Oi, o que você está procurando?

Assessor político é encontrado morto em casa, em Araçatuba

O assessor político Hélio Fernandes de Souza, conhecido como Ninha, foi encontrado morto em casa na noite desta segunda-feira (12), em Araçatuba. A suspeita é que ele tenha morrido em decorrência da queda de uma escada.

Conforme as primeiras informações, Hélio foi encontrado pelo filho, Elmer. Ele estranhou o fato do pai ficar sem se comunicar no domingo e segunda-feira, e foi até a casa dele, na rua Fundador Vicente Franco, no bairro São Joaquim, e o encontrou caído na escada, segurando um telefone celular. A Polícia Militar foi acionada e isolou o local.

O corpo foi levado ao IML (Instituto Médico Legal) para exame necroscópico. O laudo vai apontar a causa exata da morte.

Ninha era assessor político e integrava o PHS (Partido Humanista da Solidariedade) de Araçatuba. Ele também foi funcionário público municipal. Militante conhecido no cenário político local, Ninha discordava do posicionamento político do presidente do diretório local do PHS, Júlio Castilho, que se aliou ao candidato do PSDB às eleições municipais, Dilador Borges. Nos bastidores ele trabalhava pedindo voto ao petebista Luís Fernando de Arruda Ramos, e estava mobilizando vários integrantes do PHS para, após as eleições, se filiarem a outro partido. Aos amigos ele dizia que o grupo poderia aderir ao PMDB.

Até a publicação desta notícia, não havia informações sobre local e horário do velório e do sepultamento.

Momento em que o corpo de Hélio Fernandes foi retirado de casa, na noite desta segunda-feira (RegionalPress)

Momento em que o corpo de Hélio Fernandes foi retirado de casa, na noite desta segunda-feira (RegionalPress)

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!