Fique Conectado

Detento em liberdade provisória causa pânico e acaba baleado dentro de ônibus

Publicado

em

Anunciante

Valdir Cândido de Araújo, de 57 anos, que estava preso em Lavínia e havia acabado de ganhar a liberdade provisória, foi morto a tiros após causar um tumulto e provocar pânico dentro de um ônibus de passageiros que havia saído de Pereira Barreto com destino à capital paulista.

De acordo com o boletim de ocorrência, um policial militar de 33 anos estava a bordo do ônibus que havia partido de Pereira Barreto. Araújo embarcou em Lavínia, de acordo com testemunhas, embriagado.

Ao ver o policial militar, que estava a frente do ônibus, ele passou a fazer provocações com ofensas e ameaças, inclusive de morte. No momento havia pouco mais de 10 passageiros no veículo. Para evitar confusão, o militar se levantou e ocupou um poltrona no fundo do ônibus.

Quando o veículo entrou na rodovia e as luzes internas se apagaram, Araújo foi até o policial fazer mais provocações e partiu para cima dele inclusive se apoderando de sua arma, uma pistola .40, de uso restrito.

O PM conseguiu pegar a arma de volta e precisou disparar um tiro para conter o agressor. Mesmo com a mão ferida pelo disparo, o homem continuou indo para cima do militar, que deu outros tiros atingindo o braço e a virilha do detento.

Ao perceber o tumulto o motorista acendeu as luzes internas e parou o ônibus no acostamento. O militar levantou e foi em direção a saída do ônibus, sendo seguido por Araújo, mesmo estando ferido.

Perto da porta, ainda no corredor do ônibus, o detento partiu novamente para cima do militar, que deu mais três tiros, acertando o peito do agressor, que caiu e acabou morrendo no local.

A Polícia Rodoviária foi acionada e conduziu todos os passageiros até a delegacia de Lavínia, para registro da ocorrência.

Oque você acha disso?

Substâncias proibidas

Personal trainer é preso com anabolizantes em Araçatuba

Professor de academia tinha medicamento de uso restrito e veterinário no carro e em casa, no condomínio Alta Vista

Publicado

em

Um personal trainer foi preso em flagrante com anabolizantes, efedrina (substância de uso restrito) e medicamento de uso veterinário, mas que é usado por frequentadores de academias.

Parte das substâncias estava no apartamento do acusado, no condomínio Alta Vista, bairro Concórdia. A Justiça expediu mandado de busca que foi cumprido por policiais civis do GOE (Grupo de Operações Especiais) de Araçatuba.

A Polícia Civil já havia recebido denúncias de uso e venda de anabolizantes envolvendo o acusado. O personal trainer, de 23 anos,  foi abordado ao sair de uma academia no bairro Icaray. Parte das substâncias estava no carro dele. O restante foi encontrado no apartamento.

Foram apreendidos nove frascos de Potenay (medicamento de uso veterinário); três frascos de anabolizantes , uma cartela de efedrina , um celular e duas receitas médicas sem data para aquisição de anabolizantes. A emissão da receita será investigada.

O acusado, que não teve o nome divulgado pela polícia, foi autuado em flagrante por crime contra a saúde pública, cuja pena é de 10 a 15 anos.

EFEDRINA
Embora restritos no Brasil, a efedrina e outros compostos são consumidos nas academias, com a promessa de ser uma das substâncias mais eficazes para a perda de peso e para dar um “pique” a mais no treino. A efedrina é mundialmente famosa por casos de doping no esporte.

O uso de efedrina pode acarretar tremores, ansiedade, dor de cabeça e náuseas. Entre os efeitos do uso excessivo da efedrina pode-se observar: ataques cardíacos, disfunções primárias musculares, convulsões, sudorese e diurese intensas, aumento da pressão arterial e derrames.

ANABOLIZANTES
Conforme especialistas, muitas pessoas que praticam esportes procuram por anabolizantes para aumentar a competitividade, ajudar na cura de lesões ou simplesmente por questões estéticas.

Usar anabolizantes para fins estéticos ou para aumentar o rendimento esportivo é um grande risco para a saúde, segundo a classe médica.

POTENAY
O Potenay é uma espécie de polivitamínico para animais de grande porte, como cavalos, touros, vacas e outros do gênero. É utilizado em animais debilitados e doentes, disponibilizando mais energia (devido a um composto chamado mefentermina, um composto próximo da metanfetamina), dando também mais rendimentos para os animais que participam de competições e rodeios.

A substância, de uso veterinário, não deve ser usada em humanos. No entanto, investigação da polícia aponta que muitas pessoas utilizam o medicamento para ganhar força muscular, o que se torna extremamente perigoso para a saúde.

Oque você acha disso?

Continue Lendo

REGIÃO DE RIO PRETO

Motorista é preso com quase 1 tonelada de maconha em fundo falso de caminhão

Abordagem aconteceu em Santa Adélia. Polícia informou que tabletes da droga estavam embalados a vácuo escondidos na carroceria.

Publicado

em

Motorista foi preso com quase uma tonelada de maconha em Santa Adélia (Foto: Divulgação/Polícia Rodoviária Estadual)

Um homem foi preso após ser flagrado com quase uma tonelada de maconha, na madrugada desta sexta-feira (24), na rodovia Washington Luís, em Santa Adélia (SP).

De acordo com a polícia, ele dirigia o caminhão, quando foi abordado em um posto de combustíveis na rodovia e demonstrou nervosismo com a presença dos policiais.

Durante a revista pelo veículo, os policiais encontraram a droga escondida no fundo falso da carroceria do caminhão. Segundo a polícia, os tabletes de maconha estavam embalados a vácuo.

Todo o entorpecente foi encaminhado à delegacia e o motorista foi preso em flagrante por tráfico de drogas.

Oque você acha disso?

Continue Lendo

Santa Bárbara d'Oeste

Homem é morto na frente de filho e esposa dentro de carro, no interior de SP

O suspeito se aproximou do veículo, começou uma conversa com a vítima e disparou contra o homem

Publicado

em

A violência fez mais uma vítima em São Paulo, na tarde desta quinta-feira (23). Um homem foi morto a tiros na frente da mulher e do filho pequeno, no bairro Parque do Lago, em Santa Bárbara d’Oeste. O suspeito se aproximou do carro em uma moto e disparou, segundo informações da Guarda Municipal.

“Um indivíduo chegou ao lado do veículo, efetuou disparos e se evadiu”, informou o sub-inspetor da Guarda Civil, Robson Aparecido Carnelli, em entrevista ao G1. Ainda é desconhecida a motivação do crime. A mulher e a criança não foram atingidas. Até o momento, ninguém foi preso.

Oque você acha disso?

Continue Lendo

Facebook

Anunciante Sou Mais Familia

MAIS LIDAS DO DIA