Oi, o que você está procurando?

Homens machistas têm mais chances de ter problemas de saúde mental

Um levantamento realizado por pesquisadores da Universidade de Indiana, nos Estados Unidos, mostra que homens machistas têm mais chances de ter problemas de saúde mental. A pesquisa, que foi publicada no periódicoJournal of Counseling Psychology, também sugere a probabilidade desses homens buscarem ajuda psicológica é muito baixa.

Os pesquisadores analisaram cerca de 80 estudos realizados nos últimos 11 anos, com dados de mais de 19,4 mil pessoas, sobre saúde mental e comportamentos esperados do gênero masculino para identificar alguns padrões. Eles consideraram aspectos como a necessidade dos homens de sempre ganhar e correr riscos, controlar os outros emocionalmente, serem mais poderosos do que as mulheres, serem mulherengos, ter o domínio de pessoas e situações, buscar status, colocar o trabalho em primeiro lugar e só confiarem em si mesmos.

A partir da análise, os cientistas descobriram que três dos comportamentos acima estão diretamentamente relacionados com uma péssima saúde mental: ser mulherengo, estar sempre tentando controlar as mulheres e só confiar em si mesmo. Por serem ensinados que “homem de verdade não chora” ou mostrar suas vulnerabilidades, esses homens também têm mais dificuldade em dar o braço a torcer e buscar ajuda psicológica profissional.

“Esse estudo nos mostra que precisamos de soluções socioculturais para a saúde dos homens e que temos que expandir a noção que temos de masculinidade, o que pode moldar as vidas dos homens”, afirmou o professor de sociologia Michael Flood, da Universidade de Wollongong, na Austrália, em entrevista ao IFLove Science.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!