Oi, o que você está procurando?

Mulher ofereceu casa de R$ 800 mil por vagas em concurso e vestibular

Suspeita usou serviço da chamada Máfia dos Concursos, grupo desarticulado nesta semana por investigadores de Brasília e Goiás

Uma mulher que usou os serviços da Máfia dos Concursos teria oferecido uma casa de R$ 800 mil em troca de duas vagas. A primeira, para ela, seria para obter aprovação no concurso da Polícia Civil de Goiás.

A segunda vaga seria destinada à filha, que pretendia ingressar no curso de medicina da Universidade Federal de Goiás por meio do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Chamada para interrogatório, a mulher permaneceu um silêncio. As informações são do site Metrópoles.

A quadrilha, que chegou a fraudar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016, é suspeita de enviar pelo menos 35 milhões de euros (R$ 132 milhões) em remessas ao exterior, segundo investigação da Polícia Civil de Goiás. Os envolvidos no esquema foram presos na segunda-feira (31).

A quadrilha cobrava, em média, 20 vezes o salário mensal do cargo – as vagas mais concorridas chegavam a custar R$ 400 mil. Depois de aprovados, os contratantes costumavam solicitar empréstimos consignados para quitar a dívida.

Para conseguir burlar as provas os criminosos tinham várias estratégias: uso de cola por ponto eletrônico, celular escondido no banheiro, ou mesmo até na troca de gabaritos, com auxílio de um servidor infiltrado.

O caso é investigado pela Polícia Civil de Goiás e pela Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (Deco), da Polícia Civil do Distrito Federal.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!