Connect with us

Rio Preto

Paciente é preso após ‘surtar’ e destruir caixas de arquivos em pronto atendimento

De acordo com a Guarda Civil Municipal, foram necessários quatro guardas para algemar o paciente que apresentava sinais de embriaguez.

Publicado

em

Paciente destruiu arquivos de unidade de pronto atendimento de Rio Preto (SP) (Foto: Guarda Civil Municipal/Divulgação)


Um paciente de 30 anos foi preso após “surtar” e destruir caixas de arquivos guardados em uma sala da Unidade de Pronto Atendimento do Jardim Antunes, em Rio Preto (SP), na madrugada desta segunda-feira (14).

De acordo com a Guarda Civil Municipal, ele recusou ser medicado, se trancou em uma sala da unidade de saúde e destruiu os arquivos do local.

Foram necessários quatro guardas para algemar o paciente. Ainda segundo a guarda municipal, ele apresentava sinais de embriaguez, foi preso e está à disposição da Justiça.

Deixe sua opinião

Fonte: G1
Anunciante

rervista

Penitenciária de Presidente Bernardes intercepta fones de ouvido e chips na sola de chinelos

Entorpecentes, extratos bancários, mensagens e celulares também foram flagrados em várias unidades neste fim de semana

Publicado

em

Nos dias 23 e 24 de março, estabelecimentos prisionais subordinados a Coordenadoria de Unidades Prisionais da Região Oeste do Estado (Croeste) registraram tentativas frustradas de inserção de objetos ilícitos nos presídios e que foram barrados durante os procedimentos de revista. Vale lembrar que os visitantes flagrados são excluídos do rol de visitas e levados à Delegacia de Polícia Civil mais próxima, sem prejuízo de responderem na esfera criminal. Também é instaurado Procedimento Disciplinar para apurar a cumplicidade dos presos que receberiam os materiais podendo, ainda, ser instaurados Procedimentos de Apuração Preliminar para apurar supostas responsabilidades funcionais.

SÁBADO (23/03/19)
PENITENCIÁRIA DE ASSIS
Enquanto realizava os procedimentos de revista em visitantes para permitir a entrada destas no presídio, uma servidora da unidade identificou que uma das mulheres trazia anotações na parte interna das calças, o que também foi informado via denúncia anônima. O material foi apreendido, a mulher suspensa do rol de visitas e tomadas as providências pertinentes.

PENITENCIÁRIA “NESTOR CANOA” DE MIRANDÓPOLIS (PI)
Por volta das 8h, ao passar os alimentos trazidos por familiares de sentenciados pelo aparelho de Raios X, servidores encontraram ocultos 03 (três) extratos bancários em uma vasilha plástica contendo arroz. O objeto seria entrega ao companheiro da mulher que cumpre pena na unidade prisional, a qual foi suspensa do rol de visitas pelo período de 30 dias por tentar burlar as normas de segurança.

DOMINGO (24/03/19)
PENITENCIÁRIA “ASP. PAULO GUIMARÃES” DE LAVÍNIA (PIII)
O irmão de um sentenciado da unidade prisional tentou ingressar no local com 02 (dois) invólucros contendo placas de celular escondida dentro de uma vasilha de alimentação. A descoberta foi feita no momento em que passavam o recipiente pelo aparelho de raios X para revista. O homem foi suspenso do rol de visitas, as providências administrativas tomadas e o sentenciado isolado em cela disciplinar.

PENITENCIÁRIA “SILVIO YOSHIHIKO HINOHARA” DE PRESIDENTE BERNARDES
Cinco visitantes do sexo feminino foram surpreendidas tentando entrar com objetos proibidos na Penitenciária “Silvio Yoshihiko Hinohara” de Presidente Bernardes. Os ilícitos foram descobertos durante os procedimentos de revista, via scanner corporal, aparelho pelo qual foi possível visualizar 25 (vinte e cinco) chips e 10 (dez) auto falantes com fone de ouvido escondidos na sola de chinelos e mais 03 (três) celulares escondidos nas genitálias das visitantes. Todas as pessoas flagradas foram conduzidas à delegacia de polícia onde foram lavrados Boletins de Ocorrência. Também foram instaurados Procedimentos Disciplinares para apurar a cumplicidade dos sentenciados que receberiam os ilícitos.

PENITENCIÁRIA “ANÍSIO APARECIDO DE OLIVEIRA” DE ANDRADINA
Durante os procedimentos de revista via scanner corporal, Agentes de Segurança Penitenciária visualizaram pelas imagens geradas no equipamento que uma visitante escondia algo estranho na altura da genitália. Após ser questionada, a mulher entregou prontamente um volume que continha como conteúdo substância esverdeada, supostamente maconha. Desta forma, a Polícia Militar foi acionada, sendo a pessoa flagrada conduzida à delegacia de polícia para as providências cabíveis, além de ser suspensa do rol de visitas.

PENITENCIÁRIA DE VALPARAÍSO
A irmã de um sentenciado tentou ingressar na unidade prisional escondendo dois invólucros que continham 02 (dois) celulares, 04 (quatro) alto falantes e 02 (dois) pedaços de fio de estanho medindo aproximadamente seis centímetros cada. A mulher foi suspensa do rol de visitas e todas as providências de praxe foram tomadas.

PENITENCIÁRIA “TACYAN MENEZES DE LUCENA” DE MARTINÓPOLIS
A companheira de um sentenciado tentou ingressar na unidade prisional portando pacotes de fumo desfiados que, na verdade, ocultavam erva esverdeada com aspecto, cheiro e cor análoga ao entorpecente “maconha”. A descoberta foi realizada durante a passagem dos materiais pelo aparelho de raios X, sendo a visitante suspensa do rol de visitas e encaminhada à delegacia local. Um Procedimento de Infração Disciplinar em desfavor do sentenciado também foi instaurado para apurar a responsabilidade deste no evento.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

Mistério

Investigado na Lava Jato é encontrado morto em Porto Alegre

Publicado

em

(FOLHAPRESS) – Apontado pelo Ministério Público Federal (MPF) como suspeito de atuar como doleiro da Odebrecht em pagamentos de propinas, Antônio Claudio Albernaz Cordeiro foi encontrado morto em Porto Alegre na tarde do último domingo (24).

Conhecido como Tonico, o homem estava na sua casa, na zona sul da capital gaúcha, quando foi encontrado. A Polícia Civil do Rio Grande do Sul suspeita de suicídio.

“Todos indicativos do levantamento preliminar apontam para suicídio, não há indicativo inicial de ter sido homicídio”, disse à reportagem a delegada Vanessa Pitrez, diretora do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa. De acordo com Pitrez, um inquérito será instaurado.

Tonico já havia sido preso temporariamente em decorrência de investigações da Operação Lava Jato. A primeira vez foi em 2016, parte da fase Xepa. Ele foi solto quatro dias depois por ordem do juiz Sergio Moro, atual ministro da Justiça. Foi a Xepa que desvendou o “departamento de propinas” da Odebrecht.

A segunda prisão foi em 2018, parte da operação Câmbio, Desligo, um desdobramento da Lava Jato no Rio, que expôs uma rede de doleiros suspeitos de lavagem de dinheiro.

No mesmo ano, Cordeiro foi alvo de um mandato de busca e apreensão na Operação Étimo, no Rio Grande do Sul, que investiga desvio de verbas entre 2000 e 2011.

Deixe sua opinião

Continue Lendo

Urgente

Homem assalta loja com faca e acaba preso por PM à paisana em Araçatuba

Publicado

em

Faca usada no crime foi apreendida pela PM; Acusado estava com o dinheiro roubado, um frasco de colírio e um corote de pinga

Um homem de 42 anos foi preso em flagrante após assaltar uma loja nesta segunda-feira (25), em Araçatuba. O crime foi praticado na Rua Aviação, bairro de mesmo nome.

Armado com uma faca, Hélio Fábio da Silva, o Peixe, rendeu duas funcionária e roubou R$ 351 de uma loja de roupas. As vítimas contaram à polícia que o acusado estava muito agressivo e que chegou a ameaçá-las de morte.

Após o crime, o indiciado correu para o bairro Monterrey. Um policial militar da Rocam, que estava de folga e à paisana, percebeu a movimentação e evitou que o acusado fugisse do local. (foto abaixo)

Foto: Leitor por WhatsApp

A Força Tática foi acionada deteve o acusado, que ainda tentou investir contra os policiais.

Hélio foi autuado em flagrante por roubo consumado. A PM apreendeu a faca usada no crime e recuperou o dinheiro roubado.

O indiciado será apresentado em audiência de custódia na manhã desta terça-feira (26).

Deixe sua opinião

Continue Lendo

ASSISTA

Justiça decreta prisão preventiva de homem acusado de estuprar menina de 10 anos em Araçatuba

Publicado

em

O homem de 55 anos detido neste domingo acusado de abusar sexualmente de uma menina de 10 anos teve a prisão preventiva decretada pela Justiça na tarde desta segunda-feira e será transferido agora a tarde para a cadeia de Penápolis. O pedido foi feito pela Polícia Civil que abriu inquérito para investigar o caso, que veio à tona neste domingo após denúncia feita pela madrasta da vítima.

O acusado é um catador de materiais recicláveis que mora no bairro São José. A reportagem do Regional Press apurou que a menina não é neta da companheira do acusado, como chegou a ser noticiado. A mulher dele apenas ajudaria a cuidar da criança, já que a mãe da menina está detida. A garotinha, segundo familiares do acusado, chegou a ficar durante quatro meses sob os cuidados da companheira do catador de materiais recicláveis.

O caso veio à tona depois que a garotinha revelou à madrasta, neste domingo, que desde quando tinha sete anos teria começado a ser abusada pelo acusado.

A reportagem apurou que a mãe da menina está presa. Atualmente a garotinha está morando com o pai. A pessoa que acionou a PM ao saber do caso passou o endereço do acusado.

Policiais militares foram até o local e encontraram o homem, que ao ser questionado confirmou os abusos.
A madrasta ainda relatou que certa vez levou a menina ao médico, que estranhou o fato de uma criança ter corrimento e dores na genitália. O repórter Sílvio Romero, do Araçatuba Acontece, site parceiro do Regional Press, entrevistou o acusado. Assista o vídeo:

Deixe sua opinião

Continue Lendo

©2018 Regional Press- Direitos Reservados | Vamos fazer um site? Logo RC Criativa