Oi, o que você está procurando?

Além de Caramelo, ex-tigrão e o noivo de uma guararapense morreram na tragédia da Colômbia

Além do jogador Mateus Lucena dos santos, 22 anos, nascido em Araçatuba e criado em Clementina, que era do São Paulo e estava emprestado ao Chapecoense, morreram na queda do avião que levava a equipe à Colômbia o meio-campista Sérgio Manoel Barbosa Santos, de 27 anos, que jogou no Atlético Esportivo Araçatuba (Tigrão), em 2008 e 2009, e além do radialista Renan Agnolin, noiva de uma guararapense que estava morando com ele em Chapecó.

Mateus Lucena dos Santos, o Caramelo, nasceu em Araçatuba e foi criado em Clementina. Ele jogou no Mogi Mirim, Atlético Goianiense, São Paulo e Chapecoense. Entre 2012 e 2016, disputou 51 partidas e um gol.

A outra vítima da tragédia, Sérgio Manoel, é nascido no Estado da Bahia, foi um dos destaques do Atlético Araçatuba em 2009, no acesso do time à Série A-3. Transferiu-se depois para o Mirassol de onde foi para o Coritiba.

Em 2016 disputou o Paulistão pelo Água Santa de Diadema, disputou o Brasileirão pela Chapecoense, inclusive participou no último domingo da partida que deu o título ao Palmeiras.

Era titular no meio campo da Chapecoense que disputaria o titulo da Copa Sul Americana contra o Atlético Nacional da Colômbia. Entre 2008 a 2016 disputou 112 partidas e marcou cinco gols.

O radialista Renan trabalhava na Rádio Oeste de Chapecó e era apresentador de televisão na empresa RICTV Record. Quando estava embarcando no avião postou uma foto dentro da aeronave em sua conta no Facebook.

Renan já fez várias participações na Rádio Cultura, dentro do programa de esportes da emissora. Ele era noiva de uma moça de Guararapes, que estava morando em Chapecó. A família está indo ao encontro da moça, que está muito abalada.

Veja vídeo do resgate de jogador:

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!