Oi, o que você está procurando?

Sindicalista acusado de matar advogado é preso pelo GOE em Araçatuba

O sindicalista araçatubense Albertino Augusto de Jesus, 57 anos, foi preso pelo GOE (Grupo de Operações Especiais) na tarde desta quinta-feira (25), em Araçatuba.

Ele é acusado do assassinato do advogado e também sindicalista Renil Suavinha Nascimento, 59, de Franca. O homicídio, praticado a tiro, ocorreu em 14 de julho no centro de Castilho.

A motivação seria a possibilidade de criação de um outro sindicato. A articulação estaria sendo feita pela vítima.

Albertino, que é Albertino é presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Movimentação de Mercadorias em Geral e dos Estivadores e Capatazes de Araçatuba, chegou a ser preso, mas havia saído da cadeia por autorização da Justiça.

Agora, com novo mandando de prisão, os policiais civis do GOE de Araçatuba o prenderam na sede do sindicato.

Albertino está sendo apresentado no plantão policial de Araçatuba. Ele deverá passar por exame de corpo de delito no IML (Instituto Médico Legal) e será encaminhado à cadeia de Penápolis.

A defesa do sindicalista alega que ele agiu em legítima defesa após uma discussão com o advogado na frente na agência dos Correios na avenida Getúlio Vargas, em Castilho.

Segundo a polícia, o sindicalista foi flagrado por câmeras de segurança.

O site RegionalPress acompanha o caso e outras informações poderão ser divulgadas a qualquer momento.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!