevereiro, os candidatos poderão manifestar interesse em alguma vaga para a qual não foram aprovados na primeira chamada. Só será permitido marcar o curso colocado como 1ª opção na inscrição.

As convocações serão feitas pelas universidades, em calendário definido por elas. Cabe ao candidato acompanhar os prazos.

Oque você acha disso?

Continue Lendo

Facebook

Anunciante

MAIS LIDAS DO DIA